a democracia e neocolonização

1405 palavras 6 páginas
Neurotransmissor
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Neurotransmissores são substâncias químicas produzidas pelos neurônios, as células nervosas com a função de biossinalização. Por meio delas, podem enviar informações a outras células. Podem também estimular a continuidade de um impulso ou efetuar a reação final no órgão ou músculo alvo.
Índice
1 Mecanismo de ação
1.1 Formação
1.2 Liberação
2 Locais de ação
3 Colinas
4 Aminas Biogênicas
5 Aminoácidos
6 Neuropeptídeos
7 Neurotransmissores e suas Funções
7.1 Dopamina
7.2 Serotonina
7.3 Acetilcolina (ACh)
7.4 Noradrenalina
7.5 Glutamato
7.6 Encefalina e endorfina
8 Doenças derivadas
Mecanismo de ação
Os neurotransmissores agem nas sinapses, que são o ponto de junção do neurônio com outra célula.
Formação
Diagrama de uma sinapse
A - Axônio Pré-sináptico.
B - Fenda Sináptica.
C - Célula Pós-sináptica.
Os neurotransmissores (4) são produzidos na célula transmissora (A) e são acumulados em vesículas, as vesículas sinápticas (1). Isso pode ocorrer por ação direta de uma substância química, como um hormônio, sobre receptores celulares pré-sinápticos (3).
Liberação
Quando um potencial de ação ocorre, as vesículas se fundem com a membrana plasmática, liberando os neurotransmissores na fenda sináptica, por exocitose (B).
Estes neurotransmissores agem sobre a célula receptora (C), através de proteínas que se situam na membrana plasmática desta, os receptores celulares pós-sinápticos (6). Os receptores ativados geram modificações no interior da célula receptora, através dos segundos mensageiros (2). Estas modificações é que originarão a resposta final desta celula.
Proteínas especiais da célula transmissora retiram o neurotransmissor da fenda sináptica, através de bombas de recaptação (5). Algumas enzimas, inativam quimicamente os neurotransmissores, interrompendo a sua acção. Segue a figura ao lado
Locais de ação
Essas substâncias atuam no encéfalo, na medula espinhal e nos nervos

Relacionados

  • movimentos sociais e serviço social
    1071 palavras | 5 páginas
  • Colonização e neocolonização da ghr
    8287 palavras | 34 páginas
  • 1 E 2 revolucao industrial + crise de 29
    1899 palavras | 8 páginas
  • democracia
    1368 palavras | 6 páginas
  • COLONIZAÇÃO E NEOCOLONIZAÇÃO DA GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS NO BRASIL (1950-2010)
    7288 palavras | 30 páginas
  • economia
    3431 palavras | 14 páginas
  • A construção da identidade face ao multiculturalismo moderno
    4836 palavras | 20 páginas
  • A realidade: tendência a destruição das forças produtivas e os desafios educacionais
    1640 palavras | 7 páginas
  • educação civica
    4416 palavras | 18 páginas
  • O MOVIMENTO DE LIBERTAÇÃO NACIONAL EM AFRICA APÓS A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL
    3770 palavras | 16 páginas