A DEMÊNCIA DE ALZHEIMER E SUAS TERAPÊUTICAS NÃO FARMACOLÓGICAS

Páginas: 4 (892 palavras) Publicado: 1 de outubro de 2013
Em novembro de 1906 o neuropatologista alemão Alois Alzheimer, apresentou pela primeira vez, o caso de uma mulher com 51 anos de idade, que portava uma enfermidade psíquica caracterizada poroscilações em seu estado de ânimo e perda considerável de memória. Após sua morte, ele descobriu algumas formações compactas e outras filiformes e intuiu que a causa das espetaculares alterações depersonalidade residia naquelas formações. Passados mais de 100 anos após essa descrição, o conceito da demência de Alzheimer (DA) continua evoluindo, tendo em vista que novas descobertas são realizadas no campodas neurociências, o que pode resultar em diagnósticos cada vez mais precoces antes mesmo da manifestação dos sinais clínicos da doença.
Acredita-se que cerca de 35 milhões de pacientes em todo omundo sofrem com essa doença (BRANDT e HANSER, em PINTO, 2010). A demência de Alzheimer tem a idade como único fator de risco bem conhecido e aceito universalmente, embora a combinação de fatoresgenéticos e ambientais também seja percebida entre suas causas.
De acordo com Neto e Elkis (2007) “conforme a idade em que se apresentem os sintomas iniciais, a DA pode ser classificada em dois subtipos:pré-senil (antes dos 65 anos) e senil (após os 65 anos).” (p.676). Entretanto, alguns autores dizem que essa classificação era mais comum no passado, para fazer distinção em relação à idade com que seiniciava o quadro demencial, ou seja, os mais velhos eram descritos como senis e os mais jovens como pré-senis. Atualmente o uso dessa terminologia é enfaticamente desencorajado, pois como citam Cayton,Warner e Graham (2000) “a doença de Alzheimer é a mesma doença, ocorra em que idade ocorrer.” (p.17).
Souza (2011) apresenta a classificação da demência de Alzheimer em três fases – inicialintermediária e avançada ou terminal - com seus respetivos sintomas. Essas fases variam bastante em cada paciente, sendo tomadas muito mais como efeito didático para compreensão do quadro evolutivo da...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Demência de alzheimer
  • Demencia e alzheimer
  • A obesidade como fator de risco para o desenvolvimento da resistência insulínica e terapêutica nào farmacológica
  • Demências e a Doença de Alzheimer
  • Demência de alzheimer e vascular
  • Controlo da dispneia: estratégias farmacológicas e não farmacológicas para o seu alívio
  • Demência, hipertensão, diabetes e alzheimer na terceira idade
  • Terapêutica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!