A cultura cigana

Páginas: 12 (2881 palavras) Publicado: 8 de abril de 2014








A cultura cigana





Administração de Empresa
Turma: D
Ciências Humanas e Sociais



Itu, Abril de 2013.
Sumário
A cultura cigana............................................................................................................3
Usos, costumes, crenças e rituais..................................................................................7Literatura......................................................................................................................11
Conclusão.....................................................................................................................12
Bibliografia..................................................................................................................12A cultura cigana


Gypsies, gitanos, zíngaros, ciganas pessoas Rom, juntamente com os Sintos e os Calon ou Calé são designados vulgarmente por ‘CIGANOS’. São pessoas tradicionalmente nômades, originárias do norte da Índia e que hoje vivem espalhadas pelo mundo,especialmente na Europa,sendo sempre uma minoria étnica nos países onde vivem.
Os Rom são muitas vezes tidos comopossuidores de poderes psíquicos(há mesmo o estereótipo do ‘cigano que prevê o futuro’), e a invenção do tarô e lhes por vezes creditada.



As Caravanas - Acampamento em Arles, França, pelo pintor Vincent van Gogh.




Maiores concentrações de ciganos no Mundo:

Alemanha: 100.000
Albânia: 70.000
Argentina: 317.000
Bósnia: 17.000
Brasil: 678.000
Bulgária:700.000 - 800.000
Croácia: 9.463
Espanha: 600.000 - 800.000
Finlândia: 10.000
Grécia: 300.000 - 350.000
Hungria: 190.046 (2001 censos)
Irão: 110.000 
Macedônia: 53.879
Montenegro: 2.601
Polônia: 15.000 - 50.000
Portugal: 40.000
Reino-Unido: 40.000
Republica Checa: 120.000-220.000
Romênia: 535.140(2002 censos), e outros censos calculam entre 1.500,00-2.000,000
Rússia: 183.000Sérvia: 108.193
Eslováquia: 92.500
Turquia: não oficial 500.000-2 milhões de pessoas.
Ucrânia: 48.000

Os primeiros ciganos teriam começado a entrar na Europa por volta do séc. XII. As primeiras notícias da sua presença em Portugal datam da segunda metade do séc. XV.Algumas dezenas de anos depois de se instalarem em Portugal, já os ciganos estava identificados com a imagem negativa que perdurar até aos nossos dias de hoje e que continuamente será evocada para os reprimirem ou expulsarem. A comunidade cigana resistiu a tudo e aqui permaneceu.
E hoje enfrenta um novo e decisivo desafio: a integração imposta em nome do progresso e dos direitos humanos.
GilVicente dedicou lhes uma peça de teatro: Farsa de Ciganos - representada em Évora, em 1521 ou 1525.
Nesta altura, os ciganos são já identificados como comunidade de gente Nômade que se dedica a roubar num sítio aquilo que vão vender no outro. Dominam o comércio das cavalguras, em especial aquelas que se encontram doentes fazendo as passar por animais de boa saúde. Celebrizam se também por sededicarem as práticas de feitiçarias, quiromancia e cartomancia.
Percorrem o país em bandos (quadrilhas) a que se juntam não raro, outros foragidos ás malhas da Lei.
Evocando tudo isto, D. João III, pelo Alvará de 13 de Março de 1526, proibiu os de entrarem em Portugal, ordenando a expulsão de todos os que ali viviam. Ao longo dos séculos são inúmeras as leis promulgadas com idêntica finalidade. Sempremais severas, mas sempre inúteis. Uma das ultimas, foi a de D. João V, em 10 de Dezembro de 1718.
A partir do século XIX, o Estado deixou de colocar a questão da expulsão dos ciganos, passando a considera-los cidadãos portugueses, embora soubesse que estes se auto excluem de prestarem qualquer serviço a comunidade, nem se manifestam dispostos a aceitarem as suas leis.
Nas últimas décadas,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Cultura Cigana
  • A Cultura Cigana
  • Cultura cigana
  • Cultura cigana
  • A cultura cigana
  • Cultura Cigana
  • Cultura cigana
  • Traços da cultura cigana

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!