A construção no sentido da arquitetura

Páginas: 7 (1657 palavras) Publicado: 20 de agosto de 2014
Apresentação da bibliografia:

NETTO, João T.C. A construção no sentido da arquitetura.
Coleção Debates arquitetura. Editora Perspecitva. São Paulo,
1979.
Aluna: Veridiana Atanasio

Disciplina: Idéia, Método e Linguagem

Prof.: Sônia Afonso

Prefácio: Por uma Linguagem da Arquitetura
Linguagem: Arquitetura é arte e desta forma necessita de uma
linguagem mais ou menos intuitiva queesteja ao alcance do receptor –
não apenas ao alcance do criador.
Elementos da linguagem: discurso do espaço em si mesmo (arranjo
espacial) e o discurso estético do espaço (arranjo espacial sobre forma
artística)
Significado de arquitetura x Significado de espaço
Livro: não pretende definir o termo espaço e sim mostrar qualificá-lo...
“Espaço como uma forma genérica de expressão queefetivamente
informa o homem e como detentor de sentidos passíveis de uma
formalização necessária para a operação sobre este mesmo espaço,
para a prática arquitetural”

1. O sentido do espaço
Uma definição de arquitetura... Segundo Augusto Perret: “Arquitetura
é a arte de organizar o espaço que se exprime através da construção”.
Assim como Perret, muitos tentam definir arquitetura... que dependeda
definição de espaço pois estes estão intimamente ligados. Segundo o
autor, os arquitetos não sabem o sentido de espaço fazendo com que
estes trabalhem às escuras.
Semiologia da arquitetura?... Definido o objeto da arquitetura como
sendo a produção do espaço é necessário estudar sobre suas
limitações e espécies.
Segundo o autor:
”os estudos de semiologia são pouco úteis no que dizrespeito ao estabelecimento de uma semiologia do espaço
arquitetural de caráter genérico e englobante, passível de ser
utilizada como instrumento de trabalho e não apenas como
tema de infindáveis discussões teóricas”...
“Pesquisas semiológicas constituem um verdadeiro circo onde cada um
manipula um conceito particular que provocará modelos cuja utilidade
consiste unicamente em existir enquantotais e mais nada”...

Há outra razão ainda para deixar de lado tais pesquisas: “todo
estabelecimento de um modelo semiológico tem por resultado a fixação do
discurso analisado em moldes inelásticos apreende-se e imobiliza-se
o objeto de estudo”
Excessiva preocupação com a
ordem e um excessivo
reducionismo
Soma imensa de dados importantes
mas, pela falta de organicidade,
tornam-seinoperantes

Busca-se neste livro, um processo que retire de onde for conveniente o
material necessário, a indagação será praticamente, no sentido expresso
anti-semiótica.

Demarcação e a proposição de um esquema definidor do espaço
arquitetônico capaz de se apresentar como uma linguagem comum de
análise e reflexão:
Análise sem exaustão
De nível mais amplo de modo a delimitar apenas e não“esmiuçar”
Tão abrangente quanto possível embora permanecendo simples –
podendo-se aprofundar na vertical a análise
Premissas gerais:
O processo mais simples do conhecimento humano e
manipulação da informação é aquele baseado na
oposição binária (sim X não, aceso X apagado).
Este processo só intervirá na determinação dos pares
de opostos que formarão os eixos organizadores do
sentido do espaço– será ressaltado no momento inicial
da análise, com será visto a seguir.

X

Eixos organizadores do sentido do espaço...
Objetivo da leitura do espaço criada a partir de eixos:
“Proceder a uma leitura do discurso arquitetural, mas ao invés de se seguir o
caminho até aqui trilhado pela semiologia, propõe-se organizar o discurso
arquitetural num sistema (eixos) e investigar as referências(significados) livremente, a partir do ponto de vista exigido mais
imediatamente pela natureza de casa eixo”.
Eixos organizadores do espaço:
-A determinação dos eixos foi feita de modo a poder ser considerada a mais
ampla necessária.
-Os eixos possuem conecção vertical
-O modo de resolver estas oposições é como jogar de maneira dialética entre
um e outro

1° Eixo do espaço...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A construção do sentido na arquitetura
  • introdução a construção no sentido da arquitetura
  • a construção do sentido da arquitetura
  • Fichamento de citação A Construção do sentido na arquitetura
  • A construção dos sentidos
  • Arquitetura e construçao
  • Arquitetura e Construção
  • Construção e arquitetura

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!