A construção do conceito de união homoafetiva como uma entidade familiar

Páginas: 4 (760 palavras) Publicado: 22 de agosto de 2011
ANA KARLA SOARES, GABRIELA CAVALCANTI, KEYZA MARIA, LAIANE SAYONARA, VALERIA SOARES, WÊDJA BEATRIZ

A CONSTRUÇÃO DO CONCEITO DE UNIÃO HOMOAFETIVA COMO UMA ENTIDADE FAMILIAR

FACULDADE VALE DOIPOJUCA
CARUARU
2011
ANA KARLA SOARES, GABRIELA CAVALCANTI, KEYZA MARIA, LAIANE SAYONARA, VALERIA SOARES, WÊDJA BEATRIZ

A CONSTRUÇÃO DO CONCEITO DE UNIÃO HOMOAFETIVA COMO UMA ENTIDADE FAMILIARTrabalho entregue ao Profº.Bruno Tabosa
da disciplina de Metodologia aplicada ao Direito IIdo curso de Direito, da Faculdade Valedo Ipojuca – FAVIP

FACULDADE VALE DO IPOJUCA
CARUARU
2011
SUMÁRIO

1. TEMA
2. PROBLEMATIZAÇÃO
3. JUSTIFICATIVA
4. OBJETIVOS5.1 OBJETIVO GERAL
5.2 OBJETIVOS ESPECIFICOS
5. METODOLOGIA INICIAL
6. BIBLIOGRAFIA INICIAL


1. TEMA

A construção do conceito de união homoafetiva como uma entidadefamiliar.

2. PROBLEMATIZAÇÃO

Por que os preceitos fundamentais não estão contribuindo para inclusão da relação entre pessoas do mesmo sexo em uma legislação específica brasileira?

3.JUSTIFICATIVA

A legislação brasileira contém inúmeras lacunas e dentre elas a não inclusão da relação homoafetiva no Direito de Família ou em qualquer outro sistema de normas, porém em alguns casos aexclusão se torna explicita como é o caso do art. 226, §3°da CF, onde se encontra relatado a união estável “homem e mulher”, excluindo as relações afetivas entre pessoas do mesmo sexo, apesar dealgumas pesquisas indicarem que há uma média de 22% da população ocidental que é homossexual é possível, contudo, notar que o preconceito e a discriminação existem, não apenas na parte considerada leiga...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • União homoafetiva como entidade familiar
  • O reconhecimento da uniao homoafetiva como entidade familiar
  • A legalização do casamento homossexual no brasil e o reconhecimento da união homoafetiva como entidade familiar
  • ANÁLISE DOS MEIOS DE INTERPRETAÇÃO UTILIZADOS PELO SUPREMO NO RECONHECIMENTO DA UNIÃO HOMOAFETIVA COMO ENTIDADE FAMILIAR
  • Entidades familiares concomitantes
  • O RECONHECIMENTO DA UNIÃO HOMOAFETIVA COMO INSTITUIÇÃO FAMILIAR
  • A união homossexual e seu status de entidade familiar
  • União Homoafetiva

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!