A atuaçaop do psicologo em contexto hospitalar ambulatorio

Páginas: 7 (1734 palavras) Publicado: 2 de outubro de 2011
A Atuação de Psicólogos em Contexto Hospitalar
-Ambulatórios

1. INTRODUÇÃO
Na era da pós-modernidade tudo vem se transformando de maneira rápida e constante. Sendo assim o mercado de trabalho não poderia, e não fica, estagnado. As profissões se multiplicam e, mesmo dentro de uma profissão já existente o “leque” de opções não para deaumentar e os profissionais se vêem frente a uma diversidade enorme de possibilidades de atuação. Na psicologia não é diferente. Hoje a prática clínica, apesar de ainda ser maioria, esta longe de ser exclusiva e primeira opção de muitos psicólogos, tanto recém formados quanto os que já possuem certa experiência.
No tempo de “mudanças de conceitos”, o de saúde não ficou pra trás. Saúde deixou de serapenas a ausência de doenças e/ou sintomas e passou a ser, segundo a Organização Mundial de Saúde (O.M.S) conceitua saúde como sendo “o completo bem-estar físico, psíquico e social, ocorrendo conjuntamente, e não apenas a ausência de doença ou enfermidade”.
É nesse contexto de mudanças e aberturas de possibilidades que surge a atuação do psicólogo no contexto hospitalar, área que vem ganhandoespaço e reconhecimento com o passar do tempo e despertando cada vez mais interesse nos estudantes de psicologia.

2. A Psicologia da Saúde
A Psicologia da Saúde surgiu de formas diferentes em todo o mundo. Na Espanha, segundo Baptista e Dias (2003), ela começou a ser foco da atenção apenas nos anos 70, mas apenas nos anos 80 que a Psicologia da Saúde começou a ser reconhecida como um campodiferenciado e com características próprias.
Também nos anos 80, ainda de acordo com os autores, na Áustria a Psicologia da Saúde se estabeleceu como uma área especializada da Psicologia Cientifica, através da concepção de que variáveis psicológicas ligadas à experiência e ao comportamento são consideradas pontos fundamentais na causa, desenvolvimento, formação e manutenção dos processos de saúdee doença.
No Brasil, o surgimento da Psicologia da Saúde também foi na década de 80. Mais precisamente, era em 1987 que o desenvolvimento dessa área se encontrava em sua fase inicial. (BAPTISTA E DIAS, 2003).
De acordo com Baptista e Dias (2003), a Psicologia da Saúde não se restringe aos ambientes hospitalares, mas também aos centros de saúde ou quaisquer programas que venham a enfocar asaúde coletiva. Além disso, mesmo dentro dos hospitais, o psicólogo pode trabalhar em diversos contextos e um deles é o ambulatório.
Os mesmos autores, citando Taylor (1995) dizem que a Psicologia da Saúde é um campo que estuda as influências psicológicas na saúde, e acaba por se inter-relacionar com diversas outras profissões e áreas de atuação.
Baptista e Dias (2003) lembram também que opsicólogo de outras áreas pode também contribuir para a ação contra comportamentos de risco na saúde, tendo também o apoio do CFP (Conselho Federal de Psicologia) e do CRP (Conselho Regional de Psicologia), pois estes órgãos estão trabalhando no sentido de favorecer algumas mudanças para identificar profissionais especialistas nessa área.

3. Ambulatórios

A história do ambulatório geralexiste há doze anos. No inicio este atendia pacientes com diferentes doenças orgânicas, da mais leves as mais crônicas, e pacientes sem doenças alguma, eram encaminhados aos psicólogos como pessoas com problemas mentais.
Os ambulatórios são locais específicos dos hospitais que destinam-se primordialmente para diagnóstico e tratamento de pacientes quando não é constatada neste a necessidade deinternação. As ações nestes locais são para promoção, prevenção, recuperação e reabilitação dos usuários. (ROMANO, 1999).
No ambulatório os profissionais podem acompanhar o ciclo do doente desde o início até o fim do tratamento, passando pelo diagnóstico, tratamento, com registro e segmentos de todas as intervenções realizadas, recuperação e reabilitação, aliados à possibilidade de ações...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A ATUAÇAO DO PSICOLOGO NO CONTEXTO HOSPITALAR
  • História, inserção e formação do psicólogo comportamental no contexto hospitalar
  • Resenha do artigo: o psicólogo e as questões éticas no contexto hospitalar
  • Psicologo hospitalar
  • “UMA ABORDAGEM DA PSICANÁLISE INTEGRAL NO CONTEXTO INTERATIVO DA RELAÇÃO PSICÓLOGO/PACIENTE HOSPITALAR E...
  • Contexto Hospitalar
  • Psicologia Hospitalar: formação do psicologo hospitalar
  • a atuação do psicologo hospitalar

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!