Visaõ economia

Páginas: 5 (1227 palavras) Publicado: 11 de maio de 2011
VISÃO ATUAL DA ECONOMIA BRASILEIRA

Hoje o Brasil tem uma economia forte, sólida, aberta e inserida no processo de globalização, é um grande produtor e exportador de diversos produtos entre eles commodities minerais, agrícolas e manufaturados. As áreas da indústria, agrícola e serviço são bem desenvolvidas e encontram-se num processo de expansão.

CRESCIMENTO
Em 2009 nossa economia teve umarecessão de 0,2% devido a crise mundial, mesmo assim neste ano voltamos a ser a 8ª economia mundial. No primeiro semestre de 2010 houve uma reviravolta e tivemos um crescimento superior a 7% no ano.
Com o governo de Lula, as expectativas internacionais mudaram para melhor mesmo sendo um resultado á longo prazo. No inicio deste governo, houve um grande erro quanto a elevação de juros da SELIC, ogoverno mostrou capacidade em manter os fundamentos da política macroeconômica, evitando o pior que seria a falta de confiança generalizada. Em 2009 a queda da SELIC em pequenas proporções retardou a reação econômica que se deu no 2º semestre do ano. Em 2010 o Banco Central no primeiro semestre aumentou os juros básicos devido a temores inflacionários infundados.

DIVIDA PUBLICA
Não há comonegar que no governo Lula houve um controle visando o equilíbrio entre inflação, contas fiscais e sólidas contas externas, como também redução da relação divida/PIB devido à forte redução da parcela corrigida pelo câmbio. Porém em 2009 esta relação voltou a subir com força para 49,5%.
Em 28 de novembro de 2009, o Brasil conquistou direito de veto no FMI, com isto, países do BRICs, EUA, Japão epaíses da União Européia têm poder de veto as principais decisões do FMI. Passou a integrar o NAB (Novos acordo de empréstimos) com US$ 14 bilhões de contribuição ao fundo, ele é um pool de reservas para reforça a capacidade financeira do FMI.

RESERVAS MONETÁRIAS
Em fevereiro de 2008, noticiou-se que nossos ativos aplicados no exterior, superavam a divida externa (publica e privada), pela primeiraem toda sua história, o Brasil tornara-se credor com um saldo de US$ 4,3 bilhões. Com o agravamento da crise mundial no 4º trimestre conseguimos manter as reservas monetárias, o BC por diversas vezes vendeu dólar á vista, mas ainda assim aumentou suas reservas. Em novembro de 2009, nossas reservas atingiram a inédita cifra de US$ 238 bilhões, mesmo com esta evolução terminamos 2009 na 9ª colocaçãono ranking de reserva monetárias.

DIVIDA EXTERNA E PIB NOMINAL / PPP

Em março de 2008 o IBGE anunciou que o PIB NOMINAL havia crescido 5,4% em 2007, atingiu US$ 1,333 trilhão, com dólar médio de R$ 1,95. A relação da divida externa baixou para 14,8%.
A dívida externa do Brasil fechou 2007 com US$ 197,7 bilhões, porém em 2008 as reservas internacionais cobriram este patamar, pela primeiravez na história os ativos aplicados no exterior superaram a divida externa com saldo positivo de US$ 4,3 bilhões.
Em junho de 2010 a divida externa estava em US$ 225 bilhões, e no mês de março de 2009 a divida somava US$ 212 bilhões.
A relação entre o tamanho da dívida externa e as reservas monetárias internacionais vem apresentando uma reviravolta a partir de 2009, sendo a primeira apenas 80%da segunda.
Nossa dívida foi paga antecipadamente ao FMI e o Clube Paris, mudando o perfil de devedor para credor. Em junho de 2009 o Brasil emprestou ao FMI US$ 10 bilhões. Este pagamento antecipado é bem visto por investidores internacionais o que contribuiu para queda do Risco Brasil, e obtenção do chamado investiment grade (grau de investimento) das agências de classificação de risco. Apósobter o grau de investimento, o aporte de recursos no Brasil começou a crescer em 2009, como nunca visto anteriormente.
Em 2008 quando houve este pagamento antecipado e definição do grau de Risco Brasil esperava-se uma enxurrada de dólares no Brasil, pois os principais fundos de investimentos passaram a ter permissão para fazer investimentos aqui, pois no regulamento destes não é permitido...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Visão geral de economia
  • 4. Uma Visão Geral da Economia
  • Economia
  • Economia uma visao pessoal
  • visão geral de um curso de economia
  • VISÃO GERAL DA ECONOMIA
  • A visão da economia atual e a sua influencia no cidadão brasileiro
  • AS NOVAS REALIDADES no governo e na política, na economia e nas empresas, na sociedade e na visão do mundo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!