Violência Doméstica: A dor de se reconhecer ferida.

Páginas: 78 (19257 palavras) Publicado: 15 de maio de 2014





































“A violência, seja qual for a maneira como ela se manifesta, é sempre uma derrota.”
(Jean-Paul Sartre)







RESUMO



O presente trabalho apresenta um estudo sobre a violência contra as mulheres, tendo o objetivo de entender este ciclo de violência e o que as fazem sair deste. O trabalho está dividido emtrês capítulos, sendo que o primeiro aborda família, gênero e sociedade. No segundo, violência doméstica, a Lei Maria da Penha e os locais de proteção a mulheres vítimas de violência, finalizando o estudo com as análises dos dados. Este estudo foi feito na Casa Abrigo Esperança e Vida de Foz do Iguaçu, sendo entrevistadas três mulheres que estavam abrigadas no mesmo. Para tanto, além da revisãobibliográfica sobre o assunto, o trabalho seguiu uma abordagem qualitativa. O instrumento utilizado como técnica de coleta de informações foram entrevistas semi-estruturadas e a análise de conteúdo para a interpretação dos dados. O principal aspecto desta pesquisa que apareceu na análise de dados, e que mostra a relevância do assunto, foi o fato de as mulheres recorrerem à Lei no momento em que os seusfilhos são ameaçados, além de revelar o quanto este momento é difícil para elas, de angústia e insegurança.

Palavras-chave: Violência-contra mulher; Ciclo de Violência; Denúncia; Lei Maria da Penha.




















































SUMÁRIO


INTRODUÇÃO 11
1 MULHER, FAMÍLIA E SOCIEDADE 15
1.1 A TRAJETÓRIA DA MULHER NOCONTEXTO FAMILIAR 15
1.2 MULHER, SOCIEDADE E GÊNERO 18
2 Proteção social a mulher: enfrentando a violência 23
2.1 LEI MARIA DA PENHA E ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA 23
2.2 A REDE DE PROTEÇÃO À MULHER VÍTIMA DE VIOLÊNCIA 30
3 ANÁLISE DOS DADOS 33
4 CONSIDERAÇÕES FINAIS 40
REFERÊNCIAS 42
APÊNDICE 45
Apêndice A: Termo de Consentimento Livre e Esclarecido doEntrevistado 46
Apêndice B: Termo de Solicitação de Campo de Pesquisa 47
Apêndice C: Roteiro da Entrevista 48
ANEXO 49













INTRODUÇÃO



A violência, em suas formas destrutivas, visa ao outro para destruí-lo, atingindo assim a humanidade como um todo, não importando raça, classe social, ou cultura. A violência cresce a cada dia, sendo divulgada nos meios de comunicaçãoe ocupando capas de jornais e noticiários de televisão, os quais mostram a extensão da tragédia, das mortes, dos abusos de poder entre as pessoas, enfim, de todos os fatores com ela envolvidos.
Contudo, o que nos mostra este trabalho é a violência contra a mulher. A violência é apresentada aqui como todo e qualquer ato que resulte em dano ou sofrimento, seja moral, físico, sexual ou psicológico,tanto na esfera pública – relacionada, por exemplo, à discriminação machista e a discriminação no mercado de trabalho –, como na esfera privada, quando se trata das tarefas domésticas e responsabilidades na criação dos filhos.
Esta violência é preocupante pelo seu número crescente, assim como pelos seus efeitos tanto para a vítima como para aqueles que convivem com ela e são dependentes, emespecial, os filhos, que acabam sendo vítimas. Este trabalho mostra a preocupação que as próprias mulheres trazem, a fim de tentar conscientizar sobre a importância deste assunto no sentido de tentar evitar e até mesmo erradicá-la, buscando punir e responsabilizar os autores da violência. Pois como diz Maria Berenice Dias (2003) “a ferida sara, os ossos quebrados se recuperam, o sangue seca, mas aperda da autoestima, o sentimento de menos valia, a depressão, essas são feridas que não cicatrizam”.
Por isso, a realização deste trabalho tomou como referência o contexto social atual de violência contra a mulher e, para melhor entendermos esse contexto, o trabalho estrutura-se em quatro capítulos, sendo que no primeiro se refere à família, sociedade e mulher, onde define esta família como...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Dor no doente com ferida
  • violencia doméstica
  • Violencia Domestica
  • Violencia domestica
  • Violencia domestica
  • Violência doméstica
  • Violencia domestica
  • Violencia domestica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!