Violência contra a criança e o adolescente

Páginas: 9 (2208 palavras) Publicado: 9 de fevereiro de 2014
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS
Programa de Graduação em Medicina




Riccardo Casarotti




Violência contra a criança e o adolescente: um estudo voltado para o médico em formação







Betim
2013


Riccardo Casarotti

Violência contra a criança e o adolescente: um estudo voltado para o médico em formação





Trabalho para formação do livrocompilado pelos alunos da UBS Rosa Capuche
Orientadora: Dr. Isabel Moreira







Betim
2013

Sumário:



1- INTRODUÇÃO
2- FORMAS DE VIOLÊNCIA
2.1- Violência Física
2.2- Violência Sexual
2.3- Negligência
2.4- Síndrome de Munchausen por Procuração
2.5- Outras formas de violência
3- CONCLUSÃO
REFERÊNCIAS



1- Introdução
O Brasil possui uma população de 190 milhões depessoas, dos quais 60 milhões têm menos de 18 anos de idade, o que equivale a quase um terço de toda a população de crianças e adolescentes da América Latina e do Caribe. São dezenas de milhões de pessoas que possuem direitos e deveres e necessitam de condições para se desenvolverem com plenitude todo o seu potencial.
Uma das prioridades do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) écontribuir para a garantia do direito de cada criança sobreviver e desenvolver todo o seu potencial, mediante amplo investimento na primeira infância. Tal investimento constitui a maior e melhor maneira para reduzir as iniquidades, enfrentar a pobreza e construir uma sociedade com condições sociais e ambientais sustentáveis. (WAKSMAN, 2011)
A relação entre a condição social e a violência contra acriança e o adolescente pode não ser clara para alguns, mas pesquisadores que estudam a relação violência-saúde têm definido a violência como um fenômeno gerado nos processos sociais, levando as pessoas, grupos, instituições e sociedades a se agredirem mutuamente, a se dominarem, a tomarem à força a vida, o psiquismo, os bens e/ou o patrimônio alheio.
Dessa forma, pode-se dizer que existe umaviolência estrutural, que se apoia socioeconômica e politicamente nas desigualdades, apropriações e expropriações das classes e grupos sociais; uma violência cultural que se expressa a partir da violência estrutural, mas a transcende e se manifesta nas relações de dominação raciais, étnicas, dos grupos etários e familiares; uma violência da delinquência que se manifesta naquilo que a sociedade consideracrime.
Dito isso, vale ressaltar que as crianças são especialmente vulneráveis às violações de direitos, à pobreza e à iniquidade no País. Segundo dados da Unicef, 29% da população vive em famílias pobres, mas, entre as crianças, esse número chega a 45,6%. As crianças negras, por exemplo, têm quase 70% mais chance de viver na pobreza do que as brancas; o mesmo pode ser observado para as criançasque vivem em áreas rurais. Na região do Semiárido, onde vivem 13 milhões de crianças, mais de 70% das crianças e dos adolescentes são classificados como pobres. Essas iniquidades são o maior obstáculo para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) por parte do País.
Existem diversas formas de violência contra o infante e, o presente artigo, abordará as principais.

2- Formasde violência
2.1- Violência Física

É a forma mais comum e a de mais fácil diagnóstico, geralmente associada à disciplina ou punição, sendo uma causa importante de morbi-mortalidade na infância. Segundo Pires (2004), os indícios da violência podem ocorrer em qualquer área do corpo, e o médico deve estar preparado para reconhecer uma variedade de sinais. A suspeita diagnóstica de abuso físicodeve ser feita sempre que houver discrepância entre a história e o exame físico. O tempo de latência do ocorrido até a procura por ajuda costuma ser longo, ao contrário de verdadeiros acidentes em que a procura é imediata. Os “acidentes” são recidivantes e não é raro encontrar achados semelhantes nos irmãos, sendo estes últimos, muitas vezes, responsabilizados pelo ocorrido.
As lesões...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • violencia contra a criança e adolescente
  • Violência contra criança e adolescentes
  • Violência contra crianças e adolescentes
  • A violência contra crianças e adolescentes
  • VIOLÊNCIAS CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES
  • Violência contra criança e adolescentes
  • violencia contra criança e adolescente
  • violencia contra criança e adolescente

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!