Vidas Secas- Graciliano Ramos

Páginas: 6 (1370 palavras) Publicado: 15 de maio de 2014
Colégio Mais Positivo






Vidas Secas: exclusão social e marginalização













Uberlândia
2013
Amanda Carvalho Ferreira
Andressa Caroline
Érika Pires Reis
Gabriel Rangel
Mariana Peralta Pereira
Tatiana Roepck



Vidas Secas: exclusão social e marginalização

Trabalho apresentado à disciplina de Literatura, a respeito do livro “Vidas Secas” do autorGraciliano Ramos.







Uberlândia
2013
resumo

O presente trabalho tem como principal objetivo identificar no livro Vidas Secas, de Graciliano Ramos, aspectos de exclusão social a marginalização. Notar-se-á a presença de intertextualidade com outras obras literárias e delimitação da obra e do autor a segunda fase modernista.


















tabela de ilustraçõesFigura 1- Os Retirantes (1944) 8
Figura 2- Criança Morta (1944) 9


















sumário

















introdução

O trabalho problematiza questões como a exclusão social e a marginalização relatados no livro Vidas Secas, de Graciliano Ramos, como aspectos vigentes na época no Nordeste brasileiro, vividos por uma família sertaneja que, porcausa da seca, saem do lugar onde vivem em busca de melhores condições de vida.
O livro, caracterizado como da segunda geração modernista de 1930, assim como o livro Vida e Morte Severina, de João Cabral de Melo Neto, relatam acontecimentos em relação ao coletivo, problemas regionais e sociais, e por isso, é possível estabelecer relações de intertextualidade entre as obras. No decorrer do trabalhoserão realizadas intertextualidades com outras obras que relatam as mesmas problemáticas.














DESENVOLVIMENTO

O autor Graciliano Ramos em sua obra Vidas Secas retrata a realidade de uma família que vive em meio à seca e a fome. A narrativa transcorre na década de 30, mostrando as mazelas de uma determinada região do país, o Nordeste, em uma voz coletiva, caracterizandoo autor como regionalista, inserindo-o também na segunda geração modernista.
Através de alguns trechos do livro pode-se observar as questões referentes a pobreza vivenciada por Fabiano e sua família. No ápice da fome, eles comem o próprio papagaio que revelava no livro um aspecto referente à exclusão vivida.
“Resolvera de supetão aproveitá-lo como alimento e justificara-se declarando a si mesmaque ele era mudo e inútil. Não podia deixar de ser mudo. Ordinariamente a família falava pouco. E depois daquele desastre viviam todos calados, raramente soltavam palavras curtas. O louro aboiava, tangendo um gado inexistente, e latia arremedando a cachorra”. (VS p. 12)

A família conversava pouco por não entender muitos vocábulos e, por isso, o papagaio que normalmente imitaria o que é ditopelos seres humanos, repete os sons emitidos pela cachorra Baleia. Percebe-se então uma animalização ou desumanização das personagens em consequência à seca. Portanto uma situação considerada imutável, já que se acredita que a vida no Nordeste nunca seria diferente. Por isso Graciliano Ramos utiliza no decorrer da narrativa o uso do discurso indireto, na 3ª pessoa, para acentuar a falta dearticulação verbal das personagens.
Também em relação às mazelas sociais vividas pela família podemos destacar a fome. Em decorrência da escassez de chuvas não há alimentos, e por isso eles acabam comendo o papagaio. Por isso eles recorrem a migração, saindo do Nordeste em busca de melhores condições de vida, fugindo da fome, mas convivendo com ela no caminho, como visto em “Chegaria naquele estado, morrendode fome, comendo raízes”. (VS p.17)
Com isso, é possível traçar um paralelo da obra de Graciliano Ramos, com Morte e Vida Severina, de João Cabral de Melo Neto, já que ambos relatam a vida de retirantes, que caminham à procura de condições para sobreviver.
“Vejo que o Capibaribe,
Como os rios lá de cima,
é tão pobre que nem sempre
pode cumprir sua sina
e no verão também corta,
com...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Vidas Secas
  • Vidas secas
  • Graciliano Ramos Vidas Secas
  • Vidas Secas
  • Vidas Secas
  • Graciliano ramos vidas secas
  • Vidas Secas Graciliano Ramos
  • Vidas secas, graciliano ramos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!