Velhos e Novos Mitos do Rural

Páginas: 20 (4780 palavras) Publicado: 17 de novembro de 2014
VELHOS

E

N OVOS MITOS

DO

R URAL BRASILEIRO

Velhos e novos mitos
do rural brasileiro
JOSÉ GRAZIANO DA SILVA
sintética podemos dizer que nossas pesquisas no âmbito
do Projeto Rurbano (1) nas suas fases I e II (2) contribuíram para derrubar
alguns velhos mitos sobre o mundo rural brasileiro, mas que, infelizmente,
podem estar servindo para criar outros novos.

D

E FORMAMUITO

Apresentaremos a seguir o que julgamos ser as principais conclusões obtidas pela pesquisa até o momento e um listado do que estamos nos propondo a pesquisar na fase III, iniciada em maio de 2001 e que se prolongará ate 2003.

Os velhos mitos
“O rural é sinônimo de atraso”

Mostramos que o rural não se opõe ao urbano enquanto símbolo da modernidade. Há no rural brasileiro ainda muito doatraso, da violência, por razões em
parte históricas, relacionadas com a forma como foi feita a nossa colonização, baseada em grandes propriedades com trabalho escravo.
Mas há também a emergência de um novo rural, composto tanto pelo
agribusiness quanto por novos sujeitos sociais: alguns neo-rurais, que exploram
os nichos de mercados das novas atividades agrícolas (criação de escargot, plantase animais exóticos etc.); moradores de condomínios rurais de alto padrão; loteamentos clandestinos que abrigam muitos empregados domésticos e aposentados,
que não conseguem sobreviver na cidade com o salário mínimo que recebem;
milhões de agricultores familiares e pluriativos, empregados agrícolas e não-agrícolas; e ainda milhões de sem-sem, excluídos e desorganizados, que além de não
teremterra, também não têm emprego, não têm casa, não têm saúde, não têm
educação e nem mesmo pertencem a uma organização como o MST para poderem
expressar suas reivindicações.
Infelizmente essa categoria dos “sem-sem” vem crescendo rapidamente,
em especial a partir da segunda metade dos anos 90. Os dados da PNAD de 1999
permitem uma aproximação desse contingente de pobres rurais: são quase trêsmilhões de famílias (ou 15 milhões de pessoas) sobrevivendo com uma renda disponível per capita de US$ 1 ou menos por dia (R$ 34,60 mensais ao câmbio de
setembro/99) (3).

ESTUDOS AVANÇADOS 15 (43), 2001

37

JOSÉ GRAZIANO

DA

S I L VA

Mais de metade dessas famílias de pobres rurais tem suas rendas provenientes exclusivamente de atividades agrícolas: são famílias por conta própria(30% do
total) com áreas de terras insuficientes e/ou com condição de acesso à terra precária
(parceiros, posseiros, cessionários) ou famílias de empregados agrícolas (25%), a
grande maioria sem carteira assinada.
Um terço dessas famílias de pobres rurais moram em domicílios sem luz
elétrica, quase 90% não tem água canalizada, nem esgoto ou fossa séptica. Em
quase metade dessas famílias maispobres, o chefe ou pessoa de referência nunca
freqüentou a escola ou não completou a primeira série do primeiro grau, podendo
ser considerado como analfabeto.
Mas, infelizmente, nada disso é privilégio do “velho rural atrasado”: das
4,3 milhões de famílias pobres residentes em áreas não-metropolitanas (pequenas
e médias cidades), 70% não têm também rede coletora de esgoto ou fossa séptica,quase 30% não possui água encanada, embora menos de 5% não tenha luz elétrica
no domicílio. Em um terço delas o chefe de família também pode ser considerado
analfabeto. Fica patente apenas a diferença entre rural e urbano no que diz respeito
ao acesso à energia elétrica, que atualmente constitui um dos serviços básicos
fundamentais, sem o qual fica difícil falar em modernidade. Infelizmente,essa
diferença se explica em grande parte pela possibilidade dos pobres urbanos fazerem ligações clandestinas (gatos).

38

ESTUDOS AVANÇADOS 15 (43), 2001

VELHOS

E

N OVOS MITOS

DO

R URAL BRASILEIRO

“O rural é predominantemente agrícola”

Mostramos que um número crescente de pessoas que residem em áreas rurais estão hoje ocupadas em atividades não-agrícolas. Os dados da...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • viagem do velho para o novo mundo
  • Luz entre o Velho e o Novo
  • Didatica velhos e novos temas
  • Didática velhos e novos temas
  • Introdução ao velho e novo testamento
  • Novos e Velhos atores
  • As fronteiras: velhos e novos significados
  • Velhos e novos princípios de urbanismo.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!