Varios

Páginas: 337 (84005 palavras) Publicado: 10 de agosto de 2013
ENQUANTO O AMOR NÃO VEM
Iyanla Vanzant

1

Introdução

O que você faz enquanto o amor não vem? Em algum lugar no fundo de sua mente você sabe e
espera que chegue o dia em que o relacionamento que você tem agora se torne o grande amor
que você sempre esperou. Ou que, um dia, apareça alguém que preencha seu desejo de amor.
Porém, a pergunta permanece: o que você vai fazer nessemeio-tempo? O amor é uma coisa
engraçada. Ele nos encontra nas circunstâncias mais incomuns, no momento mais improvável. O
amor cai de surpresa em cima de você, joga os braços em sua volta e transforma toda a sua
existência. Infelizmente, a maioria de nós não reconhece a experiência ou entende o impacto
quando está acontecendo. Talvez porque o amor raramente surja nos lugares em que esperamos
ou tenhaa aparência que imaginamos.
Ele era alto, magro, muito quieto, quase tímido. Eu era baixinha, gorducha e bastante,
devo dizer, intempestiva. Eu estava sempre fazendo coisas que chamavam a atenção —
normalmente atenção negativa. Ele tinha dezessete anos. Eu tinha treze. Ele era líder de grupo
em uma colônia de férias e eu tinha sido contratada durante o verão. Uma desorganizaçãoadministrativa apagou meu nome da folha de pagamento. Ele foi designado para garantir que eu
recebesse.
Parecia que ninguém se importava com o que estava acontecendo comigo, a não ser ele.
Guiou-me através de um processo que levou semanas para ser resolvido. Enquanto íamos de
escritório em escritório, de supervisor em supervisor, ele era paciente, me assegurando
constantemente que tudo ia acabar bem, e euestava com raiva. Ele era encorajador e eu
realmente precisava ser encorajada! Eu acreditava nele porque me dava a oportunidade de estar
em sua presença. A persistência dele finalmente foi recompensada. Recebi três cheques de
quarenta e cinco dólares cada um. Foi um momento emocionante para mim. Foi uma realização
para ele. Ele estava simplesmente fazendo o seu trabalho. Eu estavasimplesmente apaixonada.
Ele tinha outros vinte e cinco funcionários com os quais se preocupar. Eu não conseguia pensar
em mais nada, a não ser nele. Havia apenas um pequeno problema que precisava resolver. Esse
rapaz, por quem eu estava enlouquecidamente apaixonada, estava saindo com uma das minhas
melhores amigas. Foi o começo do meu aprendizado.
Passei trinta anos da minha vida apaixonada por essehomem. Concluí que nunca iríamos
ou poderíamos ficar juntos. Ele era muito velho para mim e eu não era boa o suficiente para ser
amada por ele ou por qualquer outra pessoa. Durante esse processo de tirar conclusões, viver e
acreditar, também tomei algumas decisões.
Decidi que nunca mais seria machucada pelo amor. Ainda que eu não estivesse muito
certa sobre o que me havia ferido em relação aoamor, sabia que nunca mais queria ter a mesma
experiência dos meus treze anos. Também decidi que nenhum homem faria comigo o que meu pai
havia feito à minha mãe. O que ele havia feito não era problema meu, mas transformei em
2

problema meu ao observar, julgar e tentar entender o que ninguém parecia ser capaz de me
contar abertamente. Quem é que sabe a verdade a respeito do amor, ou dosrelacionamentos? O
que realmente havia de errado com o que eu sentia, via, com o que eu acreditava e com o que eu
concluía a partir dos modelos de relacionamento que havia presenciado? Boas perguntas! Eu tinha
que descobrir as respostas.
Com dezesseis anos, pensei que realmente havia encontrado o amor. Em vez disso, fiquei
grávida e fui deixada sozinha para cuidar de uma criança. Com dezenove, eusabia que havia
encontrado o amor, portanto casei-me com ele. Errada de novo! Aos vinte e um, o amor me
telefonou, saiu comigo três vezes e se mudou para a minha casa. Foi aí que houve um salto no
meu aprendizado. Durante esse processo as coisas foram se tornando muito, muito claras. Ficou
claro que tudo o que eu pensava sobre o amor não tinha nada a ver com ele. Percebi que não
conseguia...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Varios
  • varios
  • Vários
  • Varios
  • Varios
  • Varios
  • VARIOS
  • varios

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!