variação linguísticas

Páginas: 7 (1604 palavras) Publicado: 25 de setembro de 2014
1. Introdução
Um dos maiores problemas ocorridos em torno do ensino de língua materna é o
método como o professor ensina aos alunos a sua própria língua. É sabido que o ensino
de Língua Portuguesa se restringe totalmente ao uso da gramática normativa, a qual
delimita o que é certo ou errado. Tal procedimento não leva em consideração o processo
de variação ocorrido em todos os níveis dalíngua a partir de fatores geográficos, status
socioeconômicos, grau de escolarização, idade, por exemplo.
Em virtude desse tipo tradicionalista de ensino, o processo de normatização
retira da língua a sua realidade social, complexa e dinâmica, tornando-a como um
objeto externo a essa própria realidade, criando o estereótipo que a Língua Portuguesa é
de difícil aprendizado.
Oprofessor de português continua com o mesmo estudo inadequado das
nomenclaturas e classificações gramaticais. Os alunos não são convidados a aprender a
sua própria língua, enquanto, os professores não são convidados a pesquisar. O
ensino escolar disseminou por muito tempo a ideia que o “certo” é pronunciar como se
escreve, como se a escrita tivesse primazia sobre a pronúncia. Diante disto, o papel daescola como responsável pela formação de cidadãos conscientes, é desmistificar essa
ideologia calcada na mente de muitos brasileiros.









Mas, o que é variação Linguística?
Um dos maiores problemas enfrentados pelos professores na sala de aula diz
respeito à questão da variação linguística. A maioria dos professores não sabe como
lidar com este assunto, já que ficam presosas regras gramaticais e poucos dão ênfase ao
processo de variação. Além disso, na maioria das vezes, quando comentada na sala de
aula passa a ser sinônimo de “falar errado”. No entanto, é preciso que se compreenda
que a variação linguística é a maneira peculiar de falar de cada indivíduo.
Para evitar esse tipo de situação é necessário entender que a língua sofre
mudanças ao decorrer dotempo, por isso não deve ser estudada como uma coisa morta,
sem levar em consideração as pessoas vivas que as falam como afirma Bagno (2008). A
língua, afinal, se renova incessantemente. Sendo assim, é unânime a concepção que as
línguas não são uniformes, mas variável, dinâmica e múltipla.
Dizer que a língua apresenta variação significa dizer que ela é heterogênea
devido aos aspectossociais, culturais, econômicos, geográficos que a compõe.
Conforme Rodrigues (2002) há dois tipos de variação. A primeira ocorre em função
do falante. A segunda em função do ouvinte. A variante em função do falante pode ser
denominada de variação dialetal como variantes espaciais (dialetos geográficos ou
diatópicos), variantes de classe social (dialetos sociais ou diastráticos), variantes degrupos de idade (dialetos etários), variantes de sexo (dialetos masculinos e femininos),
variantes de gerações (variantes diacrônicas). A variante em função do ouvinte pode ser
chamada de registro que passam a ser variantes de grau de formalismo, variantes de modalidade (falada e escrita) e variantes de sintonia (ajustamento do emissor ao
receptor).
Desta forma, fica evidente que a variaçãolinguística não ocorre apenas no
modo de falar das comunidades, dos grupos sociais. Mostra-se também no
comportamento de cada indivíduo, enfim, de cada falante da língua à medida que se
encontra em um determinado contexto ou situação. Esse tipo de variação é também
denominado de variação estilística. Os falantes adequam suas formas de expressão às
finalidades específicas, de seu atoenunciativo, isso decorre de uma seleção dentre o
conjunto de forma que constituem o saber linguístico.
Bagno (2007) denomina a variação estilística de monitoramento estilístico, já
que em situações de maior ou menor formalidade, por exemplo, exige do falante um
determinado controle, uma atenção e um planejamento maior ou menor do seu
comportamento em geral e do seu comportamento verbal....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Variação Linguística
  • Variação linguística
  • variação linguistica
  • Variacao linguistica
  • Variação linguistica
  • variação linguistica
  • Variação linguistica
  • variação linguistica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!