UTILIZAÇÃO DE DIFERENTES METODOLOGIAS DE EXTRAÇÃO VISANDO COMPARAR O EFEITO DE EXTRATOS VEGETAIS SOBRE O CRESCIMENTO MICELIANO DE Sclerotium rolfsii IN VITRO RENATO

Páginas: 34 (8356 palavras) Publicado: 9 de março de 2014
9

1. INTRODUÇÃO

O fungo fitopatogênico Sclerotium rolfsii Sacc., habitante do solo, polífago,
pode causar podridão em raízes, colo de plantas jovens, em sementes, danos em
plântulas, folhas e frutos (BEDENDO, 1995; FARR et al., 1989).
O fungo produz estruturas de resistência chamadas de escleródios, sendo
globosos, pequenos, de 0,5-1,5 mm de diâmetro. Os escleródios são produzidos
naausência de hospedeiros e/ou condições climáticas desfavoráveis (BIANCHINI
et al., 1997).
A utilização das plantas como medicamento provavelmente é tão antiga
quanto o aparecimento do próprio homem. A evolução da arte de curar possui
numerosas fases, porém, torna-se difícil delimitá-las com exatidão, já que a
medicina esteve por muito tempo associada a práticas mágicas, místicas eritualísticas (PASTRO et. al., 2009).
As plantas, pelas suas propriedades terapêuticas ou tóxicas, adquiriram
fundamental importância na medicina popular. A flora brasileira é riquíssima em
exemplares que são utilizados pela população como plantas medicinais , com
atividade farmacológica sobre animais e o homem . As plantas medicinais sempre
foram objeto de estudo na tentativa de descobrir novas fontesde obtenção de
princípios ativos (SOSSAE, 2002).
A intervenção para o controle de doenças de plantas é feita, normalmente,
através de pesticidas. O uso racional desses produtos pode ter, em curto prazo,
um efeito satisfatório, no entanto, em longo prazo, torna-se danoso ao ambiente
e, ao próprio produtor, além de proporcionar o surgimento de isolados de
fitopatógenos

resistentes

àssubstâncias

químicas

utilizadas

(SCHWAN-

ESTRADA et al., 2003).
KIMATI et al. (1997) mencionam os seguintes ingredientes ativos para o
controle do fungo S. rolfsii: a) Preventivo – quintozene (amendoin, batata, feijão e
tomate); b) Curativo – tiofanato metílico (ervilha e feijão) e c) Tratamento de
Semente – quintozene (feijão) e captan (soja). De acordo com os dados de
KIMATI etal. (1997), há poucos ingredientes ativos para o controle deste
patógeno, principalmente para serem utilizados de maneira preventiva e curativa,
o que implica na necessidade de pesquisas, na busca de novos ingredientes

10
ativos, pois o mesmo pode desenvolver, ao longo do tempo, resistência aos atuais
ingredientes.
Assim, o controle alternativo surge como nova medida de proteção deplantas contra doenças, onde se destaca o uso de extratos vegetais, os quais
apontam a eficiência de várias plantas no controle de fitopatógenos. Diversos
trabalhos têm sido realizados visando comprovar a ação fungitóxica dos extratos
de plantas, inibindo além do crescimento micelial, a germinação de conídios de
fungos, confirmando a eficácia de sua utilização (SCHWAN-ESTRADA et al,
1997; BERNARDOet al., 1998).

2. OBJETIVO

O presente estudo teve como objetivo comparar diferentes métodos de
extração e o efeito dos extratos das plantas na inibição do crescimento miceliano
do fungo Sclerotium rolfsii.

3. REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

3.1 Descrição do fungo Sclerotium rolfsii

O fungo Sclerotium rolfsii é um importante fitopatógeno habitante de solo,
sendo responsável por podridão deraízes e do colo, murcha e tombamento de
plântulas. Apresenta extensa gama de hospedeiros, cerca de 500 espécies
botânicas, incluindo dicotiledôneas e monocotiledôneas, distribuindo-se em todas
as regiões agrícolas, com predominância nas zonas tropical e subtropical, onde
predominam condições de alta umidade e temperatura elevada (AYCOCK, 1966;
PUNJA e JENKINS, 1984; PUNJA, 1985; PUNJA eRAHE, 1992).
Os fungos classificados como habitantes do solo, são aqueles que
persistem no solo por muitos anos na ausência do hospedeiro suscetível. Este
grupo sobrevive sem um hospedeiro específico tanto pelo crescimento saprofítico
na matéria orgânica no solo ou por sua habilidade de parasitar ampla gama de
hospedeiros. (WATKINS e BOOSALIS, 1994).

11
O fungo produz estruturas de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • CONTROLE DE Sclerotium rolfsii COM EXTRATO VEGETAIS E Trichoderma sp.
  • UTILIZAÇÃO DE EXTRATOS VEGETAIS
  • Manual de Cultura de Tecidos vegetais in vitro
  • EFEITO DA MELATONINA SOBRE A PRODUÇÃO ENDOTELIAL DE ÓXIDO NÍTRICO IN VITRO E IN VIVO
  • RELATÓRIO DA AULA PRÁTICA SOBRE EFICACIA DO CALOR NO CRESCIMENTO MICROBIANO E AÇÃO ANTIBACTERICIDA DE...
  • Utilização do Fungo Glomus sp para promoção do crescimento vegetal
  • Mitos e verdades sobre fertilização in vitro
  • Extrato Vegetais

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!