Urgências e emergências hipertensivas

Páginas: 15 (3622 palavras) Publicado: 30 de setembro de 2012
URGÊNCIAS E EMERGÊNCIAS HIPERTENSIVAS
HYPERTENSIVE URGENCIES AND EMERGENCIES
Rogério Gomes Furtado1; Eduardo Barbosa Coelho2 & Fernando Nobre3
1Médico Residente R4. Divisão de Cardiologia. 2.Docente. Disciplina de Nefrologia. 3Coordenador da Unidade Clínica de Hipertensão
Arterial. Divisão de Cardiologia. Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP.CORRESPONDÊNCIA: Fernando Nobre. Divisãode Cardiologia.Hospital das Clinicas da FMRP/USP. Av. Bandeirante, 3900 - CEP 14048-900
Ribeirão Preto-SP. email: fernando.nobre@vol.com.br
FURTADO RG; COELHO EB & NOBRE F. Urgências e emergências hipertensivas. Medicina, Ribeirão
Preto, 36: 338-344, abr./dez. 2003.
RESUMO - Introdução - A Urgência e a Emergência Hipertensiva são ocorrências clínicas, quepodem representar mais de 25% dos atendimentos de urgência médica, devendo o médico deve
estar apto a diferenciá-las, visto que o prognóstico e o tratamento são distintos. Métodos - Foram
pesquisados, no site www.ncbi.nlm.nih.gov/PUBMED os artigos referentes ao termo “Crise Hipertensiva”
tendo sido selecionadas dezenove publicações, que foram analisadas nesta revisão.
Resultados - A EmergênciaHipertensiva resulta de elevação abrupta da pressão arterial,
com sintomas que sugerem lesões de órgãos-alvo, necessitando de internação hospitalar,em
ambiente de terapia intensiva e tratamento com Nitroprussiato de Sódio e/ou Urapidil. Na Urgência
Hipertensiva,ocorre aumento da pressão arterial, sem sinais e sintomas de lesão de órgãosalvo,
podendo ser ambulatorial o tratamento, commedicamentos por administração oral. Discussões
sobre diagnóstico, fisiopatologia e, sobretudo, tratamento apropriado são apresentados.
Conclusões - Urgência Hipertensiva é caracterizada por elevação da pressão sem sintomas e/
ou lesões em órgãos-alvo, necessitando de redução da pressão arterial em até 24 h. A Emergência
Hipertensiva configura-se como elevação significativa da pressão, com sintomas erisco de
vida, necessitando de tratamento e redução imediata da pressão.
UNITERMOS - Emergências. Hipertensão. Crise Hipertensiva.
338
1– INTRODUÇÃO
A Urgência e a Emergência Hipertensiva são
ocorrências clínicas, que podem representar mais de
25% dos atendimentos hospitalares de urgência. Estima-
se que 3% de todas as visitas às salas de emergências(
1) são decorrentes de elevaçõessignificativas
da pressão arterial. Usualmente, são situações clínicas
que necessitam de redução mais rápida da pressão
arterial.(2)
Pela grande freqüência com que os indivíduos
procuram atendimento médico-hospitalar, as Crises
Hipertensivas constituem-se em tema médico de importância.
Esta revisão aborda aspectos de relevância
do assunto.
2– CONCEITOS
A Crise Hipertensiva é, didaticamente,dividida
em Urgência e Emergência Hipertensiva. (3)
Na Urgência Hipertensiva, o aumento da pressão
arterial (PA) não representa risco imediato de vida
e nem dano agudo a órgãos-alvo, portanto, nessa situação,
o controle da PA poderá ser feito,reduzindo-se
a PA gradualmente, em 24h.(3)
Emergência Hipertensiva é a situação clínica,
caracterizada por PA marcadamente elevada e sinais
delesões de órgãos-alvo (Encefalopatia, Infarto Agudo
do Miocárdio, Angina Instável, Edema Agudo de
Pulmão, Eclâmpsia, Acidente Vascular Encefálico,
Dissecção de Aorta), requerendo internação hospita-
Medicina, Ribeirão Preto, Simpósio: URGÊNCIAS E EMERGÊNCIAS NEFROLÓGICAS
36: 338-344, abr./dez. 2003 Capítulo III
339
Urgências e emergências hipertensivas
lar e imediato uso de drogasanti-hipertensivas parenterais,
visando à redução da PA, em unidade de tratamento
intensivo.(3,4)
Pacientes que apresentam PA elevada, porém
assintomáticos ou sem deterioração de órgãos-alvo,
não se caracterizando Urgência ou Emergência Hipertensiva,
devem ser submetidos a tratamento ambulatorial.
(3)
Cherney et al.(1) afirmam que o nível absoluto da
pressão arterial, em situação de Emergência...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Urgência ou emergência hipertensiva
  • urgencia e emergencia hipertensiva
  • crise hipertensiva no atendimento de urgencia e emergencia
  • BASES FARMACOLÓGICAS EM URGÊNCIA E EMERGÊNCIA NA CRISE HIPERTENSIVA
  • Urgencia e emergencia
  • Emergencia Hipertensiva
  • Urgencia E Emergencia
  • urgencia e emergencia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!