Tutorial

Páginas: 5 (1212 palavras) Publicado: 30 de maio de 2014
O que é RAID

Como muitos já sabem a sigla RAID significa "Redundant Array of Inexpensive Disks". Mas você sabe como é que surgiu essa tecnologia???
Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Berkeley na Califórnia desenvolveram um estudo definindo o RAID e os seus níveis (inicialmente 5). O RAID surgiu como um método de substituir um único disco grande e muitíssimo caro na época porvários menores e com custo muito mais baixo. O principio básico envolvido nessa tecnologia é uma teoria muito simples: através da combinação de uma matriz formada por discos "pequenos", um administrador poderá gravar dados com redundância para prover tolerância à falhas em um sistema ou dividi-los para aumentar a performance.
Existem basicamente dois tipos de RAID, baseado em hardware ou em software.Nesse artigo estaremos descrevendo o RAID baseado em hardware que é o mais difundido e que não depende de nenhum sistema operacional para ter um desempenho satisfatório.
É importante notar que o RAID foi desenvolvido há mais de 15 anos e que foi originalmente desenvolvido para discos rígidos SCSI e só recentemente “herdado” pelos discos rígidos SATA. Então não espere que todos os níveis do RAIDsejam encontrados em discos SATA, mesmo porque muitos dos níveis abaixo explicados não são utilizados nem mesmo em discos SCSI alguns desses níveis por não serem tão úteis e outros por serem economicamente inviáveis.

Os níveis do RAID
O RAID pode trabalhar de varias maneiras distintas cada uma com funções diferentes. Essas “maneiras” que o RAID trabalha são conhecidas como Níveis de RAID.
RAIDNível 0

Esse nível também é conhecido como “Striping” ou “Fracionamento”.
No RAID 0 os dados do são divididos em pequenos segmentos e distribuídos entre os diversos discos disponíveis, o que proporciona alta performance na gravação e leitura de informações, porém não oferece redundância, ou seja, não é tolerante a falhas. O aumento da performance no RAID 0 é obtido porque se vários dadosfossem gravados em um único disco esse processo aconteceria de forma “Seqüencial” já nesse nível os dados são distribuídos entre os discos ao mesmo tempo.
O RAID 0 pode ser usado para estações de alta performance (CAD, tratamento de imagens e vídeos), porém não é indicado para sistemas de missão-crítica.

RAID Nível 0+1
O RAID 0+1 é uma combinação dos níveis 0 (striping) e 1 (mirroring). No RAID0+1 os dados são divididos entre os discos e duplicados para os demais discos. Assim temos uma combinação da performance do RAID 0 com a tolerância à falhas do RAID 1. Para a implantação do RAID 0+1 são necessários no mínimo 4 discos o que torna o sistema um pouco caro.
Ao contrario do que muitos pensam, o RAID 0+1 não é o mesmo do RAID 10. Quando um disco falha em RAID 0+1 o sistema se tornabasicamente um RAID 0.
O RAID 0+1 pode ser utilizado em estações que necessitam de alta performance com redundância como aplicações CAD e edição de vídeo e áudio.
RAID Nível 1

O nível 1 também é conhecido como "Mirror", “Duplexing” ou “Espelhamento”.
No RAID 1 os dados do são gravados em 2 ou mais discos ao mesmo tempo, oferecendo portanto redundância dos dados e fácil recuperação, comproteção contra falha em disco. Uma característica do RAID 1 é que a gravação de dados é mais lenta, pois é feita duas ou mais vezes. No entanto a leitura é mais rápida, pois o sistema pode acessar duas fontes para a busca das informações.
O RAID 1 pode ser usado para Servidores pelas características de ter uma leitura muito rápida e tolerância à falhas.

RAID Nível 2

O nível 2 também é conhecidocomo “Monitoring”.
O RAID 2 é direcionado para uso em discos que não possuem detecção de erro de fábrica, pois “adapta” o mecanismo de detecção de falhas em discos rígidos para funcionar em memória. O RAID 2 é muito pouco usado uma vez que todos discos modernos já possuem de fábrica a detecção de erro.

RAID Nível 3

No RAID 3 os dados são divididos (em nível de bytes) entre os discos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • TUTORIAL DE
  • Tutorial
  • Tutorial
  • Tutoriais
  • Tutorial
  • Tutorial
  • tutorial
  • Tutorial

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!