Tristão e isolda

Páginas: 12 (2752 palavras) Publicado: 17 de maio de 2012
TRISTAO E ISOLDA
O romance de Tristão e Isolda – versão escrita por Béroul, na França, no século XII – teve a sua origem na lenda celta do século IX dos jovens que, de tanto amor, morreram de tanto amar.

Este texto medieval que novecentos anos depois de ser escrito ainda encanta e aguça a mente de estudiosos – críticos literários, historiadores e antropólogos –, que desejam estudar e teorizardeterminados aspectos da obra.

Um ponto de relevância no estudo de Tristão e Isolda é a presença de elementos da cultura celta que permeiam todo o texto, principalmente no que se refere a personagem Isolda, a Loura, princesa celta que é dada em casamento ao Rei Marcos da Cornualha e que vive uma intensa paixão com Tristão, sobrinho do rei e melhor cavaleiro do reino.

Os elementos da cultura celtapresentes na obra – principalmente aqueles que dizem respeito a condição feminina –, podem ser analisados à luz da crítica feminina que é um instrumento analítico útil para o leitor/estudioso do século XXI, pós movimentos feministas radicais, compreender o comportamento da Mulher/Rainha Isolda, a Loura que tanto diferia das rainhas da sociedade medieval cristã.

A representação literária daMulher/Rainha Isolda, a Loura será o objeto de análise nessa leitura da obra de Béroul.

Essa análise – não só da representação literária da personagem Isolda, a Loura –, dos elementos da cultura celta presentes na obra serão norteados pela crítica feminina, que, aliada aos Estudos Culturais, permite uma leitura mais abrangente da obra principalmente no que diz respeito ao estudo da personagem femininae sua trajetória na obra literária.

A análise da representação feminina em Tristão e Isolda centrada na personagem Isolda leva o leitor a uma maior compreensão dos aspectos da cultura celta presentes na obra. Esses aspectos culturais são melhor analisados pelo viés da crítica feminina que, permite ao estudioso como ao leitor, uma outra visão dessa narrativa medieval. Visão esta que traz à tonaaspectos femininos que muitas vezes não são levados em conta numa leitura que não seja guiada pela crítica feminina.

Portanto, ler Tristão e Isolda à luz da crítica feminina contemporânea permite uma outra análise da obra de Béroul, que possibilita conhecer e entender melhor o papel da mulher na sociedade celta e a sua representação literária.



Os elementos culturais femininos em Tristão eIsolda

Realizar um estudo dos elementos culturais femininos presentes na versão francesa de Tristão e Isolda nos apresenta dados relevantes do comportamento feminino na sociedade medieval.

Escrita no século XII quando a Europa Ocidental vivia um momento especial, o chamado Renascimento do Século XII, as artes em geral e, principalmente a literatura estavam vivenciando um período de grande incentivo.Nesse cenário acolhedor para a criação no seu mais amplo espectro Béroul escreveu a sua versão da lenda celta de Tristão e Isolda.

Leonor d'Aquitânia, rainha de França foi a patrocinadora de uma das mais fecundas e criativas oficinas literárias da Idade Média Central na França (séculos XI a XIII), onde a lenda dos jovens que tanto amor, morreram de tanto amar (WISNIK, 1988: 145), foi escrita comgraça e beleza e ganhou fama em todas as cortes da Europa.

Primeiramente, a história dos dois jovens era cantada e acompanhada pelo alaúde, gaita de foles, naqara, cítola, cornamusa e tambolril, a “balada” de Tristão e Isolda era apresentada por músicos e cantores nas festas das cortes e era também cantada nas feiras e praças dos mercados e, assim todo o povo – dos reis aos mendigos - , ouviam asaventuras e desventuras dos amantes.

Esses cantores além da sua função lúdica de entreter os nobres e o povo em geral, eram os responsáveis por difundir a produção artística das oficinas de Leonor d'Aquitânia e de tantos outros reis que patrocinavam as artes como forma de promoverem o seu nome e seu governo.

Os aspectos culturais presentes nas baladas e canções produzidas nessas Oficinas...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Tristão e Isolda
  • tristão e isolda
  • Tristão e isolda
  • Tristão e Isolda
  • Tristao e isolda
  • Tristao E Isolda
  • tristao e isolda
  • TRISTÃO E ISOLDA

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!