Tricomoníase

Páginas: 6 (1276 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
COLÉGIO ESTADUAL SÃO MATEUS. ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO, PROFISSIONAL E NORMAL
FORMAÇÃO DE DOCENTES
MATÉRIA: Biologia SÉRIE: 2º ANO B
Prof.ª:
ENTREGA: 25 de abril de 2013
ALUNAS:




Tricomoníase


1-INTRODUÇÃO

Neste trabalho vamos falar sobre uma doença sexualmente transmissivel, o que etricomoniase, quais os sintomas os cuidados necessários. Aprender um pouco sobre essa doença e conhecer seu tratamento.





2-DESENVOLVIMENTO DO TRABALHO

A Tricomoníase, tricomoniose ou tricomonose é uma doença sexualmente transmissível, causada pelo parasita protozoário unicelular Trichomonas vaginalis. O T. vaginalis é um protozoário oval ou piriforme, anaeróbio facultativo,flagelado, e que possui movimento contínuo característico. É responsável por cerca de 10 a 15% dos corrimentos genitais infecciosos.



SINTOMAS

O T. vaginalis infecta principalmente o epitélio escamoso do sistema genital. Nas mulheres, a doença pode começar com uma secreção espumosa de cor verde-amarelada e odor desagradável, proveniente da vagina; este corrimento típico, contudo,ocorre em apenas cerca de 20% das pacientes. Nas demais, a referida secreção é apenas ligeira ou ausente. A vulva (os órgãos genitais femininos externos) pode estar irritada e dolorida, e é possível que o coito também cause dor (evento chamado dispareunia de intróito), devido à vaginite. Nos casos graves, a vulva e a pele que a rodeia inflamam-se, bem como os grandes e pequenos lábios. Outrossintomas são dor ao urinar (disúria) ou um aumento na freqüência das micções (polaciúria), que se assemelham aos de uma infecção do trato urinário baixo. Ao exame, o cérvice uterino apresenta um aspecto de colpis macularis (descrito como aspecto de morango ou framboesa). Dor abdominal pode ser indicativa de infecção do trato urogenital superior. Citologicamente, displasia e metaplasia do tecidocervical podem ser induzidas pelo parasita.
Nas infecções crônicas, os sintomas são discretos e o corrimento vaginal, pouco intenso; estas formas são de grande importância na propagação da doença.
Os homens com tricomoníase não manifestam habitualmente sintomas (estado assintomático), mas podem infectar as suas parceiras sexuais. Alguns apresentam uma secreção proveniente da uretra, espumosa esemelhante ao pus, sentem dor ao urinar (disúria) e polaciúria (estado agudo). Os referidos sintomas costumam ter lugar principalmente de manhã cedo. A uretra pode sofrer uma ligeira irritação e por vezes aparece umidade no orifício do pênis. Pode também se manifestar como doença sintomática leve e clinicamente indistinguível de outras causas de uretrites.
Disúria, uretrite ou contaminaçãopor bactérias oportunistas são ocorrência comum em ambos os sexos.


COMPLICAÇOES

Estudos demonstraram que o T. vaginalis favorece a transmissão do HIV, tanto pelas lesões e sangramento de mucosa que produz, como pela estimulação de reação inflamatória, atraindo para o local infiltração de leucócitos, inclusive Linfócitos T CD4+ e macrófagos (células alvo do HIV). Além disso, está associado a bebês debaixo peso e nascimentos prematuros em mulheres infectadas. Predispõe mulheres à Doença Inflamatória Pélvica, câncer de cévix uterino e infertilidade. Já foi descrita a sua associação com ruptura prematura de membrama amniótica, endometrite pós-parto, adesão e oclusão tubária (levando à infertilidade), e até feto natimorto e morte neonatal.
No homem, a infecção do epidídimo, que causa dor testicular,é possível. A próstata também pode infectar-se, mas o papel do T. vaginalis na patogenia das prostatites não é muito claro. Pode resultar infertilidade.



DIAGNOSTICO

No caso das mulheres, o diagnóstico geralmente estabelece-se em poucos minutos, examinando uma amostra da secreção vaginal ao microscópio. No caso dos homens, é necessária a coleta de secreção uretral por meio de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • tricomoniase
  • Tricomoniase
  • Tricomoníase
  • tricomoniase
  • Tricomoníase
  • Tricomoniase
  • Tricomoníase
  • Tricomoníase

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!