Trechos fichamento do livro: Vítimas da moda

Páginas: 7 (1538 palavras) Publicado: 7 de outubro de 2014
Capitulo 1 - O nascimento do costureiro
As roupas eram, geralmente, negócios de comerciantes ou artesãos. Mas Charles Frederic Worth mudou esse conceito, foi ele quem pensou em reunir em um único lugar, um estilo e promessa de novidades.
Seus clientes mesmo que influentes, não ditavam as regras. Em matéria de elegância, ele se precavia para permanecer o único julgador. Para convencer seusclientes a comprar suas criações, ele teve a ideia de apresenta-las sendo usadas por mulheres, a partir dai que surgiu o manequim.
O criador assim como a marca, são invenções modernas, mantidas pelo sistema produtivo, maquina de fabricar, manter e exaltar as estrelas. Hoje, o artesão, a estrela, o artista e o businessman convivem às vezes dentro de uma única pessoa: a do costureiro.
O trabalho decriador de moda encarna um ideal, representando uma excelente maneira de aproveitar as contradições do capitalismo. Hoje, os jovens costureiros são pagos para inovar, recebem tanto no sentido próprio como no figurado, a bonificação de sua originalidade.
À medida que criam sua coleção, os criadores se tornam cada vez mais eles mesmos, desenvolvendo no espaço de sua liberdade as forças que osconstituem como seres humanos. Para grifar um produto que não criou é comum o costureiro aproveitar sua celebridade, ou ainda, alugar seu nome.

Capítulo 2 - O milagre da marca
Primeiro era o criador, em seguida o criador inventou a marca. Na aparência, as marcas dominam sobre as modas. Há mais de meio século são as mesmas: Dior, Gucci e outros Lavin, os mais otimistas pensam que tudo passa, tudocansa, exceto as marcas.
Atualmente o costureiro possui um ou vários administradores para assisti-lo na direção do seu negocio, para esse mundo, mostrar-se com um criador de moda, é considerado uma oportunidade rara.
Hoje não existem mais confecções, há grifes, ou seja, a confecção é terceirizada.
A geração que hoje assiste o destino das marcas de moda se destaca por sua mentalidade e suastécnicas que por seu patrimônio. A marca é um artefato inédito para o capitalismo. Ela apareceu no século XIX e evoluiu ao longo do século XX.
Com a descoberta dos lucros gerados por uma grife, provocou um grande aumento do preço das marcas e com isso cada marca passou a ser avaliada em função do que ela pode dar de lucro no futuro. Para conseguir se estabelecer uma marca deve encontrar seu cliente epara encontrar o cliente especifico elas trabalham seu alvo.

Capítulo 4 – As tendências são dirigidas?
As superstições fazem parte do cotidiano da moda, tais como verde cor non grata, Chanel e seus números da sorte (2, 19 e 5), Montaigne e sua vidente, só pra ficar nestes exemplos para ilustrar como o risco de prever a nova tendência, extenua os criadores e faz com que se volte a artifíciosque traga conforto.
Marcas importantes têm que ser originais, e cada costureiro têm suas competências e métodos, mas a pressão da indústria da moda somada ao negócio arriscado faz com que o mundo fashionista seja restrito, e ao contrário do que possa parecer, aqui originalidade não necessariamente implica ser uma inovação ou revolução, mas aperfeiçoamento, retoque ou renovação do que já foi feitoou do que já está sendo feito haja vista que na incerteza de não poder se prever, a zona de conforto é melhor para todos, não se traduzindo isto em estagnação.
Para explanação pode-se citar o caso de Carine Roitfield, ex-ninfa de Tom Ford na Maison Gucci, que na revista Vogue em 2002 (da qual era editora), disse que “Tom decide que o inverno será pantera”; e o que se seguiu nos três anosseguintes foram estampas felinas nas mais diversas criações dos mais renomados costureiros e marcas. Da mesma forma, tomar uma ideia, mesmo que já testada, mas extrapolando sua concepção original, ou seja, ir além do limite, pode ser não o caminho para o sucesso para a campanha de uma marca.
Já se sabe que o caráter provocador da moda perante a sociedade, principalmente no que diz a questões...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • fichamento do livro "crianças vítimas de abuso sexual"
  • Fichamento do livro: o jornalismo e a produção de moda, de ruth joffily
  • Fichamento de trecho do livro "a construção social da realidade", de berger luckamann
  • fichamento de moda
  • Livro de moda
  • programa c ++/ trecho livro
  • Trecho Livro IMPERIO DO EFEMERO
  • trechos livros de direito

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!