Transtorno de stress pós traumático

Páginas: 19 (4707 palavras) Publicado: 7 de fevereiro de 2011
Estudo de caso:

O acolhimento de João4

João apresentou-se como vigilante no nosso serviço, em setembro de 2004, dizendo que trabalhava em uma firma prestadora de serviços em Belo Horizonte. Em 1999, no período de apenas um mês, ele havia sofrido três assaltos no seu posto de serviço e, desde então, começou a apresentar sérias mudanças em seu comportamento. Foi afastado algumas vezes dotrabalho, retornando sempre para a mesma atividade por determinação da empresa e do INSS.
Em 2004, procurou auxílio junto ao sindicato de trabalhadores metalúrgicos de Betim, que o encaminhou para nossa equipe. Conforme já dissemos, ele necessitava obter uma CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho), com a qual tentaria pleitear seus direitos junto à previdência. Naquele momento, encontrava-seafastado de suas atividades de trabalho havia quase um ano e recebia, pela segunda vez, um auxílio-doença. No momento em que iniciamos seu atendimento, João já se encontrava em melhores condições psíquicas. Tanto sua mãe, quanto ele reconheceram que sua melhora foi significativa, tendo em vista o quadro anterior. Ele já não se isolava em casa, conseguindo manter algum convívio com amigos ou vizinhos doprédio onde morava. Não apresentava mais delírios de perseguição e conseguia discorrer, com senso crítico, sobre alguns episódios da época posterior aos assaltos sofridos em sua atividade como vigilante. Isso fica claro na fala de sua mãe: “agora, ele tá bom, perto do que ele teve”.
Mas João ainda não se via totalmente recuperado. As imagens dos assaltos ainda eram muito vivas. As sensaçõessuscitadas pela experiência e o medo que adquiriu de trabalhar como vigilante ainda estavam muito presentes. Bastava recordar as antigas atividades ou falar sobre o que sentiu durante os assaltos para começar a apresentar os mesmos sintomas manifestados naqueles momentos de grande tensão, sobretudo o suor nas mãos.

A história de João
João é o terceiro na ordem de nascimento de uma família com seisfilhos. Ele descreve sua infância como uma fase boa de sua vida, durante a qual jogou muita bola e divertiu-se com os colegas, mas não deixa de frisar que também trabalhou muito. Entre suas obrigações, tinha a tarefa de cuidar dos irmãos mais novos enquanto a mãe trabalhava fora. Seu pai, que era o segundo marido de sua mãe, saiu de casa quando tinha apenas cinco anos. Sobre ele, diz não ter quasenada a falar principalmente por ter desfrutado muito pouco de seu convívio, uma vez que, após a separação, praticamente não o viu. Admite ter sentido a falta da presença paterna, dizendo que sentia-se triste quando se comparava com as outras crianças. Apesar disso, considera que parte dessa lacuna foi preenchida por seu padrasto, pai dos irmãos mais novos. Sua mãe também considera que suainfância foi tranqüila como a de “qualquer criança”, dizendo que ele brincava com as irmãs mais velhas, era bom aluno e muito querido pelas professoras na escola. Ela também se referiu ao trabalho, dizendo que o filho sempre foi motivado para trabalhar: “Olha, ele sempre gostou de trabalhar muito, desde pequeno (...). O João foi entender por gente ele queria trabalhar (...). Ele tinha uma disposição paratrabalhar fora do comum”.
João conviveu bastante, durante um período de sua infância, com a avó materna, que cuidava dele e de seus irmãos enquanto a mãe trabalhava. Após o falecimento da avó, ele e as irmãs mais velhas passaram a ter a responsabilidade de cuidar dos irmãos mais novos. Refere-se a essa avó como uma pessoa muito querida, dizendo que morreu quando ele tinha oito anos, deixandomuitas saudades. Ele descreve seu relacionamento com a mãe como tranqüilo, dizendo que a admira por ser trabalhadora e por ter conseguido criar os seis filhos. Fala de todos os irmãos com muito carinho e sente falta das irmãs, que se casaram e passaram a morar em locais distantes.
Essas irmãs são mais velhas que ele, mas têm idades próximas. Durante a infância, brincavam muito, mas também cuidavam...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Stress Pos Traumatico
  • Transtorno de estressa pos traumatico
  • Transtorno do estresse pós~traumático
  • Transtorno de estresse pós-traumático
  • Transtorno Pós-Traumático / DOR
  • transtorno do estresse pós traumatico
  • transtorno do estresse pós-traumático
  • Transtorno de estresse pos traumatico

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!