Trabalho de analises farmacopeicas sobre fenitoina

Páginas: 23 (5635 palavras) Publicado: 27 de abril de 2013
UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS
FACULDADE DE FARMÁCIA
DEPARTAMENTO DE PRODUTOS FARMACÊUTICOS
DISCIPLINA ANÁLISES FARMACOPEICAS



GISELE ALVES MIRANDA
LARISSA CALDEIRA NAVARRO
SARAH APARECIDA SIQUEIRA










FENITOÍNA






BELO HORIZONTE - MG
NOVEMBRO DE 2012

GISELE ALVES MIRANDA
LARISSA CALDEIRA NAVARRO
SARAH APARECIDA SIQUEIRA







FENITOÍNATrabalho, em trio, da disciplina de Análises Farmacopeicas, para desenvolver o espírito crítico das alunas e melhor usar a Farmacopeia Brasileira 5ª edição e uma estrangeira, submetido ao professor orientador para avaliar e atribuir nota de 1 a 10.
Orientadora Prof. Cristina – FAFAR – UFMG.






BELO HORIZONTE
NOVEMBRO DE2012


ATRIBUIÇÃO DA NOTA PELO ORIENTADOR































SUMÁRIO


1 INTRODUÇÃO 4
2 DESCRIÇÃO DO INSUMO FARMACÊUTICO ATIVO (IFA) 6
3 DESCRIÇÃO DA ESPECIALIDADE FARMACÊUTICA SÓLIDA (FENITOÍNA COMPRIMIDO) 12
4 DESCRIÇÃO DA ESPECIALIDADE FARMACÊUTICA LÍQUIDA (FENITOÍNA SÓDICA SOLUÇÃO INJETÁVEL) 16
5 ANÁLISE CRÍTICA DOS CONTEÚDOS DASFARMACOPEIAS SELECIONADAS 21
6 CONCLUSÃO 22


























1 INTRODUÇÃO


A necessidade de organizar e padronizar os métodos de identificação, doseamento e análise de matérias primas e produtos acabados estimulou a construção de uma comissão responsável pela elaboração de um compêndio farmacêutico. Esse compêndio reúne monografias e métodos analíticos que podem serconsultados por toda a comunidade acadêmica e profissional dos diversos ramos da indústria químico-farmacêutica, contribuindo para a elaboração de relatórios de controle de qualidade e para o ensino analítico nas universidades. Dessa forma, em 1929 foi editada a primeira Farmacopeia genuinamente brasileira.
A Farmacopeia Brasileira representa um marco na autonomia dos métodos de análise econtrole de qualidade de matérias primas e produtos acabados no país. Com a FB o país passou a ter um código que fosse mais adequado para a realidade químico-farmacêutica nacional. Segundo os dizeres do farmacêutico, na ocasião ainda de nome pouco conhecido, Rodolfo Albino Dias da Silva: “O Brasil, porém, que sempre tem sabido ombrear com as demais nações civilizadas em todos os ramos das ciências,das artes, etc., não podia continuar a ser regido, quanto ao exercício da Farmácia, por um código estrangeiro, que, embora ótimo para o seu país, não satisfazia em absoluto às novas necessidades”. “Por isso, embora reconhecendo o arrojo de tal iniciativa, resolvemos arcar com a árdua tarefa e alta responsabilidade de redigir o nosso futuro código farmacêutico, fiados em que o nosso grande amor аprofissão vencesse todos os óbices, transpusesse todos os obstáculos.”
Apesar do esforço em construir um compêndio o mais completo possível, a FB ainda apresenta faltas em seu conjunto de monografias e de métodos gerais. Portanto, ainda hoje, quando é necessário, recorre-se a farmacopeias estrangeiras que são autorizadas pelo Ministério da Saúde, por meio do seu órgão regulatório a ANVISA, queestabelece na RDC 37/2009 que para efeito de consulta e análise de qualidade os laudos podem ter como referência as seguintes farmacopeias estrangeiras: Americana (USP), Britânica, Europeia, Portuguesa, Mexicana, Japonesa, Alemã, Francesa e Argentina. Este trabalho visa mostrar a intercambialidade entre a FB5 e a farmacopeia americana, demonstrando que a conjugação de informações contidas em cadacompêndio se faz necessário para um conhecimento mais amplo do processo de análise de insumos e produtos.
A discussão entre as duas farmacopeias será dirigida utilizando-se um fármaco presente concomitantemente nas duas farmacopeias e que contenha formas farmacêuticas semelhantes, sendo uma delas sólida e outra líquida. Dessa forma, foi escolhido o fármaco Fenitoína descrito em monografia...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Trabalho sobre análise em sua casa
  • Análise sobre o trabalho de campo
  • ANALISE SOBRE EXCESSO DE TRABALHO
  • trabalho sobre uma analise construtiva
  • Analise sobre trabalho informal
  • trabalho sobre analise linguistica
  • Trabalho sobre Análise Financeira
  • Analise do discurso da revista Veja sobre o trabalho infantil

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!