Titulo de quê?

Páginas: 242 (60417 palavras) Publicado: 27 de setembro de 2011
Projeto PDL
www.port a ldet onando. c om.br APRE SENT A:

Ma is uma public aç ã o digit al e xc lus iva do Projet o De mocr atiza çã o da Leit ura
PROIBIDA A DISTRIBUIÇÃO COM FINS COMERCIAIS

Onze Minutos
Paulo Coelho DEDICATÓRIA No dia 29 de maio de 2002, horas antes de colocar um ponto final neste livro, fui até a Gruta de Lourdes, na França, encher alguns galões de água milagrosa nafonte que ali se encontra. Já dentro do terreno da catedral, um senhor de aproximadamente setenta anos me disse: "Sabe que você parece com o Paulo Coelho?" Eu respondi que era o próprio. O homem me abraçou, e me apresentou sua esposa e sua neta. Falou da importância de meus livros em sua vida, concluindo: "Eles me fazem sonhar." Já escutei essa frase várias vezes, e ela sempre me deixa contente.Naquele momento, entretanto, fiquei muito assustado porque sabia que Onze minutos falava de um assunto delicado, contundente, chocante. Caminhei até a fonte, enchi os galões, voltei, perguntei onde morava o homem (no Norte da França, perto da Bélgica) e anotei o seu nome. Este livro é dedicado a você, Maurice Gravelines. Tenho uma obrigação para com você, sua mulher, sua neta, e comigo: falar daquiloque me preocupa, e não do que todos gostariam de escutar. Alguns livros nos fazem sonhar, outros nos trazem a realidade, mas nenhum pode fugir daquilo que é mais importante para um autor: a honestidade com o que escreve. Porque eu sou a primeira e a última Eu sou a venerada e a desprezada Eu sou a prostituta e a santa Eu sou a esposa e a virgem Eu sou a mãe e a filha Eu sou os braços de minha mãeEu sou a estéril, e numerosos são meus filhos Eu sou a bem-casada e a solteira Eu sou a que dá à luz e a que jamais procriou Eu sou a consolação das dores do parto Eu sou a esposa e o esposo E foi meu homem quem me criou Eu sou a mãe do meu pai Sou a irmã de meu marido E ele é o meu filho rejeitado Respeitem- me sempre Porque eu sou a escandalosa e a magnífica Hino a Ísis, século III ou IV (?),descoberto em Nag Hammadi Apareceu certa mulher, conhecida na cidade como pecadora. Ela, sabendo que Jesus estava à mesa na casa do fariseu, levou um frasco de alabastro com perfume. A mulher se colocou por trás, chorando aos pés de Jesus; com as lágrimas começou a banhar- lhe os pés. Em seguida, os enxugava com os cabelos, cobria-os de beijos e os ungia com perfume. Vendo isso, o fariseu que haviaconvidado Jesus ficou pensando: "Se esse homem fosse mesmo um profeta, saberia que tipo de mulher está tocando nele, porque ela é pecadora." Jesus disse então ao fariseu: "Simão, tenho uma coisa para dizer a você." Simão respondeu: "Fale, mestre." "Certo credor tinha dois devedores. Um lhe devia quinhentas moedas de prata, e outro lhe devia cinqüenta. Como não tivessem com que pagar, o homemperdoou os doas. Qual deles o amará mais?" Simão respondeu: "Acho que é aquele a quem ele perdoou mais." Jesus lhe disse: "Você julgou certo." Então Jesus voltou-se para a mulher, e disse a Simão: "Está vendo esta mulher? Quando entrei em sua casa, você não me ofereceu água para lavar- me os pés; ela, porém, banhou meus pés com lágrimas, e os enxugou com os cabelos. Você não me deu o beijo desaudação; ela porém, desde que entrei; não parou de beijar meus pés. Você não derramou óleo na minha cabeça; ela porém ungiu os meus pés com perfume. Por isso eu declaro a você que os muitos pecados que ela cometeu estão

perdoados, porque ela amou muito. Aquele que foi perdoado de pouco, demonstra que pouco amou. Lucas, 7, 37-47 Era uma vez uma prostituta chamada Maria. Um momento. "Era uma vez" é amelhor maneira de começar uma história para crianças, enquanto "prostituta" é assunto para adultos. Como posso escrever um livro com esta aparente contradição inicial? Mas, enfim, como a cada instante de nossas vidas temos um pé no conto de fadas e o outro no abismo, vamos manter este início: Era uma vez uma prostituta chamada Maria. Como todas as prostitutas, tinha nascido virgem e inocente, e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Titulo
  • Sem titulo
  • Titulo
  • Titulo
  • Títulos
  • Sem titulo
  • Titulo
  • Título

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!