Tigres asiáticos - taiwan

Páginas: 18 (4383 palavras) Publicado: 22 de maio de 2012
Tigres asiáticos

A grande deficiência da política chilena, porém, não estava no arcabouço de controles à
entrada, mas na fraqueza dos controles à saída. Não houve, no período, qualquer tentativa de limitar a
saída dos capitais, sendo inclusive liberalizadas as formas e condições de envio de recursos ao exterior.
Por conta disto, o Chile não se mostrou uma ilha imune ao contágio da crisefinanceira de 1997-98,
experimentando fuga de capitais de residentes, e/ou de não-residentes que tivessem internalizado
recursos há mais de um ano. A lição a retirar não aponta nem para a ineficiência nem para a ineficácia
de controles de capital, mas sim para a necessidade de que estes controles abranjam também a saída.
De fato, a experiência chilena nos anos 1990, embora limitada no escopo e no tempo,ilustra as
vantagens de controles à entrada em um momento de abundância de liquidez internacional e, por
outro lado, os limites de uma estratégia que não conte com controles à saída em momentos de “fuga
para a qualidade”.
O mesmo não se aplica, porém, à Malásia, tendo o país asiático instituído controles não para
prevenir, mas para limitar os efeitos de crises financeiras.10 A Malásia foi, atémeados dos anos 90, uma
das economias asiáticas mais abertas para não residentes, tanto em termos comerciais quanto
financeiros, possuindo inclusive mercados offshore de moedas e ações, apesar do uso pontual de
controles de entrada para moderar o influxo em 1994. Contudo, enfrentou de forma heterodoxa a crise
que atingiu o Leste Asiático a partir de meados de 1997. Frente a uma típica crise decontágio, que
começou na órbita cambial, se desdobrou em crise financeira até afetar a economia como um todo, o
país reagiu com um “pacote” de controles em setembro de 1998: o mercado offshore foi fechado; a saída
de recursos de residentes foi bloqueada; o investimento no exterior passou a estar sujeito a
_______________
10 Além das referências gerais já citadas – sobretudo o capítulo sobre a Malásia doestudo citado da UNCTAD –, ver D. Rodrik e
E. Kaplan , e, como contraponto, Forbes, K. Capital controls: mud in the wheels of market
discipline. 2003. Disponível em . Para uma análise da estratégia de desenvolvimento malaia, ver
Nesadurai, H. Accommodating global markets: Malaysia’s response to economic crisis. 1998 .
PedroPaulo Zahluth Bastos / André Martins Biancareli / Simone Silva de Deos
n. 1 – abr./jun. 2004 10
autorizações e limites; e as aplicações estrangeiras de portfólio já internalizados foram impedidos de
serem repatriados por um período de 12 meses.
As medidas, que tinham o objetivo de reduzir os juros e manter o câmbio fixo, fugindo do
ajuste ortodoxo tradicional preconizado pelo Fundo MonetárioInternacional, foram muito mal
recebidas pelas agências de rating, bancos e demais agentes do mercado, bem como pelo FMI. Previase,
inclusive, a exclusão definitiva da Malásia dos destinos possíveis dos fluxos de capital.11
O fato é que o “bloqueio” dos recursos estrangeiros de portfólio foi progressivamente relaxado
bem antes dos 12 meses inicialmente previstos (mas com taxação proporcional ao prazode
permanência), embora as restrições à conversibilidade para os residentes permanecessem. A
recuperação malaia foi tão ou mais rápida que a dos vizinhos que optaram pelo “bom
comportamento” institucional e pelo ajuste macroeconômico recessivo, e os fluxos de entrada de
capitais aos poucos se normalizaram, ao contrário de algumas previsões. Hoje, residentes e não
residentes continuam impedidos deusar a moeda local para empréstimos ou swaps externos, embora
não residentes tenham recuperado o direito de repatriar recursos aplicados em ações e financiar
posições locais com empréstimos externos. Não obstante o relaxamento limitado das restrições, os
controles remanescentes vêm se mostrando suficientes para assegurar a autonomia de política
econômica pela qual foram justificados em 1998.
No...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • tigres asiáticos
  • Tigres asiaticos
  • Tigres Asiáticos
  • Tigres asiaticos
  • Tigres Asiáticos
  • Tigres Asiáticos
  • Tigres Asiáticos
  • Sudeste Asiático e Tigres Asiáticos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!