testo

Páginas: 3 (514 palavras) Publicado: 22 de maio de 2014
Atividade


O filme começa com uma música no fundo e algumas letras misturando-se em meio à lousa. De fácil entendimento, a linguagem é bastante simples e foi me envolvendo a cadacena. Na escola percebi que os alunos que obtinham bons resultados ganhavam reforços positivos, apenas um garoto, ISHAAN, era maltrato. Era constante a falta de atenção e as chamadas dos professores,muitos dos quais chamavam o menino de engraçadinho, sem-vergonha etc. Nesse ponto percebia-se o despreparo dos professores em relação à dificuldade de aprendizagem do garoto. Alguns inclusive chegarama bater nele.
Em meio a tantas reclamações e notas baixas, seu pai resolve colocá-lo em um colégio interno, que a principio não muda nada em sua vida, até que um professor (RAM Shankar), queassume as aulas de artes percebe a depressão e a dificuldade de aprendizagem do aluno. O professor revolve procurar os pais do menino, Diante de um pai e uma mãe surpresos com a visita inusitada, RanShankar vai elencando sintomas de um distúrbio denominado dislexia, para afirmar que Ishaan não era preguiçoso ou indisciplinado e sim apresentava uma limitação real e de natureza orgânica que geravaseus problemas de aprendizagem escolar.
Depois resolve procurar também a direção da escola, que recomenda encaminhá-lo a um colégio especial, pois para direção  os professores não teriamcondições e nem tempo para se dedicar a esse caso. Ran está decidido a ajudar e se oferece para acompanhar Ishaan individualmente, duas ou três vezes por semana. É aí a grande sacada do filme, pois oprofessor/mediador regata a auto-estima do garoto fazendo com que o mesmo desenvolva suas habilidades. No final, assistimos a movimentos de confraternização bem raros no ambiente escolar de fora da tela,com todos reconhecendo suas limitações e se humanizando. Há também as reparações de praxe por parte dos familiares, dos professores e dos colegas, e Ishaan volta a sorrir e a ter esperança em suas...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Testos
  • Testo
  • testos
  • Testo
  • testo
  • testo
  • testo
  • Testo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!