TEORIA ECONÔMICA

Páginas: 12 (2906 palavras) Publicado: 14 de junho de 2014
TEORIA ECONÔMICA



I – MICROECONOMIA

1 – Demanda (Procura)

A demanda ou procura de um bem é simplesmente a quantidade deste bem que os consumidores/compradores desejam adquirir a determinado preço, em determinado período de tempo.

A quantidade demandada ou procurada de um bem varia inversamente em relação ao seu preço. Em outras palavras, quanto mais caro está o bem, menos ele édemandado. Quanto mais barato está o bem, mais ele é demandado. Esta é a milenar lei da demanda, e qualquer um de nós quando vai ao mercado fazer compras aplica esta lei, ainda que implicitamente.

Exceção à lei da demanda: existe um tipo de bem que não obedece à lei da demanda: é o bem de Giffen. Para este bem, aumentos de preço geram aumentos de quantidade demandada e reduções de preço geramredução de quantidade demandada. Então veja que as variáveis: preço e quantidade demandadas caminham no mesmo sentido, indicando que a curva de demanda do bem de Giffen terá inclinação positiva, direta, ascendente ou crescente. Como exemplo deste tipo de bem, temos os bens de luxo, como jóias e carros esportivos, que geralmente têm seu consumo relacionado ao status e poder aquisitivo do possuidor,que quer mostrar aos demais que tem uma renda privilegiada. Desta forma, quanto mais caros estes bens, maior a procura.

Fatores que Afetam a demanda

A demanda de um bem depende de uma série de outros fatores que vão além simplesmente do preço deste bem:

Renda do consumidor: na maioria das vezes, o aumento de renda provoca o aumento da demanda.

Preços de outros bens: se o consumidordeseja adquirir arroz, ele também verificará o preço do feijão, já que o consumo destes bens é associado. O mesmo ocorre com o preço do DVD e do aparelho de DVD. Quando o consumo de um bem é associado ao consumo de outro bem, dizemos que estes bens são complementares. De forma oposta, quando o consumo de um bem substitui ou exclui o consumo de outro bem, dizemos que estes bens são substitutos ousucedâneos. É o que acontece, neste último caso, com a manteiga e a margarina, refrigerante e suco, carne bovina e carne de frango, etc. A demanda de um bem, portanto, depende não só dos vários fatores listados acima, mas, sobretudo, da ação conjunta deles. Para que os economistas consigam analisar a influência de uma variável na demanda, utiliza-se a suposição de que todas as outras variáveispermanecem constantes. No jargão econômico é utilizado o termo ceteris paribus, que quer dizer: todo o restante permanecendo constante. Por exemplo, ao afirmamos que o aumento da renda, ceteris paribus, aumenta a demanda de um bem, estamos afirmando que devemos considerar isoladamente o aumento de renda a demanda. Esta observação é muito importante para questões de concursos públicos. Assim, quando umaquestão solicitar as implicações sobre a demanda oriundas de algum acontecimento, deve-se raciocinar exclusivamente sobre aquele acontecimento em especial.

O economista Alfred Marshall, um dos pioneiros no estudo da demanda e oferta: “é necessário tanto a demanda como a oferta para determinar resultados econômicos, da mesma forma como são necessárias as duas lâminas de uma tesoura para cortar umtecido. ”Pois bem, dadas duas curvas, uma de demanda e outra de oferta, o preço e a quantidade de equilíbrio estarão exatamente no ponto onde a demanda iguala a oferta:





II – Lei da Oferta

Quanto maior o preço de um bem, maior é a quantidade ofertada, ceteris paribus. De maneira semelhante, quanto menor o preço do bem, menor é a quantidade ofertada.


III - Teoria do ConsumidorCOMO AGE O CONSUMIDOR: LUCROS X UTILIDADE

Imaginemos que o prazer ou a satisfação percebidos pelo consumidor, ao comprarem, possam ser medidos, e chamemos essa medida de “utilidade”. Pois bem, é essa tal de utilidade que os consumidores buscam quando tomam suas decisões de consumo.

UTILIDADE E UTILIDADE MARGINAL

Quanto mais se consome de um bem, maior é a utilidade total. Ao mesmo...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • TEORIA ECONOMICA
  • Teoria economica
  • Teoria Econômica
  • Teoria Econômica
  • Teoria econômica
  • Teoria Economica
  • Teoria econômica
  • Teoria economica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!