tec em segurança

Páginas: 6 (1314 palavras) Publicado: 8 de abril de 2014
Atividade experimental V:
CINÉTICA QUÍMICA I
Fatores que influenciam a velocidade das reações




Nomes Matrícula
Michelle Santos Schumacker 201101153539
WaylaAdvincula Siqueira 201101217261
Jocasta Agostini Ferraz 201101217111
Bárbara Menenguci de Oliveira 201101217243

Macaé, setembro 2013
1.0 - OBJETIVO
Verificar a influência de catalizador, concentração, área de contato e temperatura na velocidade das reações.2.0 - INTRODUÇÃO TEÓRICA
A termodinâmica nos informa a direção e a extensão de uma mudança química, porém não indica como, nem a que velocidade, a reação se processa.
A velocidade de uma reação deve ser entendida como a mudança da concentração de um reagente ou produto dividida pelo intervalo de tempo no qual a mudança ocorre. Muitos fatores influem na velocidade de uma determinada reação,entre eles: a temperatura dos reagentes, a concentração, a presença de catalisadores e a extensão da superfície de contato entre os reagentes.
• Temperatura: A velocidade das reações químicas aumenta rapidamente com a elevação da temperatura; em regra, a velocidade de uma reação, nas proximidades da temperatura ambiente, duplica com a elevação de 10ºC. Com o aumento da temperatura, aumenta-se aEnergia Cinética e, consequentemente, o número de colisões entre as partículas.
• Concentração: A velocidade de uma reação, geralmente, depende da concentração dos reagentes, pois quanto maior a quantidade de soluto por volume da solução, maior o número de colisões entre as partículas.
• Catalisador: É uma substância que aumenta a velocidade de uma reação sem ser consumida; depois que cessa areação, ela pode ser recuperada da mistura reacional quimicamente inalterada. Sua presença é indicada escrevendo-se seu nome ou fórmula sobre a seta.
• Superfície de Contato: Quanto menor forem as dimensões das partículas dos materiais reagentes, maior será a área superficial total exposta, o que permite um melhor contato a qualquer instante, resultando em reações mais rápidas.

3.0 -PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL
Efeito da Temperatura
Em três tubos de ensaio colocou-se cerca de 5ml de solução de permanganato de potássio (KMnO4) 0,01 mol/L, 10 gotas de H2SO4 1,0 mol/L e adicionou-se um prego pequeno novo
1º tubo: deixou-se à temperatura ambiente
2 º tubo : aqueceu-se à 40- 50º C, em banho maria.
3 º tubo: aqueceu-se diretamente na chama

Efeito do concentração
Em dois tubos deensaio colocou-se 5,0ml de solução 0,5% de tiossulfato de sódio (Na2S2O3). Em seguida adicionou-se a um dos tubos 1,0 ml de HCl 6,0 mol/L e no outro adicionou-se 1,0 de HCl 0,6 mol/L

Efeito do catalizador
1 - Em um tubo de ensaio colocou-se cerca de 5ml de água oxigenada comercial. Em seguida adicionou-se pequenos cristais de MnO2.
2 – Em dois tubos de ensaio colocou-se alguns mg de zinco empó e 1,0 ml de H2SO4 1,0 mol/L. Logo após que iniciou-se a liberação de gás hidrogênio (H2), colocou-se 2 gotas de KMnO4 0,05 mol/L. Em somente um dos tubos adicionou-se um pequeno cristal de nitrato de sódio (NaNO3)

Superfície de contato
Preparou-se dois tubos de ensaio, cada um contendo’5,0 ml de solução HCl 6,0 Mol/L. Em seguida adicionou-se a um dos tubos 0,5 g de ferro em pó e a outro umprego novo. Agitou-se os tubos.

4.0 – RESULTADOS
Efeito da Temperatura
10 Fe(s)+ 6 KMnO4(aq)+ 24 H2SO4(aq) → 5 Fe2(SO4)3(aq)+ 6 MnSO4(aq)+ 32SO4(aq)+ 24 H2O(l)

No primeiro tubo, com KMnO4 e H2SO4 e o prego, em temperatura ambiente, não houve a mudança de coloração imediata mas com o tempo a solução foi adquirindo uma coloração “bifásica” em cima violeta e na parte de baixo uma cor...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Tec. de segurança
  • Tec. de segurança
  • Tec segurança
  • Tec segurança
  • Tec. segurança
  • tec de segurança
  • Tec segurança
  • Téc de segurança do trabalho

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!