Taxa de juros

Páginas: 18 (4295 palavras) Publicado: 15 de setembro de 2014
As taxas de juros das operações de crédito, tanto para pessoas jurídicas como para pessoas físicas, retomaram a tendência baixista observada desde outubro do ano passado, revertendo a ligeira alta de fevereiro, causada pela insegurança das instituições financeiras com a implantação das novas regras de classificação e provisionamento das operações de crédito (Resolução 2.682, de 21.12.1999). Navirada do mês, conforme se pode ver no gráfico 1, após a flexibilização do cronograma de implantação das novas regras (Resolução 2.697, de 24.02.2000), as taxas de juros cederam. É importante ressaltar que, com essa redução relativa à taxa média de 62,3% a.a. do mês anterior, a taxa média de juros das operações de crédito atingiram em março 58,3% a.a., o nível médio mais baixo observado nos últimoscinco anos.


Gráfico da Evolução das Taxas de Juros de 1999 a 2000.
Esta tendência de diminuição dos juros ao tomador é particularmente significativa, considerando que o nível das taxas de juros de captação tem permanecido relativamente constante desde outubro, quando da introdução do conjunto de medidas anunciadas pelo governo com o propósito da redução do chamado "spread bancário", isto é,do diferencial cobrado pelas instituições financeiras dos tomadores em relação à suas taxas de captação. Com a alteração do recolhimento compulsório sobre depósitos à vista de 65% para 55%, (Circular 2.969 de 14.03.2000) e a redução, a partir de 29.03.2000, da meta da taxa SELIC, a expectativa é de que as taxas de juros e spread bancário continuem caindo nos próximos meses.


Gráfico daEvolução do Spread de 1999 a 2000.
Estas mesmas tendências também podem ser vistas no gráfico 2, que mostra a evolução desde o início do ano passado do chamado "spread bancário". O spread médio das operações de crédito realizadas pelas instituições financeiras atingiu 40,3% em março último, tendo sido observada uma redução considerável de 12,4 pontos percentuais, quando da comparação com outubro de 1999.Como destaque, é importante observar que o spread médio das operações com pessoas físicas atingiu em março de 2000 seu valor mais baixo (60,3% a.a.), mostrando uma redução de 24,8 pontos percentuais sobre o patamar verificado antes da vigência das medidas adotadas pela Banco Central do Brasil (BC).

A tabela 1 traz um resumo da evolução das taxas de juros e do spread bancário desde outubro doano passado, em termos de percentagens anuais padronizadas, segmentando os dados por tipo de tomador (pessoa física e jurídica) e destacando em particular o cheque especial. Como se observa abaixo, apesar da ligeira alta observada em fevereiro, as taxas de juros para as pessoas físicas recuaram de 103,0% a.a. em outubro/1999 para 78,3% a.a. em março/2000, enquanto as taxas para as pessoas jurídicascaíram de 54,8% a.a. para 46,1% a.a. no mesmo período.



Tabela 1
Evolução das taxas de juros e do spread bancário (% ao ano - padronizada)*

Discriminação Out/1999 Dez/1999 Fev/2000 Mar/2000
Fonte: DEPEP/SP
* taxas ajustadas considerando-se um ano composto por 252 dia úteis.

Taxa de Juros – Geral 70,6 62,3 62,3 58,3
- Pessoa Física – Geral 103,0 89,4 85,3 78,3
- PessoaFísica - Cheque Especial 162,3 138,8 152,7 144,8
- Pessoa Jurídica 54,8 49,2 49,2 46,1

Taxa de Captação – CDB 17,9 18,1 17,9 18,0

Spread – Geral 52,7 44,1 44,3 40,3
- Pessoa Física – Geral 85,0 71,3 67,4 60,3
- Pessoa Física - Cheque Especial 144,4 120,7 134,8 126,8
- Pessoa Jurídica 36,9 31,0 31,3 28,1
A queda verificada nos últimos seis meses do spread é aproximadamenteda mesma magnitude da observada nas taxas de juros, pois como se sabe, com a manutenção pelo BC de uma mesma meta da taxa SELIC, as taxas de captação (CDB) se mantiveram estáveis. No mês de março o spread médio geral ficou em 40,3% ao ano, enquanto que no segmento de pessoas jurídicas, apurou-se um spread médio de 28,1% e de 60,3% no caso de pessoas físicas, os mais baixos níveis de spread...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Taxas de juros
  • taxas de juros
  • TAXA DE JUROS
  • Taxa de juros
  • Taxa de juros
  • taxas de juro
  • Taxa de juros
  • Taxa de juros

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!