Sociologia- questões pg 149 a 151- livro introdução à ciência da sociedade- cristiana costa

Páginas: 8 (1823 palavras) Publicado: 21 de setembro de 2011
Questionário

Páginas 149 e 150

1)O que é relativismo cultural?

Resposta: É a postura de tolerância e respeito em relação a costumes e traços culturais diferentes dos nossos.

2)O que justifica, durante o século XIX, a percepção dos antropólogos de que a sociedade européia era homogênea e integrada?

Resposta: É o fato de eles não terem percebido que por trás da aparente uniformidadeda vida social européia existiam insuperáveis diferenças. Não conseguiam diferenciar, por exemplo, o analfabetismo de certos grupos europeus da ausência da escrita nas sociedades iletradas.

3)Explique o significado da sentença “a antropologia é a ciência da alteridade”

Resposta: Significa que a antropologia busca investigar o outro, aquele que é essencialmente diferente de nós.

4)O que éaculturação? O fato de os imigrantes italianos terem introduzido no Brasil o consumo de massas nas refeições regulares, um importante aspecto da sua cultura original, indica que houve aculturamento do povo brasileiro? Justifique sua resposta.

Resposta: Aculturação é o processo por meio do qual sociedades diferentes, entrando em contato, tendem a intercambiar traços culturais e costumes.No caso dos imigrantes italianos, o fato de eles terem introduzido no Brasil o consumo de massas nas refeições regulares significa que houve sim aculturamento do povo brasileiro, uma vez que a chegada e fixação dos italianos no Brasil desencadeou um processo de interação entre as cozinhas brasileira e italiana, levando o Brasil a incorporar pratos típicos da Itália em suaalimentação.

Interpretação, problematização e pesquisa.

5)Neste trecho de Argonautas do Pacífico Ocidental podemos localizar uma severa crítica de Malinowski aos antropólogos evolucionistas. Que crítica é essa e que aspecto da cultura trobriandesa ele escolhe para justificá-la?

“Outra noção que precisa ser destruída de uma vez por todas é a do “Homem Econômico Primitivo”, encontrada em alguns textosde ciências econômicas”. Essa criatura fictícia, cuja sombra penetra até mesmo na mente de certos antropólogos competentes esterilizando lhes a visão através de ideias preconcebidas, é um homem primitivo ou selvagem imaginário, movido em todas assuas ações por uma concepção racionalista do interesse pessoal, atingindo seus objetivos de maneira direta e com o mínimo de esforços. Um único exemplobem analisado será suficiente para mostrar quão absurda é a suposição de que o homem – e de modo especial, o homem de baixo nível cultural – seja movido por interesses particularistas puramente econômicos. Esse exemplo que nos é fornecido pelo primitivo habitante das Ilhas Trobriand, lança por terra toda essa falsa teoria. O nativo de Trobriand trabalha movido por razões de natureza social etradicional altamente complexa; seus objetivos certamente não se referem ao simples entendimento de necessidades imediatas nem a propósitos utilitaristas. Assim, antes de mais nada, como já vimos, o trabalho nativo não é executado segundo a lei do menor esforço. Muito pelo contrário, em sua realização são despendidas grandes parcelas de tempo e energia que, do ponto de vida utilitário, são inteiramentedesnecessárias. O trabalho e o esforço não constituem apenas meios para atingir certos fins, mas, sob certo ponto de vista, um fim em si mesmo. Nas Ilhas Trobriand, o prestígio de um bom agricultor é diretamente proporcional à sua capacidade de trabalho e à quantidade de terra que consegue lavrar. “O título de “tokwaybagula”, que significa “bom (ou eficiente) lavrador” só é conferido após judiciosaescolha e sempre ostenta com orgulho”

Resposta: Malinowski critica a noção de “Homem Econômico Primitivo”, acredita que seja uma criatura fictícia. Para fortalecer sua crítica ele dá como exemplo os nativos da Ilha Trobriand, que trabalham movidos por razões de natureza social, tradicional, e não por interesses econômicos.

6)Com o conceito de organização social, entre outros, os...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Fichamento de "Sociologia: Introdução a Ciência da Sociedade" da Cristina Costa
  • Resenha do livro sociologia-introdução à ciência da sociedade
  • Respostas livro de sociologia introdução a ciência da sociedade
  • Sociologia – Introdução à ciência da sociedade
  • sociologia a introducao a ciencia da sociedade
  • Sociologia
  • Sociologia
  • Sociologia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!