Sociolinguística

Páginas: 7 (1693 palavras) Publicado: 26 de março de 2012
A sociolinguística compreende o estudo das correlações sistemáticas entre formas linguísticas variantes, isto é, entre diferentes formas de dizer a mesma coisa e determinados fatores sociais, tais como a classe de renda, o nível de escolaridade, o sexo, a etnia dos falantes.
O objeto de estudo da sociolinguística, a variação, princípio entendido como geral e universal, é passível de ser descritae analisada cientificamente. Ela parte do pressuposto de que as alternâncias de uso são influenciadas por fatores estruturais e sociais.
O uso de cada variante não é homogêneo: om mesmo falante usa ora uma, ora outra, dependendo do contexto de fala em que ele se encontra: mais formal, menos formal; espontâneo, entre outros. É a chamada estratificação estilística das variantes.
Todas as línguasapresentam um dinamismo inerente que significa dizer que elas são heterogêneas. Língua Portuguesa é UNA porém diversificada com manifestações diferentes.
Sete dimensões formuladas por Bright:
- a identidade social do falante;
- a identidade social do ouvinte;
- o ambiente social em que acontece o ato da fala;
- a análise sincrônica e diacrônica de dialetos sociais;
- as diferentes maneirasde avaliação social de formas do compotarmento verbal por parte dos falantes;
- o grau de variação linguística;
- as aplicações práticas da pesquisa sociolinguística.
São áreas de interesse da sociolinguística:
- contato entre as línguas;
- questões relativas ao surgimento e extinção linguística;
- multilinguismo;
- variação e mudança.
As línguas naturais situam-se numa posição de destaqueentre os sistemas sígnicos porque possuem flexibilidade e adaptabilidade, que permitem expressar conteúdos bastante diversificados: emoções, sentimentos, ordens, perguntas, afirmações, como também possibilitam falar do presente, passado ou futuro.
SEM ISSO NÃO EXISTE LÍNGUAS NATURAIS
As palavras não são neutras, a língua não é neutra. Quem fala, fala com uma intenção atrás. Ex. padres,pastores, políticos seu discurso estará sempre baseado naquilo que se propõe a explicar, quer atingir naquilo que se fala.
Não tenho como falar das palavras senão usando-as, e dentro dos espaços em que elas, circulando, tem significação.
Há instâncias do uso da língua em que se supõe a língua neutra, em que a neutralidade seria, por assim dizer, desejada e assumida (neutralidade pretensa, pois a línguanunca será neutra) Ex. discurso acadêmico em 3ª pessoa.
Enquanto seres sociais, os indivíduos podem torcê-las, mas não inventar; os indivíduos incluem nelas suas marcas subjetivas, mas não constroem uma linguagem única. Não existe linguagem individual possível na condição humana.
- Seu/dele: para se referir ao possessivo da terceira pessoa (Ex. o livro dele/O seu livro), os jovens de 25 anos oumenos estão usando pouquíssimo a forma seu para a terceira pessoa;
- nós/a gente: os jovens estão evitando a forma nós e usando mais a gente;
- ir. Os jovens estão evitando as regências ir a e ir para, preferindo ir em.
Mas é o indivíduo quem fala e quem muda ou deixa de mudar sua maneira de falar. Determinadas idades levam a determinados modos de falar.
Sob a hipótese clássica, o estadoatual da língua de um falante adulto reflete o estado da língua adquirida quando o falante tinha aproximadamente 15 anos de idade.
Estágios de desenvolvimento da linguagem
O estágio dos balbucios é marcado por uma variedade de sons que muitas vezes são usados em algum das línguas do mundo, embora muitas das vezes não sejam a língua que a criança irá, posteriormente, falar. O significado dessaobservação não é claro.
Muitos fatores contribuem para essa pronúncia não usual: alguns sons parecem estar fora da escala auditiva das crianças, por dependerem da maturação de alguns nervos.
Esse uso da linguagem indica que o desenvolvimento conceitual da criança tende a ultrapassar seu desenvolvimento linguísticos nos primeiros estágios da aquisição. Nós devemos traçar essa conclusão com cuidado,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • sociolinguistica
  • Sociolinguística
  • Sociolinguistica
  • SOCIOLINGUÍSTICA
  • Sociolinguística
  • Sociolinguística
  • Sociolinguistica
  • Sociolinguistica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!