SOCIEDAD COLONIAL Y ENFERMEDAD

Páginas: 7 (1553 palavras) Publicado: 12 de agosto de 2014
SOCIEDAD COLONIAL Y ENFERMEDAD – LOURDES MÁRQUEZ MORFÍN
un ensayo de osteopatologia diferencial

Resumo
Trata-se de explicar o processo de morbidade diferencial dos grupos humanos em um determinado momento histórico.
Este artigo aborda o tema de corpo e saúde e considera que a partir dos estudos do material ósseo de gerações anteriores, é possível verificar a dinâmica, medir o índice econdição de vida da população por grupos de idade e sexo ligando os fatores biológicos e sociais.
"O processo coletivo de saúde-doença como um fenômeno social articulada com outros fenômenos sociais, refere-se ao processo de reprodução social e baseia-se em formas de uso e reprodução das classes sociais, um processo que é determinado pelo modo de se apropriar da natureza que ocorre em uma determinadasociedade." (Timio, 1976: 14)
Considera-se o Homem não apenas como um ser biológico, mas também social - fato que lhe confere a sua característica humana. E se refere à enfermidade como uma expressão física, cultural e social, uma vez que se determina segundo o modo em que a natureza se apropria de cada sociedade.
1- Considerações gerais sobre o período colonial
Alguns aspectos, como aorganização social e o ambiente físico antes e depois da chegada dos espanhóis, foram alterados e isso causou uma série de dificuldade na investigação, por terem uma relação com o índice morbidade. Pois, por exemplo, os agentes orgânicos encontrados no solo afetam o material ósseo e dificultam o diagnóstico da doença.
A sociedade mexicana tinha uma estrutura em termos de uso dos recursos naturais, por meiodo qual a água e produtos alimentícios vieram a eles, mas com a destruição durante a conquista dos espanhóis veio, consequentemente, problemas como falta de alimentos e epidemias.
2- Meio físico e modificações
“Nenhuma alteração em relação ao meio natural com a população humana pode ser comparado com as alterações produzidas pela exploração espanhola...”(Gibson, 1967:12)
Segundo os relatos decronistas, como Fray Bernardino de Sahagún (1969: 3: 221-82), a Cuenca de México pode ser descrita como tendo relevos, árvores espessas e um lugar onde cortam lenha e madeira... Pinheiros, árvores da cinza, pinhos, carvalhos, além de algumas árvores com utilidades medicinais que ajudam, por exemplo, a limpar o intestino. Menciona-se uma grande quantidade de pequenas frutas como ameixa, goiaba,açaí, sementes de girassol, dentre outras e grãos, como feijão e milho, que rendia ainda uma pequena parcela à população para cultivo. Entretanto, na conquista espanhola, as árvores foram derrubadas para serem usadas como material de construção ou combustível, o que causou uma alteração significativa da flora e desequilíbrio ecológico.
Por um lado, desencadeou uma nova técnica agrícola, o que geroubenefícios atraindo novos grupos e elevando a economia do local, mas por outro, prejudicou a população indígena, que não tiveram acesso ao “Novo método” de plantio e também a classe de trabalhadores que não tinham mais o fácil acesso a alimentação. Logo, a deficiência alimentícia refletiu no material ósseo.
“Pelo que se refere à comida, é fundamental uma distinção entre os magnatas privilegiados, deum lado, e as classes modestas, de outro: Entre os primeiros imperava o refinamento e a gula e entre os demais, a modéstia, partilha e muitas vezes, a fome...” (op. Cit.:235).

A população também padecia pela escassez de água potável, pois com o crescimento político-econômico o preço da água se elevou de tal maneira que a classe baixa não pode comprar, e com lagos secando, após a destruiçãodos espanhóis, formaram-se pântanos e as águas que ali paravam eram já contaminadas, sendo, então, fonte de doenças agravando o problema.
Quanto aos negros,
“Todos os escravos tiveram uma só condição jurídica, posto que eram considerados como ferramentas de trabalho e propriedade absoluta se seus donos. Entretanto, também existiam negros livres, ainda que em menos quantidade.”
Estavam...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Sexualidad, Salud y Sociedad
  • Economia y Sociedad
  • a sociedad e
  • A sociedad e ddld
  • Enfermedad infecciosa
  • Y
  • Colonial
  • tipos de sociedads

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!