Sobre a ciência, hessen, durkheim e edgar morin

Páginas: 5 (1154 palavras) Publicado: 30 de setembro de 2012
Ao buscar a definição da verdadeira essência da filosofia, J. Hessen analisa, de forma etimológica, a palavra filosofia e chega a conclusão de que partir somente do seu significado é demasiado genérico para atingir uma definição coerente. Da mesma forma, Hessen cita que poderia analisar as definições já feitas por filósofos no decorrer da história, mas descarta a possibilidade concluindo queseria impossível encontrar um ponto em comum nessas definições, uma vez que elas se apresentam tão divergentes.
Desse modo Hessen conclui que a verdadeira essência filosófica se encontra nas características comuns presentes nas reflexões ao longo da história da filosofia e define duas vertentes filosóficas: A “visão de mundo” e a “visão de si”, onde a primeira segue os conceitos de Aristóteles e dizrespeito ao conhecimento na totalidade dos objetos, ou por assim dizer ao “macrocosmo”. Já a segunda vertente segue conceitos de Platão e Sócrates e diz respeito à auto reflexão, à reflexão do espírito, ou seja, o microcosmo. Finalmente o autor conclui a definição da filosofia como sendo “a tentativa do espírito humano de atingir uma visão de mundo, mediante a auto - reflexão sobre suas funçõesvalorativas teóricas e práticas” e cita que a filosofia tem como objeto de estudo a totalidade, de um ponto de vista universal e que corresponde à relação entre a visão de si e a visão do mundo.
Posteriormente situa a filosofia dentro das funções culturais, tais como a religião, a ciência, a arte e a moral e tem como resultado da análise feita a divisão da filosofia em três partes: a “teoria daciência”, “teoria do valor” e a “teoria da visão de mundo”. Dentro das três partes surgidas da análise da filosofia, surgem as disciplinas correspondentes a cada uma delas e que podemos citar como “Metafísica” e “Teoria da visão de mundo em sentido estrito”, essas integrantes da parte chamada de teoria da visão de mundo. Já a teoria do valor é dividida em “Ética”, “Estética” e “Filosofia da religião”e por último as disciplinas originárias da teoria da ciência e que são a “Lógica” e a “Teoria do conhecimento”.
Através da reflexão proposta pelo autor acerca da filosofia e analisando a forma de produção do conhecimento relacionado ao campo das ciências sociais, podemos definir uma relação mútua entre a fragmentação e o todo, onde a composição da totalidade se dá na relação circular entre aspartes com elas mesmas, ao mesmo tempo em que se relaciona e compõe um aspecto universal.
Da mesma forma que as vertentes da filosofia definidas por J. Hessen se relacionam para compor a totalidade, as ciências sociais estudam as partes do coletivo em aspectos individuais e procuram entender a produção do todo pelas partes, ao mesmo tempo em que estuda a influência da totalidade nos indivíduos ouem seus grupos.
Desse modo podemos declarar as vertentes da filosofia como de suma importância para o campo das ciências sociais, pois refletem a estruturação da produção do conhecimento feito por ele, onde a fragmentação do todo em aspectos culturais, sociais e políticos tem como objetivo o entendimento total das coisas de modo que o todo se reflete nas partes e as partes no todo.Analisando a obra “As regras do método sociológico” de Émile Durkheim pode-se observar que a proposta do autor é estabelecer o campo de estudo que é próprio da sociologia além de criar uma metodologia específica da disciplina para a produção do conhecimento.
Durkheim começa definindo o próprio objeto de estudo da sociologia, nomeando-o por “fato social” e que corresponde a “toda maneira de fazer, fixadaou não, suscetível de exercer sobre o indivíduo uma coerção exterior”. Ao definir o que é fato social, Durkheim dialoga a respeito do caráter reflexivo próprio do homem em relação ao universo que o rodeia. Diz que a reflexão é anterior à ciência e que esta só o usa como seu método. Observa que o homem está mais próximo de suas reflexões do que do próprio objeto e tende a substituir a “coisa”...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A ciência nova em edgar morin
  • DESAFIOS DA CIENCIA CONTEMPORANEA Edgar Morin
  • Questoes sobre o video de edgar morin
  • Resenha do livro ciência com consciência edgar morin
  • Edgar morin
  • Edgar morin
  • Edgar Morin
  • Edgar Morin

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!