SISTEMA DE ESCRITA ALFAB TICA

Páginas: 19 (4589 palavras) Publicado: 10 de setembro de 2015
SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA : COMO EU ENSINO
(Artur Gomes de Morais)
Resenha: Araci Ap. C. B. Novo
Introdução:
O autor relata sobre sua vida profissional e experiências com a alfabetização. Neste percurso afirma que continua achando que as teorias do tipo construtivista são mais satisfatórias para explicar os processos de aprendizado da língua escrita e de sua notação, porque quando assumemuma perspectiva psicogenética, têm uma preocupação singular, bem piagetiana: desvendar de onde surgem os novos conhecimentos do aluno, preenchida pelo exterior.
Segundo o autor, sabemos que as concepções de alfabetização e de estar alfabetizado são históricas e variam ao longo do tempo. No meio do caminho, vivemos o que a professora Magda Soares denominou “desinvenção” da alfabetização. Com o queo autor denomina “ Hegemonia do discurso do letramento”, muitos educadores – e, inclusive, alguns estudiosos do campo da alfabetização – passaram a defender que não seria necessário ensinar, sistematicamente, a escrita alfabética, porque os alunos a aprenderiam de forma natural e espontânea, bastando para isso que vivenciassem, diariamente, na escola situações em que lessem e produzissem textosdo mundo extraescolar.
A metodologia de orientação construtivista, que o autor defende, pressupõe que a escrita é um sistema notacional, e não um código, e que, como nos ensinaram Emilia Ferreiro e Ana Teberosky, seu aprendizado envolve um complexo trabalho conceitual, que é completamente desconsiderado pelos tais métodos tradicionais de alfabetização.
O autor entende que cada criançareconstrói em sua mente o sistema alfabético e prefere falar em reconstrução, porque não se trata de inventar ou construir um novo sistema. O autor não usa as expressões descobrir e descoberta, porque estão muito vinculadas a certas ortodoxias, segundo as quais o aluno “tem que descobrir tudo sozinho” e o professor não deve prover informações que o aluno pode descobrir por conta própria.
Para o autor épreciso ajudar as crianças a cedo descobrirem as regras ou propriedades do sistema alfabético e que a consciência fonológica tem um grande papel nessa empreitada. Defende o autor que é preciso alfabetizar letrando, isto é, praticando leitura e produção de textos reais.
CAPÍTULO 1: REVISÃO DE ANTIGAS FORMAS DE ALFABETIZAR
Neste é rememorado e analisado antigas práticas de ensino da escritaalfabética, que julgamos limitadas e que até hoje, continuam sendo usadas.
1-Longa história de fracasso da alfabetização na escola brasileira
Num sistema tão excludente como o brasileiro, o fracasso na série de alfabetização, isto é, logo no primeiro ano do ensino fundamental, tornou-se a marca de ineficiência de nossa escola e tem atingido exclusivamente as crianças pobres, oriundas de famílias domeio popular. Costumamos dizer que o Brasil vive um verdadeiro apartheid educacional (QUESTIONAMENTOS DE DOIS SISTEMAS : UM VOLTADO A CALSSE MÉDIA E OUTRO A POPULAR).
Aborda sobre a inexistência de uma definição sobre como ensinar e o que ensinar, isto é, ausência de metodologia de alfabetização.
O autor afirma que a partir da década de 80 o Brasil passou por um processo de “desinvenção” daalfabetização com a chegada das novas perspectivas teóricas (psicogênese da escrita, na psicologia, teorias da enunciação e do discurso, na lingüística), que punham em xeque os velhos métodos de alfabetização, muitos educadores passaram não só a questionar e negar o uso de tais métodos, o que parece acertado, mas a apostar numa “alfabetização sem metodologia”, sem plano de atividades intencionalmenteconcebidas para ensinar a escrita alfabética(os alunos espontaneamente aprenderiam).
2- Os métodos tradicionais de alfabetização: diferenças na aparência e grandes semelhanças nas formas de conceber a escrita e sua aprendizagem
Por trás de qualquer método d ensino de alfabetização, existe uma teoria sobre o que é o objeto de conhecimento a ser aprendido – em nosso caso -, a escrita alfabética –...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Sistema de escrita e linguagem escrita
  • Sistema de Escrita
  • A APRENDIZAGEM DO SISTEMA DE ESCRITA
  • Sistema de escrita alfabética
  • Sistema vocalico e escrita Kaingang
  • Sistema de comunicação escrita
  • Pr tica Linguagem Oral e Escrita
  • COMPREENDER A NATUREZA ALFABETICA DO SISTEMA DA ESCRITA

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!