Sintomas para psicanálise e para medicina

Páginas: 31 (7727 palavras) Publicado: 30 de março de 2014
Jonia Amorim Ranali - Atitude Em Psicanálise

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

MARCOS EDIMO GOMES RODRIGUES








O SINTOMA VISTO PELA MEDICINA E O SINTOMA ESCUTADO PELA PSICANÁLISE











BELO HORIZONTE
2013
MARCOS EDIMO GOMES RODRIGUES









O SINTOMA VISTO PELA MEDICINA E O SINTOMA ESCUTADO PELA PSICANÁLISE














BELOHORIZONTE
2013
O SINTOMA VISTO PELA MEDICINA E O SINTOMA ESCUTADO PELA PSICANÁLISE



MARCOS EDIMO GOMES RODRIGUES





Este Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) foi julgado adequado para obtenção do certificado de Conhecimentos Teórico-Técnicos Psicanalíticos, e aprovado em sua forma final junto à Jonia Ranali – Atitude em Psicanálise em____de____ de 2013.____________________________________________
Profª Jonia Amorim Ranali
Coordenadora do Curso








BELO HORIZONTE
2013

RESUMO
Para a medicina o sintoma é o signo de uma patologia, se restringindo ao campo dos fenômenos. Para a psicanálise, o sintoma médico deve, a partir da escuta, se transformar em um sintoma para o sujeito, que em seu sofrimento, em sua queixa haja a suposição de que isto quer dizer outracoisa, podendo daí emergir a particularidade de uma posição subjetiva. O discurso médico científico não contempla a significação mais ampla da saúde e do adoecer. Carregado de emoção, o relato das queixas e sintomas dos doentes é traduzido para uma linguagem neutra e objetiva. Toda pessoa possui uma lente com que vê os fatos do mundo (realidade), que só podem representar alguma coisa depois depassar por ela. O que conta realmente são as emoções e os sentimentos que esses fatos representam para cada um individualmente. Muito íntima é a relação que existe entre a mente e o corpo. Quando um é afetado, o outro se ressente. O estado da mente atua muito mais na saúde do que muitos julgam. Muitas doenças sofridas pelas pessoas são resultado de depressão mental. Desgosto, ansiedade,descontentamento, remorso, culpa, desconfiança, todos tendem a consumir as forças vitais, e a convidar a decadência e a morte. A doença acontece sempre em alguém, num indivíduo concreto, e por isso reveste-se de individualidade, das peculiaridades desse ser humano, com suas características próprias de personalidade, familiares, sociais. A doença é realmente pessoal e intransferível, como o próprio sujeito, comoa alma, como o ser. Não existem doenças, existem doentes.
Palavras-chave: Sintomas, Medicina, Psicanálise.

















ABSTRACT

For medicine, the symptom is the sign of a pathology, restricted to the range of phenomena. For psychoanalysis, the symptom doctor would from listening, become a symptom for the guy who in his suffering, in her complaint there is theassumption that mean something else, there may emerge from the particularity of a position subjective. The scientific medical discourse does not address the wider meaning of health and illness. Emotionally charged reporting of complaints and symptoms of patients is translated into a language neutral and objective. Everyone has a lens that sees the facts of the world (reality), which can only representsomething after going through it. What really matters are the emotions and feelings that these events pose to each individually. Very close is the relationship between mind and body. When one is affected, the other sympathizes. The state of mind acts more on health than many realize. Many of the diseases suffered by people are the result of mental depression. Disgust, anxiety, discontent, remorse,guilt, distrust, all tend to the vital forces, and to invite decay and death. The disease always happens to someone in a concrete individual, and therefore is of individuality, of the peculiarities of human beings with their own personality characteristics, family, social. The disease is really personal and not transferable, as the subject itself, as the soul, as being. There are no diseases, there...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Formação de sintomas em psicanalise
  • Sinais e sintomas ( medicina)
  • Psicanálise e Medicina: encontros e desencontros
  • HISTERIA: SINTOMAS DA PSICANÁLISE AOS ROMANCES PORTUGUESES
  • O corpo na fronteira entre a medicina e a psicanálise: experiência subjetiva e reprodução medicamente assistida
  • Psicanalise
  • Psicanalise
  • Psicanalise

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!