Sintagma e paradigma linguístico

Páginas: 9 (2115 palavras) Publicado: 7 de agosto de 2012
Apresentação



Com base nos conceitos de linguistas como Ferdinand de Saussure e Décio Pignatari. Neste seminário procuraremos mostrar os conceitos de paradigma e sintagma.

Para Décio Pignatari, quando você fala uma palavra, você está combinando, ultrarrápida e automaticamente, sons extraídos dos paradigmas – e firmando sintagmas. É por isso que esse eixo sintagmático também é chamado decombinatório ou de combinação, enquanto o outro, paradigma, é chamado eixo de seleção. Sintagma = reunião. Paradigma = modelo.

O sintagma, definido por Saussure como “a combinação de formas mínimas numa unidade lingüística superior”, e surge a partir da linearidade do signo, ou seja, ele exclui a possibilidade de pronunciar dois elementos ao mesmo tempo, pois um termo só passa a ter valor apartir do momento em que ele se contrasta com outro elemento. Já o paradigma é, como o próprio autor define, um "banco de reservas" da língua fazendo com que suas unidades se oponham, pois uma exclui a outra.






































Paradigma x Sintagma, por Ferdinand de Saussure.




Na filosofia grega, paradigma era considerado a fluência deum pensamento, pois por meio de vários pensamentos do mesmo assunto é que se concluía a ideia, seja ela intelectual ou material. Após a realização dessa ideia surgiam outras ideias, até que se chegasse a uma conclusão final. Pensar que a ideia inicial, tanto a intelecta como a que de fato ocorre, pois não conta com a inspiração e os diversos fluxos de pensamento. Resumindo, são referências aserem seguidas.
Sendo uma representação do padrão de modelos a serem seguidos. É um pressuposto filosófico matricial, ou seja, uma teoria, um conhecimento que origina o estudo de um campo científico; uma realização científica com métodos e valores que são concebidos como modelo; uma referência inicial como base para estudos e pesquisas.
.
Em Linguística, Ferdinand de Saussure define como paradigmao conjunto de elementos similares que se associam na memória e que assim formam conjuntos. O encadeamento desses elementos chama-se sintagma.
Podemos dizer que um paradigma é a percepção geral e comum – não necessariamente a melhor – de se ver determinada coisa, seja um objeto, seja um fenômeno, seja um conjunto de idéias. Ao mesmo tempo, ao ser aceito, um paradigma serve como critério de verdadee de validação e reconhecimento nos meios onde é adotado.

Paradigmas podem ser considerados regulamentos ou regras que dizem duas coisas: quais são os limites, as fronteiras da problemática com a qual se está trabalhando e como ter sucesso resolvendo questões dentro destes limites.

Para Saussure, as relações entre os elementos lingüísticos podem ser estabelecidas em dois domínios distintos.Vamos definir esses domínios.

Na fábula de La Fontaine, uma parte da argumentação dos animais diz respeito aos graus de parentesco:




‘’- Não importa. Guardo magoa de ti, que ano passado, me destrataste, fingindo!
- Mas eu nem tinha nascido.
- Pois então foi teu irmão.
- Não tenho irmão, Excelência.
- Chega de argumentação. Estou perdendo a paciência!
- Não vos zangueis, desculpai!- Não foi teu irmão? Foi o teu pai ou senão foi teu avô – ‘’


Tanto os argumentos de defesa do Cordeiro quanto os de acusação do Lobo estão baseados na seleção dos graus de parentesco. Observando as orações “foi teu irmão”, “foi teu pai” e “foi teu avô”, é possível verificar que as relações entre os elementos linguísticos dependem, basicamente, de uma seleção deles, que no caso é a sequenciafoi teu _____. Desse modo, pode-se afirmar que a linguagem tem dois eixos, um eixo de seleção e um eixo de combinação, que podem ser representados assim:



Eixo de seleção


foi teu irmão                                            Eixo de combinação
foi teu pai
foi teu avô


Em virtude do caráter linear dos significantes, há a impossibilidade de que os signos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Paradigma e sintagma
  • Compreendendo Sintagma e Paradigma
  • SINTAGMAS
  • Sintagma
  • Sintagma Nominal
  • A classe dos sintagmas
  • Sintagma nominal
  • Paradigma

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!