SEXOLOGIA FORENSE

Páginas: 2 (316 palavras) Publicado: 15 de maio de 2014
SEXOLOGIA FORENSE
Os principais tipos de crime sexual:
Conjunção carnal com mulher virgem, idade entre 14 e 18 anos com obtenção do consentimento aproveitando-sede sua inexperiência ou justificável confiança. Conjunção carnal é a cópula fisiológica, cópula vagínica, a introdução total ou parcial do pênis na vagina, haja ounão ejaculação. A presença de esperma na vagina é a prova de conjunção carnal.
Estupro é a conjunção carnal obtido o consentimento por violência ou grave ameaça. Asviolências se dividem em efetiva e presumida. Diz que a violência é efetiva quando o agressor usa de algum meio para vencer a resistência da vítima ou então paraperturbar suas faculdades psíquicas de modo a embaraçar ou impedir a capacidade de resistir da vítima. A violência efetiva pode ser física. A violência é presumidaquando não é maior de 14 anos. É alienada ou débil mental e o agente conhecia esta circunstância ou não pode por qualquer outra forma oferecer resistência.
Atentadoviolento ao pudor é a prática de atos libidinosos diferente da conjunção carnal, com força física ou sob ameaça. É a ofensa material de ordem sexual. Aqui não seincluem as palavras, escritos, fotos. Nestes casos, haverá outro crime.
A sedução e estupro só podem ter como vítima mulher. Na sedução há especificação da mulher,virgem, entre 14 e 18 anos. No estupro qualquer mulher, independente de idade e de ser virgem ou não. Como é crime ligado à conjunção carnal terá forçosamente um homemcomo criminoso. São elementos constituintes do crime: O ato libidinoso diverso da conjunção carnal e a violência efetiva ou presumida ou a grave ameaça.
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Sexologia forense
  • Sexologia Forense
  • Sexologia forense
  • sexologia forense
  • Trab Medicina Legal Sexologia Forense
  • Sexologia
  • Sexologia
  • Sexologia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!