Serviço social: identidade e alienação

Páginas: 5 (1083 palavras) Publicado: 6 de junho de 2013
UNIVERSIDADE DO PLANALTO CATARINENSE
SERVIÇO SOCIAL




KAROLINE GONÇALVES




SERVIÇO SOCIAL: IDENTIDADE E ALIENAÇÃO








LAGES
2013



KAROLINE GONÇALVES





SERVIÇO SOCIAL: IDENTIDADE E ALIENAÇÃOTrabalho apresentado ao Professor Gilberto de Sá da disciplina de Metodologia Científica do 1º Semestre do Curso de Serviço Social da Universidade do Planalto Catarinense.












LAGES
2013
SUMÁRIO





1 INTRODUÇÃO...............................................................................
2 SERVIÇO SOCIAL: IDENTIDADE E ALIENAÇÃO.......................
3ANALISE CRITICA.........................................................................
4 CONCLUSÃO.................................................................................
5 REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS..............................................


















INTRODUÇÃO


O conteúdo desse trabalho vai nos trazer um pouco mais de conhecimento sobre osurgimento do Serviço Social, sobre a vida do proletariado, a luta das classes, as consequências de uma sociedade que vivia dominada pelo Capitalismo. Veremos que os trabalhadores sofreram muito,pois o Capitalismo só pensava no lucro acima de tudo,porém eles não ficaram calados diante de tal situação,fizeram greves,manifestos tentando conseguir seus direitos básicos.
O nascimento do Serviço Social,suas origens, quem o influenciou e como era realizada a assistência social naquela época, a forte influencia do capitalismo, fazendo com que os profissionais fossem totalmente alienados, também serão assuntos tratados nesse trabalho.
Esse trabalho é de extrema importância, para que possamos entender a origem dessa profissão, que muitas vezes não é valorizada, a partir do momento que conhecemos ahistoria,como tudo se sucedeu,daremos mais valor a essa tão bela profissão.












SERVIÇO SOCIAL: IDENTIDADE E ALIENÇÃO


O capitalismo queria obter lucro acima de tudo e de todos. Os trabalhadores não tinham seus direitos garantidos,trabalhavam homens,mulheres e crianças durante a mesma extensa jornada de trabalho,ganhando o suficiente apenas para se manterem vivos. Oproletariado vivia em péssimas condições de vida. Como dizia Martinelli(2005,p.42):
O interesse da burguesia pelo proletariado era inteiramente esvaziado de qualquer sentido humano, pois aos seus olhos o operário era apenas e tão somente força de trabalho, uma mercadoria como qualquer outra, da qual necessitava para expandir seu capital.


Mas o proletariado não ficou acomodado diante dessasituação. Os protestos operários podem ser encontrados desde as décadas iniciais do século XIX.Era frequente os ataques contra as maquinas. Para tentar impedir as manifestações o Parlamento Britânico promulga um decreto estabelecendo pena de morte como punição pela destruição das maquinas e fabricas. Com essa medida o proletariado tentou de outras maneiras continuarem: “Os operários passaram a recorrer apetições subescritas por grandes números de operários, mediante as quais exigiam ao Parlamento, a proibição do uso de maquinas, mas não obtiveram resultado.” (MARTINELLI, 2005, p.44). Aos poucos os trabalhadores perceberam que seus maiores inimigos eram não as maquinas mais seus donos.
Do decorrer do tempo os trabalhadores foram conquistando alguns direitos, mas a pobreza e aspéssimas condições de vida continuavam presentes. A burguesia,a Igreja e o Estado se uniram para coibir as manifestações trabalhistas; na Inglaterra o resultado dessa união foi o surgimento da Sociedade de Organização da Caridade em Londres,em 1869,assim surgiu,os primeiros assistentes sociais,como agentes executores da pratica da assistência social,atividade que se profissionalizou sob a denominação...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Serviço social: identidade e alienação
  • Serviço social: identidade e alienação
  • Serviço Social Identidade e Alienação
  • o Serviço Social
  • Serviço social
  • Serviço social: identidade e alienaçao
  • Serviço social- identidade e alienação
  • : Serviço Social: Identidade e Alienação

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!