Segurança trabalho

Páginas: 31 (7637 palavras) Publicado: 29 de maio de 2011
Acta bot. bras. 21(2): 263-275. 2007

Plantas medicinais e ritualísticas vendidas em feiras livres no Município do Rio de Janeiro, RJ, Brasil: estudo de caso nas zonas Norte e Sul1
Veronica Maioli-Azevedo2,3 e Viviane Stern da Fonseca-Kruel2 Recebido em 22/07/2005. Aceito em 18/09/2006
RESUMO – (Plantas medicinais e ritualísticas vendidas em feiras livres no Município do Rio de Janeiro, RJ,Brasil: estudo de caso nas zonas Norte e Sul). O Município do Rio de Janeiro (RJ) possui 210 feiras livres cadastradas pela Prefeitura, destas 33 localizam-se nas zonas Norte e Sul do RJ. O presente estudo teve como objetivos conhecer as plantas medicinais e/ou ritualísticas vendidas em feiras livres no RJ, verificando suas indicações terapêuticas, posologia e procedência, valorizando oconhecimento empírico agregado dos erveiros e suas histórias de vida. Realizou-se 60 entrevistas semi-estruturadas e técnicas de observação direta e participante a 54 erveiros em 33 feiras livres. Relacionou-se 106 espécies vegetais distribuídas em 92 gêneros e 49 famílias; sendo 61 destas associadas exclusivamente ao uso medicinal, 19 ao uso ritualístico e 19 ao uso medicinal-ritual. Foram identificadosmúltiplos usos em duas espécies utilizadas como ritual-alimentar e quatro espécies medicinal-alimentar. As famílias mais representativas foram Asteraceae (18 espécies) e Lamiaceae (11 espécies). Em relação à procedência, 14% dos erveiros informaram que as espécies vendidas são cultivadas, 20% extraem da mata e 66% adquirem as plantas em grandes mercados do Município. Estas informações poderãosubsidiar atividades que possam contribuir para melhor orientação sobre as plantas medicinais e/ou ritualísticas mais vendidas no RJ. Palavras-chave: etnobotânica, feira livre, plantas medicinais, plantas ritualísticas ABSTRACT – (Medicinal and ritual plants sold in street markets of Rio de Janeiro, RJ, Brazil: a case study in the North and South zones). Rio de Janeiro Municipality has 210 licensed streetfairs of which 33 are located in the northern and southern zones. This study aims to identify the medicinal and ritual plants sold at the street fairs in Rio de Janeiro, verify therapeutic use, dosage and origin, and show the importance of the herb sellers´s empirical knowledge and life histories. In 60 private interviews with 54 herb sellers, 106 species (92 genera; 49 families) were recorded:61 for medicinal purposes, 19 for religious application and 19 for medicinal-religious purposes. Some species had multiple uses: two for religious-dietary purposes and four for medicinal-dietary use. The most representative families are Asteraceae (18 species) and Lamiaceae (11 species). As regards origin, 14 % of the herb sellers reported that the species sold were home-grown, 20% extracted themfrom the forest and 66% purchased them from the large municipal open markets. This data will improve our knowledge of the medicinal and ritualistic species sold in street markets of Rio de Janeiro. Key words: ethnobotany, street markets, medicinal plants, ritual plants

Introdução
A etnobotânica pode ser definida como o estudo das sociedades humanas, passadas e presentes, e todos os tipos deinter-relações: ecológicas, evolucionárias e simbólicas; reconhecendo a dinâmica natural das relações entre o ser humano e as plantas (Alexiades 1996). Os estudos etnobotânicos são importantes especialmente no Brasil, uma vez que seu território abriga uma das floras mais ricas do mundo, da qual 99% são desconhecidas quimicamente (Gottlieb et al. 1998). A utilização de plantas medicinais e rituais noBrasil é uma prática comum resultante da forte influência

cultural dos indígenas locais miscigenadas as tradições africanas, oriundas de três séculos de tráfico escravo e da cultura européia trazida pelos colonizadores (Almeida 2003). As feiras livres são um manancial, praticamente inexplorado, de investigações etnobotânicas que podem fornecer informações da maior importância para o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Segurança higiene e segurança do trabalho
  • SEGURANÇA DO TRABALHO
  • Segurança do trabalho
  • seguranca do trabalho
  • segurança trabalho
  • Segurança do trabalho
  • Segurança do trabalho
  • Segurança do trabalho

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!