Saude Ambiental Material

Páginas: 25 (6113 palavras) Publicado: 18 de setembro de 2015
RESUMO
O texto busca contribuir para a discussão dos entrecruzamentos entre os campos da saúde ambiental e da saúde do trabalhador, referenciada no cenário brasileiro das relações produção/trabalho, ambiente e saúde e nas mudanças na organização do SUS, com destaque para o papel da atenção primária à saúde (APS), e se destina a contribuir para as discussões no processo de preparação da 1ªConferência Nacional de Saúde Ambiental (1ª CNSA), prevista para ser realizada em dezembro de 2009. São descritos, de modo sintético, aspectos históricos e conceituais desses campos, algumas das características compartilhadas e as ações esperadas do sistema de saúde, com destaque para o papel da APS e a importância do diálogo com o movimento social. Finalizando, são identificados pontos para uma agendade trabalho comum.
Palavras-chave: Atenção primária à saúde, Atenção básica de saúde, Saúde ambiental, Saúde do trabalhador

ABSTRACT
This paper has the purpose of contributing to the discussion of the crossing areas between Environmental Health and Workers´ Health, in the Brazilian context of Labor, Production, Environment and Health. This paper emerges in the context of the current organizationalchanges of the Brazilian National Health System (SUS), with a major focus on Primary Health Care, having in mind, also, the preparation of the 1st National Environmental Health Conference (1ª CNSA) to be held in December of 2009. So, historical and conceptual aspects of those fields are described in a summarized manner, as well as some shared features and expected actions of the Health System,with emphasis to the role of Primary Health Care and to the importance of the dialogue with the social movement. Finally, some topics for a common agenda were identified by the authors.
Key words: Primary health care, Environmental health, Occupational health and workers' health

 
 
Introdução
A atenção primária à saúde (APS) baseia-se em métodos e tecnologias simplificadas, cientificamentefundamentadas e socialmente aceitas, disponibilizadas ao alcance universal da população como primeiro nível de contato com o sistema de saúde, provendo cuidados o mais próximo possível aos lugares onde as pessoas vivem e trabalham. Esta proposta ganhou dimensão internacional na Conferência sobre Cuidados Primários de Saúde realizada em Alma-Ata, em 1978.
No Brasil, esse conceito foi internalizado noarcabouço jurídico-institucional da saúde, inscrito nos artigos 196 e 200 da carta constitucional de 1988 e na regulamentação do Sistema Único de Saúde (SUS), pela Lei Orgânica da Saúde (Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990). Ele orienta práticas de saúde que buscam religar o conhecimento fragmentado por meio de ações interdisciplinares e intersetoriais, contextualizando o processo saúde-doença nosambientes de vida e de trabalho, com a finalidade de concretizar o direito à saúde, em estreito diálogo com os movimentos sociais organizados.
Os termos atenção primária à saúde (APS) e atenção básica de saúde (ABS) têm sido empregados para designar o primeiro nível de organização da atenção no SUS. Após muita discussão, o termo ABS foi adotado pelo Ministério da Saúde nos documentos oficiais edesigna a política estabelecida para essa área. Entretanto, o termo atenção primária à saúde (APS) tem sido crescentemente utilizado por técnicos, pelo Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde (CONASS) e em documentos oficiais do SUS, nos três níveis de gestão1,2. Neste texto, optou-se por utilizar, preferencialmente, a designação atenção primária à saúde.
Apesar dos avanços registradosno país, ainda há muito por fazer, ao se considerar o lugar onde as pessoas vivem, circulam e trabalham como lócus privilegiado para a definição das prioridades de saúde, na perspectiva da complexidade envolvida no processo saúde-doença, a escassez de recursos financeiros e o aumento do poder técnico e político das comunidades, para o exercício do controle social do SUS. A verticalidade e a...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • saude ambiental
  • Saúde Ambiental
  • Saúde Ambiental
  • Saúde ambiental
  • saúde de ambiental
  • Saude ambiental
  • SAUDE AMBIENTAL
  • saude ambiental

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!