Saúde e Serviço Social no Capitalismo: fundamentos sócio-históricos

Páginas: 25 (6153 palavras) Publicado: 31 de julho de 2014
Universidade Federal do Amazonas – UFAM
Instituto de Ciências Humanas e Letras – ICHL
Departamento de Serviço Social









Saúde e Serviço Social no Capitalismo: fundamentos sócio-históricos.

















Manaus,Maio de 2014



1. FICHAMENTO
BRAVO, Maria Inês Bravo. Saúde e Serviço Social no Capitalismo: Fundamentos sócio-históricos. In: BRAVO, Maria Inês Bravo (Org.). Saúde nos séculos XVIII e XIX: Início da Medicina Social e do Serviço Social – Antecedentes históricos. 1ª ed. São Paulo: Cortez, 2013.

01.01”Modificações ocorridas no final do século XVIII e inicio do século XIX, na Europa [...]nos níveis econômico e político, geraram alterações no sistema capitalista e na atenção à saúde.” (Pág.31)
01.02 “No século XVIII, deu-se o novo avanço das forças produtivas, que aceleram o rumo para o capitalismo industrial [...] as inovações, concernentes à metalurgia, determinaram o aparecimento da maquinofatura [...] permitindo a multiplicação da produtividade do trabalho humano [...].”(Pág.31)
01.03 “O capitalismo industrial alterou as condições de vida da população [...] a população no campo estava menos sujeita a contágio e mais resistente às epidemias.” (Pág.34)
01.04 “As más condições de vida e saúde reduziram a produtividade do trabalho e a situação desesperadora em que se encontrava a classe operária era terreno fértil para movimentos de revolta, que colocavam em perigo aordem constituída.” (Pág. 34)
01.05 “Protoformas de políticas sociais com relação à saúde surgiram a partir do século XVIII, como parte das estratégias destinadas à legitimação da ordem burguesa e da acumulação capitalista. E na segunda metade do século XIX, a saúde foi valorizada como questão política governamental. O crescimento do setor saúde deveu-se à ampliação das necessidades sociais, queforam determinadas tanto pelo processo de acumulação de capital, como pela elevação do nível de luta de classe.” (Pág.34)
01.06 “[...] Serviços de saúde, nos séculos XVIII e XIX, a ênfase é dada à saúde pública e suas atividades foram basicamente relativas a medidas de saneamento do meio.” (Pág.35)
01.07 “O movimento cultural europeu, na metade do século XVIII, foi marcado pelo Iluminismo, tendopor temas básicos a liberdade, o progresso e o homem, retomando algumas teses do Humanismo. Estas propostas influenciaram as práticas profissionais e possibilitaram novas ações no setor saúde.” (Pág.35)
01.08 “Foucault (1979) considera três etapas na formação da Medicina Social: Medicina do Estado na Alemanha, Medicina Urbana na França e Medicina da Força de Trabalho na Inglaterra.” (Pág.35)
01.09“A Alemanha é o primeiro país em que ocorreram modificações mais efetivas na área de saúde, caracterizadas por Foucault (1979) como Medicina do Estado [...] Os Estados alemães procuraram desenvolver uma ação médica centrada no controle de nível de saúde da população.” (Pág.35)
01.10 “A política social, adotada pelos Estados alemães foi decorrente das características próprias às suas estruturassociais. Aí, a saúde e a medicina foram enfatizadas pela noção de polícia médica [...] A polícia médica é o conceito referente ás teorias, políticas e práticas originadas da base política e social do Estado alemão absoluto e mercantilista, nos séculos XVII e XVIII, para agir na esfera da saúde e para assegurar ao monarca e ao Estado poder e riqueza recentes [...] Segundo Donnangelo (1976) a noçãode polícia médica comporta alguns princípios: O Estado deve zelar pela saúde da população [...] e pelo controle da saúde [...]” (Pág. 36 e 37)
01.11 “Na França e na Inglaterra, a preocupação do Estado foi com o estabelecimento de tabelas de natalidade e mortalidade, índice de saúde da população, sem, entretanto, intervenção organizada para elevar o nível de saúde.” (Pág.37)
01.12 “[...] A...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Fundamentos historicos do serviço social
  • Fundamentos historicos do serviço social
  • Capitalismo serviço social ( fundamentos historicos metodolicos srviço social
  • Fundamento historicos serviço social
  • Fundamentos histórico serviço social
  • Fundamentos historicos do serviço social
  • Fundamentos históricos do serviço social
  • Fundamentos Históricos do Serviço Social

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!