Saúde mental e psicologia do trabalho

Páginas: 21 (5112 palavras) Publicado: 28 de junho de 2011
S ÃO P AULO EM P ERSPECTIVA,, 17(2): 2003 S ÃO P AULO EM P ERSPECTIVA 17(2) 102-108, 2003

SAÚDE MENTAL E PSICOLOGIA DO TRABALHO

J OSÉ ROBERTO H ELOANI C LÁUDIO G ARCIA C APITÃO

Resumo: Este artigo objetiva, mediante algumas incursões teóricas e de uma análise sociopsicológica, discutir a forma como o trabalho está organizado em nossa sociedade, bem como as repercussões psíquicasprovocadas pelo trabalho sem sentido. As condições e as exigências do mercado de trabalho na atualidade rotinizam e amortecem o sentido da vida, deixando no corpo as marcas do sofrimento, que se manifestam nas mais variadas doenças classificadas como ocupacionais, além de atentar contra a saúde mental. Palavras-chave: psicodinâmica; trabalho; saúde mental. Abstract: The objective of this paper is todiscuss, trhough some theoretical incursions and a socio-psycological analysis, the way labor is organized in our society and the psychic repercussions criated by the non-sense labors. Conditions and requirements imposed by the current work market make life a matter of routine and deaden its sense, leaving scares of sufferings on bodies which are manifested by various diseases taken as occupationalones and constitute an attack to mental health. Key words: psychodynamic; labor; mental health.

U

m dos objetivos mais recentes da saúde mental não se restringe apenas à cura das doenças ou a sua prevenção, mas envidar esforços para a implementação de recursos que tenham como resultado melhores condições de saúde para a população. Na visão de Bleger (1984), não interessa apenas a ausência dedoenças, mas o desenvolvimento integral das pessoas e da comunidade. A ênfase, então, na saúde mental, desloca-se da doença à saúde e à observação de como os seres humanos vivem em seu cotidiano. Para Dejours (1994), a psicopatologia tradicional está alicerçada no modelo clássico da fisiopatologia das doenças que afetam o corpo. Dedica-se, exclusivamente, ao diagnóstico das doenças mentais, dostranstornos mentais orgânicos, da esquizofrenia, dos transtornos do humor e dos inúmeros transtornos de personalidade. O debate, porém, que este artigo pretende explorar abrange as condições de milhares de pessoas sem imunidade que, embora suportem as pressões, conseguem, de alguma forma, escapar de um transtorno psicótico severo, mas que se mantêm, por assim dizer, no campo da normalidade. Não é raroencontrar pessoas que, por uma condição de sua psicodinâmica interna, possuem a propensão a tra-

balhar em excesso e a divertir-se muito pouco; outras, pelo contrário, passam os dias a divertirem-se; outras ainda não conseguem fazer nem uma coisa nem outra. Sabe-se hoje que tanto o trabalho, quanto a diversão em proporções satisfatórias são critérios para avaliar um funcionamento psíquicosaudável. Na realidade, ao contrário do que muitos possam supor, a organização do trabalho não cria doenças mentais específicas. Os surtos psicóticos e a formação das neuroses dependem da estrutura da personalidade que a pessoa desenvolve desde o início da sua vida, chegando a certa configuração relativamente estável, após o período de ebulição da adolescência – quando as condições sociais sãorelativamente favoráveis –, antes mesmo da pessoa entrar no processo produtivo. No entanto, “o defeito crônico de uma vida mental sem saída mantido pela organização do trabalho, tem provavelmente um efeito que favorece as descompensações psiconeuróticas” (Dejours, 1992:122). Atualmente, observa-se uma pressão constante contra a grande massa de trabalhadores existente em quase todo o mundo. Uma ameaça comobjetivo certeiro faz com que milhares de pessoas sintam-se sobressaltadas, pois a úni-

102

S AÚDE MENTAL E P SICOLOGIA DO T RABALHO

ca ferramenta de que dispõem, sua força de trabalho, pode ser dispensada a qualquer momento. O desprezo assola o universo do trabalho e traz conseqüências drásticas para todos os que têm em seu trabalho sua única forma de sobrevivência. Contudo, a força...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Saúde mental e psicologia do trabalho
  • Saúde mental e psicologia do trabalho
  • Trabalho de Psicologia Clínica e Saúde Mental
  • Psicologia Organizacional (saude mental e psicologia no trabalho)
  • Saude mental e psicologia mental
  • PSICOLOGIA JURÍDICA Saúde de Mental
  • Psicologia e saúde mental
  • Psicologia e saude mental

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!