Síntese analítica do livro “amor, medicina e milagres”

Páginas: 5 (1116 palavras) Publicado: 10 de junho de 2011
FACULDADES INTEGRADAS IPIRANGA
CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA
DISCIPLINA: TERAPIAS ALTERNATIVAS

Síntese Analítica do Livro “Amor, medicina e milagres”

Trabalho acadêmico apresentado à
disciplina Terapias Alternativas como
requisito de nota para a 2ª avaliação
do semestre 2011 / 1

Aluna: Luciana doNascimento Vilhena


Belém – Pará
2011


Siegel, Bernie S. - Amor, medicina e milagres: A cura espontânea de doentes graves, segundo a experiência de um famoso cirurgião norte-americano. São Paulo: Best Seller,
-------------------------------------------------
1989.

O autor do livro em questão, Dr. Bernard S. Siegel (Figura 1), frequentou a Universidade de Colgate ea Faculdade de Medicina da Universidade de Cornell. É membro de duas sociedades escolásticas de honra, Phi Beta Kappa e Alpha Omega Alpha, e licenciou-se com distinção. A sua formação cirúrgica teve lugar no Hospital Yale New Haven e no Hospital Pediátrico de Pittsburgh. É cirurgião pediátrico e cirurgião geral em New Haven.
Fig. 1: Bernie Siegel
O livro divide-se em duas partes. Na primeira oautor trata da conscientização do corpo e na segunda, o autor descreve a importância de o corpo estar atento à mente. Para isso, Bernie Siegel destaca no livro as características dos pacientes que, face a doenças graves e terminais, encontram dentro de si o otimismo e a força capazes de interferir drasticamente em seu processo de cura, mudando o rumo de suas histórias.
Na primeira parte –Conscientizando-se do corpo – Siegel fala de como alguns médicos tratam seus pacientes como doenças, e não como seres humanos. Ele fala que, durante anos, tratou seus pacientes como “máquinas que ele precisava consertar”. Ele cita que o comportamento da pessoa e seu estilo de vida, estão diretamente relacionados com a sua saúde, assim como a forma com que o paciente encara a doença está tambémrelacionada com a possibilidade de cura. Os médicos continuam procedendo como se fosse a doença que ataca as pessoas, mas a verdade é que as pessoas é que contraem a doença, por se tornarem suscetíveis a sua causa. Segundo Siegel, Hipócrates costumava dizer que considerava mais fácil saber que gênero de pessoa tem determinada doença do que descobrir que gênero de doença tem deter-minada pessoa. O autor fazentão uma crítica, afirmando que a medicina volta sua atenção quase que exclusiva aos malefícios da doença, aos pacientes que morrem, enquanto que deveriam prestar mais atenção aos pacientes especiais, como ele chama os pacientes que de repente se curam, por fé, por acreditar.
Em determinado ponto do livro, Siegel faz uma fantástica afirmação fazendo referencia a eutanásia:

“Até que ponto valedizer que estamos prolongando a vida, se o doente se transmutou em nada mais do que uma válvula entre os fluidos intravenosos que entram e a urina que sai?”

Esta afirmação nos faz refletir acerca das limitações que perpassam entre o direito à vida, a agonia dos familiares e o “descansar em paz” do paciente.
A palavra "hospital" deriva de um vocábulo latino que significa "hospedaria", mas pelanossa experiência e pelo que vemos todos os dias nos noticiários da televisão e jornal, raras vezes a instituição hospitalar é de fato hospitaleira. Vemos pacientes morrendo na fila, implorando por um leito, mães quase dando a luz no corredor do hospital, crianças que vão arrancar um dente e, sem ninguém entender o porquê, voltam sem dente algum. Percebemos, então, que pouca atenção se dá aocarinho e à cura. Percebemos em muitos médicos que na rotina deles apenas passam “mais um” paciente e “mais uma” obrigação.
Sabemos que, em determinados hospitais há um aparelho de televisão em cada quarto, mas onde está o vídeo musical, criador, meditativo ou humorístico que ajude a estabelecer um ambiente saudável? Nada mais é feito se não a obrigação de consultar, medicar e internar.
Em um...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • SÍNTESE DO LIVRO AMOR LIQUIDO
  • Resumo do livro tenda dos milagres
  • livro de analitica
  • Sintese de livro
  • O Livro Do Amor
  • livros de amor
  • Historia de Amor em Medicina
  • Amor medicina e milagre

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!