rugosidade no processo de fresamento frontal

Páginas: 7 (1581 palavras) Publicado: 29 de junho de 2015





Estudo da rugosidade no processo de fresamento frontal e
Potência de corte no torneamento.


Disciplina: Usinagem

Título: Estudo da rugosidade no processo de fresamento frontal.

Introdução
A rugosidade pode modificar as propriedades mecânicas da superfície da peça usinada deteriorando-as, sendo por isso muitas vazes utilizada como critério de qualidade. O objetivo é avaliar, através dorugosímetro, a rugosidade apresentada por quatro faces de um paralelepípedo submetidas ao fresamento frontal com diferentes avanços.

Revisão Bibliográfica:
Os desvios micro-geométricos ou as micro-irregularidades constituem a rugosidade superficial. Essa rugosidade é originada pelo próprio processo de formação de cavaco, vibrações da ferramenta, aresta postiça de corte, atrito da superfície deincidência da ferramenta com a peça...
O valor encontrado para esse parâmetro depende da norma adotada (DIN, ISO, ABNT). A norma ISO apresenta dois valores como medida de rugosidade: a médiae a máxima. O primeiro representa um valor aritmético de todos os desvios da linha média dentro do comprimento medido. O segundo representa o valor médio das amplitudes dos cinco picos mais elevados e doscinco vales mais profundos.
Diversos fatores influem sobre a rugosidade, dentre eles tem-se:
a) Avanço: Quanto maior o avanço maior é a rugosidade apresentada pela face fresada.
b)Velocidade de corte: Esse parâmetro exerce grande influencia sobre o acabamento de superfície. Com baixas velocidades de corte há uma formação acentuada de aresta postiça. O material depositado transitoriamente nasuperfície de saída da ferramenta tende a sair sob forma de partículas, as quais aderem ao cavaco e a superfície usinada da peça. Estas partículas além de prejudicarem sensivelmente o acabamento superficial da peça, contribuem para o desgaste da superfície de folga da ferramenta, a qual piora ainda mais o acabamento. Um aumento da velocidade de corte diminui ou acaba com a formação da aresta postiça. Essarelação entre velocidade de corte e rugosidade não ocorre para todos os materiais, o alumínio, por exemplo, apresenta um comportamento diferente do descrito acima.
c) Vibrações: Trepidações caracterizadas pelas vibrações auto-induzidas prejudicam o acabamento superficial da peça.
d) pastilhas: Muitas das pastilhas de fresas têm uma face plana como aresta de secundária, que deve ter comprimentode 3a 10 vezes o avanço o avanço por dente. Com isso, obtém-se uma superfície com melhor acabamento do que com pastilhas com raio de ponta. Nem sempre as pastilhas estão todas em um mesmo plano paralelo à superfície usinada. Quando isso ocorre, somente a(s) pastilha(s) mais saliente(s) gera a superfície acabada. Quando apenas uma pastilha projeta-se em um plano mais saliente que todas as outras, oavanço por volta deve ser menor que a fase plana da pastilha , de tal maneira que uma determinada área da peça que foi fresada em uma volta, ainda possa ser alisada nas subseqüentes.
Para se ter um bom acabamento é necessário ter um bs grande mais de uma aresta de corte esteja no mesmo plano (assim, mais de uma pastilha é responsável pela baixa rugosidade). Nesse caso, as arestas cortantes maissalientes devem estar regularmente distribuídas pela periferia da fresa, para que suas fases planas tenham seus passes superpostos. Por outro lado, se aumenta, a tendência a vibração da peça e da ferramenta também aumenta e portanto a rugosidade tende a piorar. Se o avanço por volta aumenta, há a necessidade de se manter mais de uma aresta no mesmo plano.
Outros fatores, tais como: geometria daferramenta (ângulo de posição, ângulo de saída, ângulo de folga), material da ferramenta e fluido de corte, também influenciam na rugosidade da superfície.




Experimento:
Os experimentos são conduzidos em um centro de usinagem vertical. A fresa apresenta diâmetro de 63mm e número de dentes igual a cinco. A pastilha utilizada é especificada por : R290-12T308M-PM. O processo de fresamento...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • AVALIAÇÃO DO ACABAMENTO SUPERFICIAL DO AÇO ABNT 1020 UTILIZANDO O PROCESSO DE FRESAMENTO FRONTAL
  • Processo de fresamento
  • Processo de fresamento com base em ferramentas intercambiaveis
  • 11 Parametros de Corte no Processo de Usinagem Fresamento
  • Fresamento
  • Fresamento
  • Rugosidade
  • Rugosidade

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!