Rppns e seus incentivos econômicos como mecanismo de proteção da biodiversidade

Páginas: 13 (3099 palavras) Publicado: 4 de março de 2012
[pic]
UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS
CENTRO DE CIÊNCIAS DO AMBIENTE
CIÊNCIAS DO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE NA AMAZÔNIA

RPPNs E SEUS INCENTIVOS ECONÔMICOS COMO MECANISMO DE PROTEÇÃO DA BIODIVERSIDADE

ANDRÉ MACHADO FRANZINI
AUGUSTO KLUCZKOVSKI JUNIOR
JESSICA CANCELLIJOZILMA BATALHA

Trabalho apresentado para obtenção de conceito na Disciplina Economia Ambiental, ministrada pelo Prof. Ph.D. Alexandre Rivas no Programa de Pós-Graduação em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia da Universidade Federal do Amazonas.

Manaus - Amazonas
Maio/2006
INTRODUÇÃO

As florestas tropicais representam 7% da superfícieterrestre do planeta, e estima-se que contenham pelo menos 50% de todas as espécies do mundo. O conjunto de vida, vegetal e animal, constituído pelo agrupamento de tipos de vegetação contíguos e identificáveis em escala regional, com condições geoclimáticas similares e histórias compartilhadas de mudanças, resultando em uma diversidade biológica própria constitui o Bioma (IBGE, 2004).
No Brasilpodemos distinguir diferentes Biomas, tais como: Amazônia, Cerrado, Caatinga, Mata Atlântica, Pantanal e Campos Sulinos. Segundo dados do IBGE/2004, a Amazônia é o principal bioma brasileiro, representando 49,29% do território sendo a maior reserva de diversidade do mundo, ocupando na totalidade 5 estados e mais 4 estados parcialmente. A Mata Atlântica representa 13,04% e ocupa inteiramente 3estados e tendo parcela em mais 12 estados brasileiros. O menor de todos os Biomas é o Pantanal, com 1,76%, ocupando parcialmente 2 estados, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso.
Os biomas geram uma fonte inestimável de biodiversidade e de acordo com a Convenção sobre Biodiversidade (CDB) das Nações Unidas, o termo biodiversidade designa a diversidade de organismos, genótipos, espécies eecossistemas, mas também os conhecimentos sobre essa diversidade.
Esta biodiversidade constitui um importante recurso para a humanidade, não só pelo seu valor utilitário como pelo seu valor estético, sendo que este último tende a confundir-se cada vez mais como o valor utilitário, como o demonstra o crescente impacto econômico dos projetos de ecoturismo.
Uma das mais eficazes estratégiaspara a conservação da biodiversidade é o estabelecimento de áreas protegidas (FILHO, 2004), com a criação das Unidades de Conservação (UC’s). As UC’s são porções do território nacional com características naturais de valor relevante, com objetivos e limites definidos e que aplicam garantias de proteção. A implementação das UC’s apresenta enormes desafios e oportunidades e depende da parceria dediversos setores do governo, da sociedade, das organizações não-governamentais (ONGs) e do conhecimento científico.
Os investimentos são um dos principais insumos para o desenvolvimento sustentável e seu aumento baseia-se nas privatizações (BRASIL, 2002). Todavia, os valores financeiros fixados para a biodiversidade dependerão fortemente dos propósitos da valoração, os quais ocorrerão por meiode escolhas da sociedade. (KIPURI apud SANTOS et al, 2005).
O texto do paper idéia escolhido trata sobre a perda de biodiversidade e diversidade genética em populações animais relacionadas com áreas de ocupação humana e de empreendimentos agropecuários, fator diretamente relacionado com o exposto. O dilema central é: Desmatar ou Conservar? Qual o desmatamento ótimo para instalação deempreendimentos agropecuários?

EXPOSIÇÃO DA PROBLEMÁTICA AMBIENTAL E ECONÔMICA

As florestas tropicais apresentam grande diversidade de espécies, tanto na fauna quanto na flora, todavia nos últimos anos têm sido exploradas de forma intensa reduzindo consequentemente a abundância e riqueza de espécies. O número preciso de espécies que estão se extinguindo nas florestas tropicais não é...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Segurança e mecanismos de proteção
  • Análise de incentivo econômico na politicas públicas
  • Mecanismos de condução estatal do sistema economico
  • Mecanismos e estratégias para a preservação e proteção do patrimonio do cartorio
  • Abuso sexual infantil mecanismos e práticas de proteção
  • Biodiversidade na região neotropical: valores ecológicos, econômicos e sociais.
  • Incentivos econômicos na nova lei de gestão de florestas públicas.
  • MODERNIZAÇÃO ECOLÓGICA: CRESCIMENTO ECONÔMICO VERSUS PROTEÇÃO AMBIENTAL

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!