Roconto de o meu pé de laranja lima

Páginas: 6 (1348 palavras) Publicado: 3 de outubro de 2012
Reconto de Meu pé de laranja lima
Meu pé de laranja lima é uma obra marcante que nos prende a cada momento da acção e nos transpõe para a mente e fantasias de Zezé, um rapaz de apenas cinco anos, mas com uma personalidade fascinante. É, por essa razão, que o leitor não consegue abandonar a narrativa e, no clímax dos acontecimentos, torna-se impossível não ser afetado pelas emoções que estesproporcionam.
Zezé era considerado, por todos, um jovem com muita energia e sem noção dos limites, visto que, constantemente, causava problemas na vizinhança. Sempre que uma queixa ou uma acusação era feita, os seus pais e Jandira, a sua irmã mais velha, batiam-lhe, acreditando que, desta forma, o rapaz corrigiria os erros. Totoca, um dos seus irmãos, muitas vezes afirmava ao jovem que este possuía odiabo no corpo ou que não tinha qualquer valor. A única pessoa que o protegia e defendia era Glória, a sua outra irmã, e, por isso, Zezé tinha um carinho especial pela mesma assim como também admirava o tio Edmundo que, devido à sua idade e experiência, lhe esclarecia diversas questões e todos os aspectos que o intrigavam. Apesar de ser ainda muito jovem, Zezé considerava-se o responsável porLuís, o seu irmão mais novo, fazendo tudo o que estava ao seu alcance para lhe oferecer momentos felizes.
Desde o momento em que o seu pai ficara desempregado, a situação da família tornara-se muito difícil, a sua mãe passou a trabalhar arduamente e viram-se obrigados a considerar mudar-se para uma habitação menor. Foi, nesse local, que Zezé conheceu o pé de laranja lima, uma árvore pouco vistosa epequena, que lhe proporcionou um mundo fantástico, onde podia libertar a sua imaginação. A inocência e a ingenuidade, próprias da sua idade, levaram-no também a personificar as características da árvore, criando, sobre a mesma, a figura de um amigo e de um confidente.
Com a chegada da época natalícia, o estado emocional de todos os seus parentes piorou, uma vez que se depararam com a suaincapacidade perante a compra das prendas e da comida necessária para a ceia. Ao saber de uma distribuição de brinquedos, Zezé quis, de imediato, participar na mesma e levar consigo o seu irmão Luís, sendo, contudo, limitado pelas suas irmãs mais velhas que não os podiam acompanhar até ao local. Após diversas insistências, o jovem conquistou a sua permissão, mas a desilusão invadiu-o por completo, aoconstatar que tudo havia sido em vão, visto que a distribuição terminara antes do previsto. Zezé ficou muito frustrado com o facto de não ter as mesmas oportunidades das outras crianças e, ainda que intencionalmente, acabou por desabafar a Totoca que não gostava de ter nascido numa família pobre. Porém, quando se apercebeu da presença do pai, o arrependimento invadiu-o e, durante todo o dia de Natal, orapaz procurou clientes para engraxar os seus sapatos, angariando dinheiro suficiente para oferecer um maço de tabaco ao seu progenitor. Este não ficou indiferente à acção humilde do filho nem à sua incompreensão, tentando explicar ao mesmo a situação que, infelizmente, vivenciavam.
O facto de Zezé ter aprendido a ler muito cedo, com apenas cinco anos, levou a que os seus pais o matriculassemna escola antes do previsto e, desta forma, acreditavam também que o rapaz não se manteria tão indisciplinado. Na verdade, Zezé revelou-se um dos alunos mais aplicados e a simplicidade e o altruísmo que possuía cativaram a atenção da sua professora. Apesar do seu comportamento no recinto escolar, Zezé não perdera o espírito de aventura e a necessidade de liberdade, cometendo alguns desvios àsregras.
Todas as terças-feiras, o jovem ousava mesmo faltar às aulas para ouvir Ariovaldo, o responsável pela venda dos folhetos sobre as novidades musicais, a cantar na praça pública. A voz fascinante do homem motivou o jovem a oferecer o seu auxílio na comercialização do material e, com alguma persistência, conseguiu conquistar esse lugar. Através dos diversos momentos de convívio, Ariovaldo...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • o meu pe de laranja lima
  • meu pé de laranja lima
  • meu pe de laranja lima
  • O meu pé de laranja lima
  • Meu pé de laranja lima
  • Meu pé de laranja lima
  • pe de laranja lima
  • o meu pé de laranja lima, wikipedia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!