REVOLUÇÃO DE 30, O ESTADO NOVO E O GOVERNO DUTRA.

Páginas: 8 (1917 palavras) Publicado: 9 de abril de 2014
Universidade do Estado do Rio de Janeiro
IFCH – Instituto de filosofia e ciências humanas
Departamento de História
História do Brasil VI










PAPER APRESENTADO AO PROFESSOR ORLANDO BARROS SOBRE A REVOLUÇÃO DE 30, O ESTADO NOVO E O GOVERNO DUTRA.
1- A conjuntura histórica brasileira/internacional, por ocasião do irrompimento da Revolução de 30.
2- Mostre em que circunstânciasse instituiu o Estado Novo e quais foram os aspectos positivos e negativos do regime.
3- Faça uma comparação entre o governo liberal e alinhado aos Estados Unidos de Dutra e o segundo governo Vargas, no qual se procurou retornar o desenvolvimento em bases nacionalistas.








As oligarquias que estavam no poder até 1930, tinham e mantinham uma política, que ficouconhecida como, a “Política dos Governadores” ou ainda, a política do “café com leite”. Candidatos das Oligarquias do Estado de São Paulo (produtor de café) e do Estado de Minas Gerais, ocupavam alternadamente a presidência da República. O Brasil era um país agrário e rural, com uma área urbana em desenvolvimento, pequenas indústrias e uma economia extremamente dependente do café. Essa dependência,nascida durante o Império, dava lucros aos Barões do café, nem sempre ao Estado, na forma de divisas, oriundas das taxas de exportação, Já que houve momentos, em que o Estado contraíu empréstimos para comprar safras de café, em momentos de super-produção ou de queda do preço, no mercado externo e consumidor, desse único produtor nacional, desejado e consumido no mercado internacional.Essas oligarquias, de visão limitada, mantendo-se no poder, através de fraudes eleitorais e de sua força política, recebeu um duro golpe com a “quebra” da bolsa de valores de Nova York. O café, que era uma das “colunas” desse sistema oligárquico, ruiu. A política dos governadores que era outra, partiu. O sistema veio “a baixo”. Desmoronou-se. Washington Luíz quebrou o acordo. A Oligarquia deMinas confrontou-se com a de São Paulo, apoiada pelo Sul(Rio Grande do Sul) e pelo Nordeste (Paraíba). Encenou-se a política dos Governadores, em parte pela inabilidade do presidente, que foi deposto em 24 de Outrubro. Mas , não antes de uma eleição. Houve um candidato do governo( Júlio Preste) e um de oposição( Getúlio Vargas). O candidato do governo ganha a eleição, mas não ganha o poder. O daoposição, perde a eleição, mas ganha o poder. Baseada em acusações de fraude eleitoral e de envolvimento na morte de João Pessoa a oposição dá o Golpe de Estado. É sempre bom lembrar, que dentro do jogo democrático, a Aliança Liberal( composta por todos que apoiavam Getúlio, inclusive Luís Carlos Prestes, que só retirou seu apoio depois da eleição) perdeu a eleição, fraudulenta ou não( quem faz aacusação é quem perdeu) e portanto o que ocorreu foi um golpe de estado, que os historiadores chamam de Revolução de 30. O golpe aconteceu por causa do apoio do exército, das oligarquias dissidentes, de partidos políticos e de associações civis, que entregaram o poder a Getúlio Vargas em 3 de novembro, para um governo provisório.
Era para ser transitório o golpe de estado. O desejo de todosera por uma nova constituição e novas eleições. Havia a necessidade de reorganizar o país. O Liberalismo econômico havia “levado” um duro “golpe” com a queda da bolsa de Nova York e o estado norte americano decidiu intervir na economia. A antiga fórmula estava esgotada; era necessário uma nova, e, essa nova fórmula era um estado forte e intervencionista. O mercado já não estava mais sujeito àssuas próprias leis. O “norte” da economia havia mudado e muitos Estados são influenciados por essa nova ( não tão nova assim) onda. Os Estados totalitários se fortaleceram na Europa, e no Brasil, na pessoa de Getúlio Vargas, que sofre a influência facista e nazista. Getúlio nunca escondeu sua admiração por ambos. Era o “Estado forte”, na cultura, na economia, na política, na sociedade. Um...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Resenha
  • Governo provisório e constitucional e o estado novo
  • Governo de Getúlio Vargas
  • GOVERNO DE VARGAS E A EDUCAÇÃO NO ESTADO NOVO
  • Consolidação da Revolução de 1930 e o Estado Novo
  • governo dutra
  • O governo dutra
  • Governo Dutra

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!