resumo livro historia da infância em Goiás

Páginas: 5 (1206 palavras) Publicado: 20 de outubro de 2014


FILHOS DO PECADO, FILHOS LEGÍTIMOS, MOLEQUES E CURUMINS: OS FILHOS DAS FAMÍLIAS GOIANAS


Segundo Valdez, “as crianças que nasciam fora do casamento, em Goiás eram conhecidas pela Igreja Católica como filhos do pecado ou filhos naturais”.
Os filhos das relações ilícitas (filhos de padres, prostitutas, adúlteros, etc.) e das concubinas (mulheres que não secasavam na igreja) eram considerados “ilegítimos” tanto nas leis da Igreja Católica como para a legislação portuguesa vigente no Brasil nos séculos XVIII e XIV.
Apesar de serem considerados “bastardos”, o direito de batismo se estendia a todos. Meninos e meninas ilegítimos se misturavam com os legítimos e viviam soltos sem qualquer condenação.
Valdez relata que “oconcubinato era comum, pois a maioria dos povos que se dirigiam para Goiás era imigrantes solteiros ou casados que vinham em busca de minas para melhorar sua condição financeira”. A forma goiana de viver era criticada, porém, a proporção dos filhos “naturais” era maior que dos legítimos.
Até os 7 ou 8 anos de idade, a Igreja Católica dizia que eram anjos, após essa idade, serianecessário converte-las , pois chegavam a fase da rebeldia e dos protestos. As crianças escravas até essa idade podiam se misturar com os filhos dos senhores. Já os indígenas tinham uma relação harmoniosa com os seus curumins (crianças).
As crianças, apesar de haver diferenças, viviam provavelmente indiferentes aos preconceitos dos adultos.

FRUTOS DATERRA GOIANA: O
ABANDONO DECRIANÇAS


A autora relata que naquela época como em outras, era regulamentado o abandono de crianças, o que preocupava tanto a Igreja, como os reis e a sociedade. Além de inúmeras crianças abandonadas, existia também o infanticídio (assassínio dos recém-nascidos). Diante disso, no século XVIII, na Europa iniciou-se uma fase voltada para a caridade, e os hospitais passaram areceber crianças abandonadas, mendigos e outros necessitados.
Os pescadores passaram a encontrar em suas redes muitos bebês mortos vitimas de infanticídio, o que comoveu o Papa Inocêncio III (1198-1216), que destinou um hospital ao lado do vaticano para receber os expostos e abandonados.
Foi criada então, a roda dos expostos, a qual tinha forma cilíndrica com umadivisória no meio, era fixada nos muros ou nas janelas das instituições. O expositor colocava







o bebê, girava a roda e puxava um cordão com uma sineta para avisar que uma criança acabara de ser abandonada. A pobreza era a principal justificativa para o abandono de crianças. As rodas foram desativadas por causa da sua ineficiência, no final do século XIX, pois ainda era grande o numero demortes.
Em Goiás, mesmo sendo uma região pobre, pois o ouro não ficava na Província, tinha um reduzido número de crianças abandonadas, porque a população, em sua maioria era indígena. A sociedade indígena tinha certos cuidados com os seus curumins.
Existiam ainda os chamados “bobos”, as famílias que não tinham condições, para não expor crianças às ruas, delegavam aamigos ou parentes a posse da criança, que por sua vez ajudavam nos trabalhos domésticos. As crianças negras eram adotadas “como filhas”, mas eram vitimas de violência domestica que levava ate a morte. O princípio rígido de educação era: “Aprende minha filha. Se você um dia puder, saberá mandar, e se não puder, saberá fazer”.
As crianças indígenas eram adotadas sem oconsentimento de sua tribo ou de seus pais. A autora relata que eles eram presos “por considerar mais fácil transformar índios em civilizados, em tenra idade”. Muitos resistiam e fugiam de seus pais adotivos. As mães, quando se aproximavam pessoas estranhas da tribo, fugiam pela mata com seus curumins, o que mostra uma relação intima e próxima dos indígenas com suas crianças.
O Brasil criou...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Historia da infancia em goiás resumo
  • Resumo da historia de goias
  • Resumo história de goiás
  • Resumo do livro: Sociologia da Infância
  • Resumo livro infancia
  • Historia da Infância em Goiás sec XIII E XIX
  • Resumo do livro Sociologia da Infância no Brasil
  • Resumo do Livro História e Ensino de História

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!