Resumo do livro Os Donos do poder

Páginas: 9 (2210 palavras) Publicado: 16 de maio de 2014
1 INTRODUÇÃO
O poder sempre esteve concentrado nas mãos de poucos desde a formação social e política do Brasil. Faoro busca no seu livro “Os donos do Poder – formação do patronato político brasileiro” explicar que o poder sempre foi exercido por meio do que é chamado de “estamento burocrático”, revelando acontradição entre o processo de modernização do país, cujas bases são instituições“anacrônicas” e comandadas por um “estamento burocrático”. Este se fundamenta num sistema patrimonial do capitalismo politicamente orientado, que nem mesmo a pressão da ideologia liberal e democrática conseguiu quebrar, diluir ou desfazer. O “estamento burocrático”, segundo o autor, tem atravessado toda a história política brasileira, que, no caso da ausência do “quadro administrativo”, a chefia dispersa eassume caráter patriarcal, identificável no mando da pessoa do fazendeiro, do senhor de engenho e dos coronéis.
O objetivo desse artigo concentra-se, exatamente, em identificar os donos do poder ao longo da nossa história. Para tanto, faz-se uma abordagem histórico-crítica da formação do Estado Brasileiro baseado no volume 1 da obra de Faoro que retrata como o Brasil foi governado, desde acolônia, por uma comunidade burocrática que acabou por frustrar o desenvolvimento de uma nação independente.
O artigo está organizado em duas seções. A seção 1 faz uma abordagem histórico-crítica da formação social-política do Brasil desde as raízes de Portugal até o 2º Reinado. Por fim, a seção 2 relata as considerações finais embasadas nos principais pontos enfocados no artigo quanto à concentração depoder ao longo da história.
 
2 FORMAÇÃO SOCIAL- POLÍTICA DO BRASIL
2.1 O ESTADO PORTUGUES: ORIGEM E REVOLUÇÃO 
A Península Ibérica formou e constituiu a sociedade sob o império da guerra.
Assim, a formação de Portugal está ligada às lutas de reconquista da
Península Ibérica com características dentro do feudalismo. Duas civilizações
(uma do oriente outra do ocidente) pelejaram rudementedentro de suas
fronteiras pela hegemonia da Europa. Dos fins do século XI ao XIII, as
constantes batalhas contra o sarraceno e o espanhol garantiram a Portugal a
condado convertido em reino, tenazmente.
A sociedade formada pela nobreza, clero, servos e uns poucos homens livres,
ocupavam-se basicamente da produção agrícola que cobria a região. A
sociedade era feudal com a classe dominantetendo seus privilégios de isenção
de impostos e recebendo contribuições em trabalho dos servos em troca da
proteção militar e do direito de cultivar a terra e o rei como senhor do reino,
tinha instrumento de poder da terra.
No entanto, segundo Faoro (2001, p. 45-59) de 1383 a 1385 Portugal passou
por uma crise, de onde nascera uma nova dinastia, a dinastia de Avis, onde se
deu a fisionomiadefinitiva aos elementos dispersos, vagos, em crescimento.
Em meados do século XIV, a Revolução Portuguesa apresentou
particularidades não apenas no âmbito interno, mas também no âmbito externo
de suas relações. D. Fernando, último soberano da dinastia de Borgonha,
manteve uma política de conflito com o Reino de Castela, trazendo prejuízos à
formação e à ascensão de classe burguesa, que visavacriar condições para a
aquisição de produtos de luxo consumidos pela nobreza. Esse prejuízo
estendeu-se nas relações de troca com a burguesia castelhana, pois esta
permitia a variedade de produtos cuja demanda interna exigia.
Para resolver o problema da sucessão, reuniram-se as Cortes em Coimbra, em
1385. Nesta “reunião”, teve um papel importante o legista, representante da
burguesia, D. Joãodas Regras que, com muita habilidade e conhecimento das
leis, convenceu todos os grupos sociais de que o Mestre de Avis era o único
que tinha condições para ser aclamado rei. Assim, Mestre de Avis foi eleito rei
D. João I, iniciando assim o seu longo reinado (1385-1433).
Seguindo a ordem cronológica dos fatos históricos da nação portuguesa, a
Revolução de Avis (1383-1385), que obteve...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • RESUMO OS DONOS DO PODER
  • Resumo completo do livro Os Donos do Poder, Raymundo Faoro, V.1
  • Resumo 04 AGU e os Donos do Poder
  • Poder legislativo
  • Resumo do Livro O Poder da Paciência
  • Resumo livro Poder sem limites
  • resumo do livro verdadeiro poder
  • resumo do livro poder da paciencia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!