Resumo do livro ética e serviço social fundamentos ontológicos.

Páginas: 13 (3044 palavras) Publicado: 16 de novembro de 2012
Desde os anos sessenta, no Brasil tem inicio um processo de erosão das bases do ethos tradicional do Serviço Social, propiciando uma renovação e um pluralismo capazes de evidenciar a dimensão político ideológica da pratica profissional para assim abrir uma vertente crítica.
Assim nos anos 60/70, os profissionais opta pela participação politica e cívica; amplia sua consciência social e recusa aordem burguesa ideologicamente. Com a influência do movimento de reconceituação e da militância há uma aproximação do marxismo.
Na militância católica, faz opção pelos pobres atuando em atividades de educação popular e formação de quadros políticos junto á população. Num primeiro momento, influenciada por Althusser, que entende que deve abandonar o trabalho nas instituições, passando adesenvolver trabalhos na periferia, nas favelas criando assim novas formas de atuação militante.
No entanto começa a produzir uma literatura critica, voltada á busca de compreensão do significado da profissão e procura buscar elementos para superação crítica denuncia a pretensa neutralidade profissional e anuncia seu compromisso com as classes trabalhadoras.
Através do engajamento politico- partidário,resiste á ditadura, rompe com valores faz escolhas em valores emancipatórios, acredita na liberdade, move- se para intenção de ruptura em seus entraves. No fim da ditadura, começa a se organizar como categoria, muda as normas do III CBAS. Nesse sentido, quando indagamos sobre a ausência de uma reflexão ética sistematizada durante esse período, podemos nós enganar que nesse período não houve,durante esse período a construção de uma nova moralidade profissional.
A construção de uma nova moralidade profissional nos anos 60 e 70, está atrelada á participação politica em oposição ao tradicional, em suas novas formas antigas e reatualizadas o que aponta para a origem da nova ética profissional: sua subordinação imediata á opção política. Tem marcos históricos definidos uma primeira etapa,as décadas de 60 e 70 e a segunda, ilustrada pelas reformulações dos códigos de 1986 e 1993.
A primeira etapa é fundamental porque nela estão dadas as determinações da gênese da nova moralidade profissional construída na participação política, no trabalho com os movimentos populares, na influência das vertentes criticas do movimento da reconceituação latina- americano, na aproximação commarxismo e com os movimentos revolucionários, na militância católica progressista. Disso decorre uma prática característica da reconceituaçaõ, em sua origem: a exigência moral de assumir um posicionamento e face da desigualdade e dos “oprimidos”.
Em face dessa sociedade, enquanto homem e profissional, o assistente social tem que optar: ou aderir á mudança que se processa no sentido da humanizaçãoverdadeira do homem, de seu “mais ser”, ou acomodar-se em favor da permanência.
Através da pratica educativa desenvolvida junto aos movimentos populares, o estudante ou profissional de Serviço social desenvolve uma ação político- organizativa que retoma, em novas bases, ação educativa desenvolvida historicamente.
Na década de 70, inicia-se uma nova etapa do marxismo cristão, marcada pelaTeologia da Libertação e pela revolução Sandinista. A primeira sistematiza e articulação entre marxismo e cristianismo; a segunda realiza praticamente a fusão entre os princípios cristãos e o ideário socialista. A teologia da Libertação influencia a negação da concepção tradicional do Serviço Social, possibilitando a compreensão das determinações da classe à solidariedade com o “pobre”, que não é maisvista como “objeto de caridade e assistência”, os “oprimidos” passam a ser concebidos como sujeitos de sua própria libertação.
Ao enfatizar a unidade entre a ética, educação e politica, o assistente social constrói uma identidade muito próxima á do militante político instituído historicamente nos processos de organização dos movimentos e partidos revolucionários. Quando os valores e concepções...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Ética e Serviço social: fundamentos ontologicos
  • Etica e Serviço Social: Fundamentos Ontologicos
  • Etica e Serviço social- Fundamentos Ontologicos
  • ética e serviço social fundamentos ontológicos
  • etica e servico social fundamentos ontologicos
  • Etica e servico social, fundamentos ontologicos
  • RESUMO DO LIVRO: ÉTICA E SERVIÇO SOCIAL FUNDAMENTOS ONTOLÓGICOS CAPÍTULO 2 RUMO À CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA MORALIDADE
  • Resumo do livro etica e serviço social

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!