Resumo de: Furtado, Celso. 1959[2007]. Cap. I – XV (p. 25-107) de Formação Econômica do Brasil, 34ª ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

Páginas: 13 (3208 palavras) Publicado: 15 de maio de 2014
Universidade de Brasília
Faculdade de Economia, Administração, Contabi-
lidade e Ciência da Informação e Documentação
Formação Econômica do Brasil – II/2008
Prof. José Roberto Novaes de Almeida



















Resumo de:
Furtado, Celso. 1959[2007]. Cap. I – XV (p. 25-107) de Formação Econômica do Brasil, 34ª ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.Ana Letycia Basso Garcia
Matrícula 08/24089
Data de entrega: 12/09/2008
Portugal teve um grande desenvolvimento econômico no século XV com a expansão agrícola das ilhas do Atlântico, a exploração da parte costeira da África e a abertura da rota marítima das Índias Orientais, que diminuiu bruscamente o preço das especiarias. Como tudo isso era independente do comércio doMediterrâneo Oriental, Portugal não sofreu influência significativa com a invasão otomana, o que possibilitou esse sucesso econômico.

O descobrimento da América praticamente não teve importância para Portugal a priori, mas para a Espanha, tal descoberta foi como um presente divino, pois encontravam cá o ouro que as civilizações antigas do México e dos Andes haviam acumulado por toda aexistência delas. Por dois séculos, somente os espanhóis desfrutaram desse tesouro americano.

Portugal e Espanha eram os únicos interessados nas terras recém descobertas, e isso os contrapôs às outras nações européias, principalmente àquelas em expansão comercial, como é o caso de Holanda, França e Inglaterra. Elas exerciam pressão dizendo que portugueses e espanhóis não tinham direito sobre as terras.Isso forçou Portugal a procurar uma utilidade para as terras que a ele pertencia. Era preciso ocupá-las permanentemente ou lhe seriam tomadas. A extração de metais preciosos chamaria a atenção para o local. A solução mais viável encontrada foi a exploração agrícola das terras brasileiras.

A Espanha que perdeu algumas terras com o Tratado de Tordesilhas tomou providências tais como o povoamentode Cuba, para evitar invasões, pois além desse local (tratando-se de terras espanholas) nenhuma nação européia tinha interesse. A Espanha concentra sua atenção na parte que poderia ser a mais desejada, o eixo México-Peru, produtor de metais preciosos. Mesmo assim, aquelas três nações em expansão – França, Inglaterra e Holanda – penetram nas Antilhas.

Ninguém acreditava que uma empresa agrícolapara atender a Europa fosse viável, pois ninguém comercializava produtos desse tipo em larga escala, porque o frete era extremamente elevado em razão da falta de segurança e pela grande distância, o principal produto utilizado na Europa – o trigo – era produzido lá mesmo.

Portugal já conhecia as técnicas e tinha inclusive uma indústria de equipamentos para a produção de cana-de-açúcar, uma vezque já havia desenvolvido essa atividade nas ilhas do Atlântico. O açúcar de Portugal passou a ser encaminhado para Flandres desde cedo, em virtude de desentendimentos com os Venezianos, que detinham o monopólio do açúcar no Mediterrâneo. Isso significa que os holandeses, com extrema organização comercial, contribuíram significativamente para o desenvolvimento do mercado do açúcar, pois elesrefinavam-no e enviavam-no para toda a Europa. Grande parte do financiamento da indústria açucareira era, também, feita pelos Países Baixos.

Não era atrativo para os europeus vir trabalhar nas novas terras, pois seria necessário um bom salário para isso, o que não era viável, além disso, essa mão-de-obra estava escassa em Portugal, devido à empresa das Índias Orientais. A solução para isso foi amão-de-obra escrava, que sendo devidamente barata, possibilitou a implantação da colônia agrícola.

A empresa espanhola de metais preciosos, continuava ativa na sua missão, explorando a grande população de suas colônias como mão-de-obra, eles estavam preocupados com a produção de um excedente liquido, em forma de metais preciosos, que seria transferido para a Espanha periodicamente. Com o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Celso furtado
  • [Resumo] formação econômica do brasil
  • Resumo de celso furtado-formação econômica do brasil
  • Heb resumo celso furtado formacao economica do brasil
  • Resumo Celso Furtado
  • Resumo formação economica do brasil celso furtado
  • Resumo Formação Econômica do Brasil- Celso Furtado
  • Celso furtado

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!