Resumo da obra “O prazer de ler Freud”

Páginas: 8 (1808 palavras) Publicado: 25 de agosto de 2014
UFSJ – Universidade Federal de São João Del Rei











Resumo da obra
“O prazer de ler Freud”










São João Del Rei
2013








Resumo da obra
“O prazer de ler Freud”


Estudo apresentado ao curso de graduação em Psicologia da Universidade Federal de São João Del Rei, como um dos requisitos para a obtenção de créditos na disciplina Metodologia daredação de Trabalhos Científicos.
5º período de Psicologia Noturno.






São João Del Rei
2013
O presente trabalho tem como objetivo fazer uma breve apresentação sobre a obra “O prazer de ler Freud” de Juan-David Nasio. O autor apresenta em seu livro a base da teoria de Freud, trazendo como temas fundamentais alguns conceitos como o inconsciente, recalcamento, sexualidade, complexo deÉdipo entre outros que serão apresentados mais adiante.
A lógica do funcionamento psíquico
Para explicar a lógica do funcionamento do aparelho psíquico, Nasio traz o exemplo de como se dá o funcionamento do esquema neurológico do arco reflexo, o qual rege da seguinte forma: ele recebe uma energia externa, transforma essa energia em ação, no qual é produzida uma tensão e depois libera essa energiapor meio de uma resposta do corpo. O autor então infere que o funcionamento do aparelho psíquico se dá de forma semelhante, porém ele nunca consegue descarregar essa tensão totalmente.
O psiquismo possui algumas características próprias que provocam a diferença no seu modo de funcionar. Uma delas se refere à excitação, que no psiquismo é sempre interna, mesmo quando provém de fontes externas. Afonte da excitação endógena é “um representante ideativo carregado de energia, também chamado representante das pulsões” (1999, p.19). Este representante permanece excitado eternamente, por isso não é possível eliminar completamente uma tensão.
O fato de sua fonte de excitação ser inesgotável e a descarga de energia apenas parcial explica o porquê o psiquismo se mantém sempre sob tensão. É apermanência dessa tensão que Freud vai denominar de desprazer. O prazer absoluto só seria alcançado quando essa tensão fosse imediatamente eliminada. Outra razão para o psiquismo manter-se sob tensão está no “recalcamento”.
Nasio traz o conceito de recalcamento como “um adensamento de energia, uma chapa energética que impede a passagem dos conteúdos inconscientes para o pré-consciente” (1999,p.25/26). Este tem por objetivo proteger o Eu dos riscos que ele correria caso conseguisse satisfazer plenamente a exigência pulsional.
O funcionamento do psiquismo é então resumido em quatro tempos pelo autor – o primeiro tempo é a pressão do inconsciente devido à movimentação da energia; segundo tempo é o recalcamento, que barra essa energia; o terceiro tempo é parte da energia que não conseguetranspor a barreira e que fica no inconsciente; e quarto tempo a energia que consegue ultrapassar a barreira e se tornar uma forma de prazer parcial.
Definições de inconsciente
O conceito de inconsciente é definido pelo autor a partir de vários pontos de vista. Do ponto de vista descritivo traz que as formações do inconsciente podem ser percebidas através dos atos falhos, dos chistes, dos sonhos etambém dos sintomas. Do ponto de vista dinâmico, os produtos do inconsciente são os derivados mascarados do recalcado. Do ponto de vista econômico, as fantasias serão as produções finais do inconsciente. De acordo com o ponto de vista ético, ele é denominado de “desejo”.
As definições anteriores só se completam quando o aparelho psíquico é inserido no tempo e no mundo do outro. O inconsciente éatemporal, ele renova o tempo todo na vida do sujeito, e este se constitui a partir do outro, pois os indivíduos vivem conectados por meio da linguagem, do afeto. O psiquismo é constituído a partir da relação que o indivíduo tem com o outro.
O conceito psicanalítico de sexualidade
As pulsões sexuais são trazidas por Nasio como tendências que vêm de uma zona erógena do corpo, ambicionadas por uma...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • 1. Resenha critica da obra “O PRAZER DE LER FREUD”
  • Fichamento O prazer de ler Freud
  • O prazer de ler freud
  • resumo livro ler e escrever muito prazer
  • Ler é um Prazer
  • prazer de ler
  • Ler por prazer
  • RE: Unidade I

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!